Connect with us

Outros

Uma nova tendência entre os brasileiros: o consumo consciente

Publicado

em

Há tempos que as relações de consumo estão em processo de transformação e a onda do consumo consciente ganha cada vez mais destaque. Não é porque algo não serve mais para você que precisa ir para o lixo, e os sebos de livros, brechós de moda ou os sites de classificados online, a exemplo do VivaLocal, estão aí para comprovar esta tendência.

O termo consumo consciente, ou consumo verde, pode até parecer novo, mas de certa forma sempre esteve presente na sociedade. Muitos de nós, quando pequenos, usamos alguma roupa que foi de um irmão ou primo mais velho, livros da escola comprados das mães da turma anterior, aquele primeiro carro logo que aprendemos a dirigir, que compramos de um amigo ou colega de trabalho, sem falar nos móveis que passavam de mão em mão dentro dos membros da família.

A questão é que por muito tempo esse movimento não foi estimulado, sobretudo pela facilidade de acesso para comprar coisas novas. Para se ter uma ideia, uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas, e pelo Serviço de Proteção ao Crédito – Brasil, com entrevistados de todas as capitais do país, aponta que apenas 31% podem ser considerados consumidores conscientes.

Apesar do número parecer pequeno, nos últimos anos uma convergência de fatores tem contribuído para que o tema ganhe mais adeptos. Um desses fatores é, sem dúvida, a capacidade produtiva do planeta; lembrando que não é de hoje que os cientistas e ambientalistas em todo o mundo alertam sobre a necessidade de um olhar mais apurado para a sustentabilidade e fontes renováveis.

Outro fator determinante é a economia. Primeiro veio a crise econômica de 2014, da qual ainda não nos recuperamos, todas as flutuações da balança comercial e do dólar, problemas com a produção agropecuária, e se não bastasse tudo isso, o mundo foi tomado pela pandemia do novo coronavírus. Diante de todas essas mudanças, o consumidor se vê na necessidade de aprender a estabelecer prioridades e ampliar seu critério de qualidade.E assim o consumo consciente vai ganhando força.

Quebrando paradigmas

Durante muito tempo ninguém queria assumir estar usando uma roupa ou móvel que fosse de ‘segunda-mão’. O termo, usado popularmente para descrever um produto usado ou seminovo, ganhou ares pejorativos e era o mesmo que falar que o produto tinha uma qualidade inferior.

Mas a quebra desse paradigma vem acontecendo, principalmente através da moda. Os brechós assumiram o papel de grandes baús para o garimpo de peças que carregam consigo histórias e memórias que as tornam produtos exclusivos. Além de serem produtos raros, muitas vezes únicos, o aspecto financeiro é, digamos, bem atraente: com uma peça de brechó é possível uma economia de até 80% quando comparado às compras de produtos novos em lojas tradicionais.

Outro ponto a se considerar são os nichos de mercado que podem ser explorados a partir do consumo consciente. Estamos falando desde os já conhecidos brechós e sebos, e também de serviços ainda não explorados como lojas onde seja possível, por exemplo, vender todos os móveis da casa e comprar tudo novo, negociação que hoje em dia acontece principalmente através de vendas de garagem, grupos de WhatsApp ou em sites de classificados.

O papel da internet

Em uma busca rápida na internet, através do site VivaLocal, por exemplo, é fácil encontrar diversos produtos e serviços que além de atender àquela necessidade específica, se encaixam nos mais diversos bolsos. Além disso, se você for uma pessoa com habilidades artesanais, tutoriais ensinam formas fáceis de reformas ou personalizações, que transformam as peças, aumentando o valor e a vida útil.

É que quando o assunto é transformação social ou nas relações de consumo, a internet e as facilidades que ela proporciona, assumem um papel de destaque, quer seja pelas possibilidades que a internet oferece na hora de aproximar vendedor e comprador, quer seja por estimular o novo olhar dos consumidores.

É através dela, por exemplo, que a essência do consumo consciente tem se propagando, sobretudo entre os mais jovens, que antes de qualquer decisão de compra, usam o acesso à internet e as redes sociais, para saber a origem dos produtos, o histórico das empresas, e é claro, pechinchar.

Outros

Toyota 2023 deixa o Yaris sedã mais potente e seguro

Publicado

em

Toyota Yaris

No primeiro semestre de 2021 a Toyota deixou de comercializar no mercado brasileiro a linha Etios, que nas versões hatch e sedã eram a porta de entrada para quem desejava ter um modelo da marca na garagem. Mas, a fabricante de origem japonesa manteve a sua produção no interior paulista para atender a demanda de países como Argentina, Peru, Paraguai e Uruguai.

Com isso ficou para a linha Yaris, carro global da marca e sucesso de vendas em diversos países e oferecida nas carrocerias hatch com preço a partir de R$ 93.590,00 e sedã com preço a partir de R$ 97.290,00, tornar-se a primeira opção da marca no Brasil.

O Portal Hortolândia teve a oportunidade de conhecer e avaliar a sedã, que é oferecida nas cores Polar, Cinza Granito, Prata Lua Nova, Preto infinito, Azul Titã e Branco Lunar em três versões: a de entrada XS, com preço a partir de R$ 97.290,00; a intermediária XL, com preço a partir de R$ 106.490,00; e a topo XLS, com preço a partir de R$ 118.690,00.

Todas as três versões com a carroceria sedã são equipadas com o motor 1.5L flex Dual VVT-i, com até 110 cavalos, transmissão automática CVT de sete velocidades, com troca de marchas no volante nas versões XS e XLS, e modos de direção Eco e Sport.

No modo esportivo, o condutor muda a calibragem da transmissão, o que deixa as curvas de aceleração mais curtas e com respostas mais rápidas. E, para quem busca ainda mais economia, o modo Eco prioriza o baixo consumo de combustível e uma condução mais eficiente, portanto.

Externamente o Yaris sedã recebeu na linha 2023 atualizações para dar mais modernidade ao modelo, com um toque esportivo, sem perder a elegância de um carro para a família e conta com para-choques dianteiros redesenhados. As rodas têm um novo desenho dual tone na versão XLS. Todas as versões também contam com DRL em LED e os faróis de neblina são em LED na versão topo XLS. 

Toyota Yaris

No interior seu interior o Toyota Yaris 2023 na carroceria sedã tem um novo estilo no revestimento dos bancos das versões XL e XS e a cor darksilver nos acabamentos.

A central multimídia que equipa todas as versões conta com tela de sete polegadas sensível ao toque, compatível com Android Auto e Apple Carplay. Para os passageiros do banco traseiro, a comodidade tem destaque em duas novas entradas USB, para carregamento de celulares e demais equipamentos eletrônicos.

Para as versões XS e XLS, o modelo conta com ar-condicionado automático e digital, com filtro antipólen. E, na XLS, o modelo é equipado com teto solar elétrico, com acionamento onetouch e função antiesmagamento.

Nas versões XS e XLS, o computador de bordo tem visor multifunção em tela de 4,2′′ em TFT de alta resolução com 16 funções: intensidade de brilho da tela, hodômetro total e parcial, tempo decorrido, consumo médio e instantâneo, autonomia, velocidade média, relógio, temperatura externa, posição de marcha, nível de combustível, velocímetro digital, Eco Wallet, luz de condução econômica e ranking de eficiência com histórico de consumo.

Em termos de segurança, o Yaris 2023 sedã vem de série em todas as versões com controles de tração (TRC), estabilidade (VSC) e assistente de subida em rampa (HAC); freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem (EBD) e assistente de frenagem (BAS); cinto de segurança de três pontos e apoios de cabeça para todos os ocupantes; e ISOFIX com ancoragem Top Tether, uma alça presa também no porta-malas do carro, reforçando ainda mais a segurança.

Para ampliar a segurança, todas versões do modelo saem de fábrica com sete airbags: um de joelho, dois frontais, dois laterais e dois de cortina. Também conta com avisos sonoros de cinto de segurança para passageiros traseiros. Para as versões XS e XLS, foram incorporados ainda dois importantes sistemas de segurança ativa da Toyota:

– Sistema de Pré-Colisão, que emite um alerta sonoro e visual ao motorista, além de fornecer uma carga extra no sistema de frenagem, podendo auxiliar na redução da velocidade do veículo em caso de impacto;

– Alerta de Evasão de Faixa, que emite um alerta sonoro quando o motorista sai da faixa de rolagem sem ligar os indicadores de mudança de direção (setas).

Texto: Sérgio Dias

Fotos: Divulgação

Continue Lendo

Outros

McDia Feliz acontece no próximo dia 27 em todo Brasil

Publicado

em

McDia Feliz

No próximo dia 27 de agosto, sábado, acontece a 34ª edição do McDia Feliz, uma das principais campanhas do país em arrecadação de fundos para causas infantojuvenis.Na data, toda a renda gerada com as vendas de sanduíches Big Mac será revertida para os projetos liderados pelo Instituto Ronald McDonald, que atua na promoção da saúde e bem-estar para crianças, adolescentes e seus familiares, contribuindo com o aumento das chances de cura do câncer infantojuvenil no Brasil, e pelo Instituto Ayrton Senna, que contribui para ampliar oportunidades para os jovens por meio da educação. Desde sua primeira edição, em 1988, a campanha já arrecadou cerca de R$ 350 milhões.

Este ano, o McDia Feliz conta com Tadeu Schmidt como embaixador, representando todos os apoiadores da ação e buscando engajar o público a entrar nessa corrente do bem. Para os interessados em se juntar ao Tadeu nessa campanha pela saúde e educação, ainda dá tempo de participar. A venda antecipada dos tíquetes está disponível pelo site https://www.mcdonalds.com.br/mcdia-feliz/participe no valor individual de R$ 18,00. Estão disponíveis, ainda, opções de kits com dois, quatro e oito tíquetes. Na hora da compra, o consumidor poderá escolher qual das duas causas, saúde ou educação, gostaria de ajudar com a sua contribuição.

Os tíquetes digitais estarão disponíveis para compra até o dia 21 de agosto. Já os físicos podem ser adquiridos até dia 24 do mesmo mês. Ambos poderão ser trocados por sanduíches Big Mac no dia da campanha, no Drive-Tudo ou nos balcões dos restaurantes McDonald’s participantes em todo o Brasil.

Em 2021, McDia Feliz arrecadou R$ 22.5 milhões, representando um crescimento de 13% em relação ao ano anterior. O valor arrecadado beneficiou 66 projetos de 56 instituições que atuam com oncologia pediátrica lideradas pelo Instituto Ronald McDonald em 19 estados brasileiros mais o Distrito Federal, além de projetos educacionais conduzidos pelo Instituto Ayrton Senna, que apoiou mais de 170 mil educadores e 2,3 milhões de estudantes.

Para conferir a lista dos restaurantes participantes, acesse: https://www.mcdonalds.com.br/mcdia-feliz.

Continue Lendo

Outros

Jeep Renegade 2023 ganha motor turbo e perde liderança

Publicado

em

Mesmo sem a opção de motorização turbo, o Jeep Renegade foi o SUV compacto mais vendido no Brasil em 2021, quando teve cerca de 74 mil unidades comercializadas. Foram 10 mil a mais que o segundo colocado, o Hyundai Creta, seguido por Volkswagen T-Cross e Chevrolet Tracker.

O paradoxo é que, com a apresentação da linha 2023, que finalmente atendeu um dos principais pedidos do consumidor e disponibilizou a motorização turbo para o modelo, ele perdeu a liderança nas vendas e ocupa apenas q quarta posição entre os mais vendidos, atrás dos Volkswagen T-Cross, Hyundai Creta e Chevrolet Tracker.

O Portal Hortolândia teve a oportunidade de conhecer e avaliar a versão mais “simples” do modelo, a Sport T270 Turbo Flex AT6. Assim como a S T270 Turbo Flex AT9 4×4 que já avaliamos e as Longitude T270 Turbo Flex AT6 e Trailhawk T270 Turbo Flex AT9 4×4, todas são equipadas com o motorT270.

Essa motorização tem potência de 180 cavalos com gasolina e 185 cavalos com etanol e está disponível com dois tipos de tração: 4×2 com transmissão automática AT6 de seis velocidades e a 4×4 com reduzida e transmissão AT9 de nove velocidades da alemã ZF.

O Jeep Renegade Sport T270 Turbo Flex AT6que avaliamos tem tração dianteira e é equipado de série com o Jeep TractionControl +, sistema de controle de tração que atua em condições em que o veículo tenha piso de baixa aderência com o solo em uma das rodas.

Outro item de série é que, ao acionar o modo de condução Sport, é possível aproveitar ainda mais toda a performance do motor T270, pois é habilitada uma calibração diferenciada, com trocas de marchas mais rápidas que passam a ser realizadas em rotações mais altas.

No design, poucas mudanças em relação ao que você já conhece do Jeep Renegade. A versão conta com os tradicionais faróis circulares em Full LED, que também é oferecido nas demais versões. Ainda conta com luz de direção integrada, que ao ser acionada a seta, toda a borda do conjunto se ilumina, destacando ainda mais o veículo ao mesmo tempo em que aumenta a segurança.

O para-choque frontal tem linhas cruzando a peça horizontalmente e emoldurando os novos faróis auxiliares, também em LED. O conjunto recebeu uma peça proeminente na parte inferior, que destaca a dianteira. A grade de sete fendas agora é emoldurada por reentrâncias em sua base que trazem também elementos do “X” das lanternas.

Na lateral, as novas rodas de liga-leve têm de 17”, mas pode ser opcional até 19”, com desenho atrelado à proposta de cada versão. Os retrovisores trazem luzes de direção integradas contornadas por uma peça retilínea com o nome Jeep gravado em ambos os lados do carro, enquanto os badges laterais adotam novos grafismos.

Na traseira, o “X” que virou marca do Renegade e veio dos tanques de combustível extras dos primeiros Jeep, adota um estilo inédito nas lanternas em LED, que são complementadas pelo novo para-choque traseiro.

Por dentro, a linha tem um volante redesenhado e adornado pelo badge Jeep. O novo apoio de braço central soma mais um easter-egg para os fãs do modelo. As palavras “Jeep 1941” gravadas em baixo relevo servem como um lembrete permanente do ano de nascimento da marca que criou o SUV no mundo.

Seu quadro de instrumentos tem a opção Full Digital de 7” com tela customizável que pode ser ajustada conforme o desejo do motorista. Nele é possível ver parâmetros como pressão do turbo, percentual de potência enviada às rodas e até a força G.

Traz ainda sistema multimídia com tela de até 8,4 polegadas com integração sem fio para Android Auto e Apple CarPlay, além de carregador de celular por indução com novo resfriamento pela saída de ar-condicionado direcionada, evitando superaquecimento comum nesse tipo de dispositivo.

Outros passageiros ainda podem carregar seus smartphones por meio das três entradas USB, sendo uma do tipo A e uma do tipo C no console central na frente e uma do tipo A para os passageiros do banco traseiro. Isso permite que o usuário possa usar o cabo mais adequado ao seu aparelho, sem a necessidade de adaptadores.

A segurança do Jeep Renegade 2023 ficou ainda maior com os seis airbags de série, chegando a sete nas versões 4×4. O modelo conta ainda com uma gama de equipamentos de segurança ativa de série em todas as versões.

Todas as versões também são equipadas com diversos itens de segurança e auxílio à condução. O grande destaque fica pela frenagem autônoma de emergência (AEB), que faz um monitoramento contínuo do tráfego à frente, o assistente de manutenção de faixa (LKA) e a leitura e reconhecimento contínuo das placas de trânsito, indicando no painel a velocidade da via em tempo real.

A segurança é reforçada pelo detector de fadiga, de série em todas as versões. O modelo também pode receber a comutação automática do farol alto, que se ajusta conforme o tráfego ao redor para evitar o ofuscamento de outros veículos ao mesmo tempo em que assegura a melhor iluminação da via à frente.

Para completar, o modelo ainda pode receber faróis com comutador automático do facho alto (AHB), e sistema de estacionamento automático Park Assist.

O Jeep Renegade é oferecido nas cores Granite Crystal, Cinza Sting, Punk’N Orange (exclusiva da versão Trailhawk), Branco Polar, Prata Billet, Azul Jazz e Preto Carbon.

Confira um vídeo com o Jeep Renegade 2023 em https://youtu.be/qGmPbftyLRM.

Continue Lendo

Populares