Empresários da Safetline, empresa de Hortolândia especialista em calçados de segurança, também participam da atividade, nesta quarta-feira (26/06)

Universitários da Faculdade Politécnica de Campinas (Policamp), além de empresários da Safetline, empresa de Hortolândia especialista em calçados de segurança, participam, nesta quarta-feira (26/06), do Projeto “Turismo Industrial”, realizado pela Prefeitura. Os participantes visitarão a fábrica da Wickbold, que produz pães e derivados de trigo, localizada no bairro Jardim Terras de Santo Antônio. Durante o tour pela empresa, os visitantes conhecerão a história da indústria e o processo de fabricação dos produtos.

Realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, o projeto “Turismo Industrial” integra o PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento) da Prefeitura de Hortolândia, que prevê investimentos em mais de 100 obras e serviços, em todos os setores do serviço público municipal.

O objetivo do Programa é promover o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. Os recursos financeiros do PIC são fruto de parcerias da Prefeitura com os governos estadual, federal e a iniciativa privada.

OPORTUNIDADE

Iniciado em setembro de 2018, o Projeto “Turismo Industrial” tem como objetivo abrir empresas e indústrias da cidade para a visitação da comunidade, empreendedores, estudantes e investidores. Por meio do projeto, os visitantes poderão conhecer de perto o potencial de Hortolândia. Até o momento, o projeto já promoveu visitas às empresas Wickbold e Greembrier Maxion.

As empresas, indústrias, instituições de ensino e empreendedores que desejarem participar das visitas do projeto “Turismo Industrial” podem entrar em contato com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo pelo telefone 3965-1400, ramal 8911, ou pelo e-mail

\n

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.


.

“Nosso objetivo é aproximar as empresas de Hortolândia dos munícipes, de empreendedores e de outras empresas. Buscamos fortalecer as redes de comunicação e as oportunidades de sinergia com a cidade e entre as empresas, além de dar visibilidade ao nosso parque industrial”, afirmou a secretária adjunta de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, Teresa Santos.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia