Hortolândia é o único município paulista selecionado; evento será de 27 a 29 de novembro, em Recife 

A Prefeitura de Hortolândia é a única das 645 do Estado de São Paulo selecionada para apresentar o PMAT (Programa de Modernização da Administração Tributária e da Gestão dos Setores Sociais Básicos) na 72ª reunião geral da Frente Nacional de Prefeitos (FNP). A apresentação acontecerá, na próxima segunda-feira (27/11), em Recife (PE). A seleção foi feita por uma comissão formada pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), União Europeia e IBAM (Instituto Brasileiro de Administração Municipal).

Por meio do projeto, a Prefeitura fará investimentos em tecnologia para modernizar a administração tributária, os serviços e o atendimento à população nas unidades municipais de saúde. Os investimentos se darão por meio de uma série de ações, tais como melhoria do cadastro mobiliário, capacitação para servidores das secretarias correlatas, customização de diferentes tipos de software, aquisição de equipamentos para armazenamento e processamento de dados. O objetivo é tornar mais eficiente a gestão municipal e qualificar os gastos públicos. O PMAT foi elaborado pelas Secretarias de Finanças, de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica e de Administração e Gestão de Pessoal.

Os recursos virão por meio do PMAT, linha de financiamento do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), órgão do governo federal. De acordo com a Secretaria de Finanças, o projeto prevê investimentos de até R$ 15 milhões. As ações deverão ser implementadas ao longo de dois anos. A Secretaria de Finanças informa que o projeto já foi enviado para análise da Caixa Econômica Federal.

O Secretário de Finanças, Pedro Galindo, destaca que um dos critérios que contribuíram para o projeto da Prefeitura ter sido selecionado foram a objetividade, o grau de conhecimento da máquina municipal e a qualidade das informações reunidas. “Além disso, elaboramos um projeto com características baseadas nas tecnologias mais atuais. Esse elemento de modernidade e a capacidade de nossas equipes técnicas fizeram a diferença no momento da seleção de projetos, recolocando Hortolândia no mapa da tecnologia”, acrescenta o secretário. Além de Hortolândia, os outros quatro municípios do País selecionados para apresentarem seus PMATs são Piraquara (PR), Juiz de Fora (MG), Cáceres (MT) e Recife (PE).

Artigo anteriorConsultórios do Hospital Mário Covas contam com ar condicionado Destaque
Próximo artigoCourier I