Nossa Cidade

Prefeitura intensifica combate à dengue com mutirão na região da Vila Real

Agentes de saúde farão vistoria nas casas e equipes de Serviços Urbanos removerão entulho dos quintais

combate a dengue - vila real

O elevado número de pessoas com dengue em Hortolândia e região tem mobilizado todos os municípios em ações mais intensas de combate ao mosquito Aedes aegipyt, transmissor da doença. Apesar de as atividades preventivas serem constantes, a Prefeitura de Hortolândia reforça a realização de arrastões com o objetivo de criar uma força tarefa, em parceria com a população, para a eliminação dos criadouros do mosquito na cidade. Para isso, as Secretarias de Saúde – Atenção Básica e Especializada, e de Serviços Urbanos, atuarão de maneira conjunta, orientando a população e removendo materiais inutilizados que possam acumular água.

Nesta sexta (28) e sábado (29), o mutirão de combate à dengue acontece na região da Vila Real. A localidade que compreende desde o Jardim Boa Esperança até o Jardim das Colinas, identificada como “área 1”, é considerada como região com maior transmissão da doença na cidade. De acordo com o coordenador técnico do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), o veterinário Evandro Alves Cardoso, 40% dos casos de dengue registrados em Hortolândia são de pessoas que residem nesta área. O último balanço divulgado pela Vigilância Epidemiológica do município aponta 1.128 casos positivos da doença em toda a cidade. “O arrastão será realizado em todos os bairros, mas priorizando os locais com maior transmissão. Nesta sexta-feira, por exemplo, vamos iniciar pelo Jardim Boa Esperança, Recanto do Sol e Jardim Primavera”, destacou Cardoso.

No sábado, o arrastão prossegue pelos bairros Jardim Nossa Senhora Auxiliadora, Jardim São Jorge, Nova Hortolândia e parte da Vila Real. A intenção é que, na próxima semana, o mutirão prossiga pelas demais ruas da Vila Real, Vila São Pedro e Parque da Colina.

Durante a ação, agentes de saúde vão visitar todas as casas, vistoriando quintais em busca de criadouros do mosquito Aedes aegipyt. Os moradores serão orientados sobre como prevenir a doença, evitando objetos que possam acumular água parada e servir de depósito para os ovos do mosquito. Também serão distribuídos panfletos informativos.

Já a Secretaria de Serviços Urbanos fará a parte de remoção de entulho, com o auxílio de máquinas e caminhões. Durante a operação, as equipes vão retirar de quintais e calçadas restos de móveis e todo material inutilizado. “É preciso que todos nós estejamos unidos nesta batalha contra a dengue. Só com o esforço de todos é que vamos diminuir os casos da doença”, destacou o secretário de Saúde – Atenção Básica e Especializada, Lourenço Daniel Zanardi.

A população pode colaborar com a operação autorizando a entrada dos agentes nos quintais. Estes profissionais estarão devidamente identificados com crachás e camisetas. Além disso, os moradores devem manter, no dia a dia, hábitos simples de proteção contra o mosquito da dengue: pratos de vasos de plantas precisam ser preenchidos com areia, garrafas devem ser guardadas em local protegido e de cabeça para baixo, pneus e outros objetos que possam acumular água devem ficar em local coberto e livre da chuva, caixas d’água precisam ser limpas periodicamente e cobertas, entre outros cuidados.

Fonte: Assessoria de Comunicação/Prefeitura de Hortolândia

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98