Connect with us

Nossa Cidade

Hortolândia recebe minuta de currículo municipal próprio, construído de maneira participativa

Publicado

em

Documento foi entregue à Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, nesta segunda-feira (20/12)

A construção democrática e participativa do currículo municipal próprio da Educação de Hortolândia ganha forma. Na segunda-feira (20), o presidente do Instituto Brasileiro de Sociologia Aplicada, César Callegari, entregou nas mãos do secretário de Educação, Ciência e Tecnologia, Fernando Moraes, a primeira minuta do documento, que tem mais de 400 páginas. O material foi estruturado e compilado a partir das contribuições surgidas em grupos de trabalho, formações e contribuições enviadas pelos profissionais da rede municipal de ensino, pessoalmente ou via internet.

Após a entrega da minuta, o documento estará disponível para consulta e apontamentos no início do próximo ano letivo, no espaço virtual exclusivo existente no Portal Educação na Rede, o mesmo que já vem sendo utilizado como ferramenta para a construção do currículo, de maneira participativa. Basta acessar este link: https://portaleducacao.hortolandia.sp.gov.br/index.php/curriculo-hortolandia.

A criação do currículo próprio para a rede municipal é parte integrante da proposta da educação, na atual gestão, “Hortolândia, território de saberes: a educação como conceito de integralidade”, e beneficia diretamente mais de 26 mil alunos matriculados na Educação Infantil, no Ensino Fundamental e na EJA (Educação de Jovens e Adultos).

Alegrias e desafios

Para os profissionais da rede municipal de Educação participar desta experiência foi ao mesmo tempo gratificante e desafiador.

“Foi uma experiência muito interessante, que me levou a diversas reflexões, buscas por respostas, por meio das palestras ofertadas pela Secretaria de Educação e dos textos disponibilizados pelos palestrantes. Contribuiu com novos saberes, necessários para inovar e transformar uma educação que está em constante mudança”, avalia a educadora infantil Lídia Santana, da Emeief (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) Luíza Vitória Oliveira Cruz.

“Durante a construção do currículo houve o momento de aprender mais e compartilhar experiências, participando efetivamente de todo o processo. Isso muda a forma de pensar de toda uma comunidade, pois, ao estar inserido, o sentido de pertencer é evidenciado e te faz responsável pela caminhada”, pondera a assistente de direção da Emef Renato da Costa Lima, Luciana Aparecida Avelar.

“Pensar a educação, tendo por base a realidade do nosso município, é fundamental para que as peculiaridades de nossas crianças sejam realmente vistas. Educação é movimento e para este movimento ser ativo é necessário ter olhar sob todas as perspectivas possíveis. Ter um currículo realmente nosso é olhar para nossas crianças, seus anseios e potencialidades e caminhamos para seu desenvolvimento pleno, fundamental para garantir um futuro brilhante a elas”, afirma a coordenadora pedagógica da Emei Jardim Amanda II, Renata Cordeiro.

Nova etapa de participação

Mesmo após a entrega da minuta, o currículo permanece sendo construído coletivamente, com a nova etapa de participação e apontamentos que serão enviados pelos profissionais da Educação, a partir de fevereiro de 2022. Este fato, segundo a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, permite que o documento esteja permeado na identidade, territorialidade, diretrizes e orientações que representam e articulam de forma planejada e dialógica os saberes e aprenderes que emergem do cotidiano escolar, de modo a assegurar os direitos de aprendizagem de nossas crianças, jovens e adultos ao conhecimento humano, cultural, artístico, científico e tecnológico.

“A construção do currículo municipal inaugura um projeto de cidade, de Educação, de relações, de percepções e de formação contínua dos profissionais desta rede municipal. É a materialização histórica do percurso desta importante rede de ensino construído a muitas mãos e sonhos. Hortolândia tem se destacado na RMC (Região Metropolitana de Campinas) com ações e políticas públicas significativas e de potente impacto na educação de nossas crianças, jovens e adultos. Com a produção das Diretrizes Curriculares, avançaremos em muitas ações para a continuidade da garantia dos direitos de aprendizagem de nossos munícipes”, destacou o supervisor educacional Donizeti Faria, responsável na rede por conduzir os trabalhos.

“Depois de todo o percurso colaborativo, fazendo rodas de conversas, sessões formativas e com a construção de todos os aprenderes e saberes, o currículo é absolutamente um marco para a Educação de Hortolândia. Finalizamos a primeira etapa e, agora, na segunda fase, a rede poderá degustar a minuta, fazer contribuições e trazer novos olhares sobre o documento. Consolidado, a partir de 2022, começaremos a implementar essa estrutura curricular. Toda a comunidade escolar será diretamente beneficiada com esta ação, pois fortalecerá as bases da Educação na nossa cidade”, ressaltou o secretário de Educação, Ciência e Tecnologia, Fernando Moraes.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

UBS Campos Verdes aposta em decoração infantil para tranquilizar crianças durante vacinação

Publicado

em

Entrada da unidade está decorada com bexigas coloridas e crianças ganham um brinde

“Ah, foi legal!” Com a inocência característica da infância, Stella Christine (foto), de 8 anos, estendeu o bracinho para ser imunizada contra a COVID-19, sob o olhar carinhoso da avó, Joquebede Bispo de Sousa Oliveira. A menina foi uma das primeiras crianças a ser vacinada na manhã desta sexta-feira (21/01) na UBS (Unidade Básica de Saúde) Campos Verdes. A unidade fez uma decoração para deixar o ambiente mais alegre para a criançada. 

A coordenadora da unidade, Marinete Maria da Silva, explica que a ação foi feita para suavizar o clima da vacinação. “Algumas crianças ficam assustadas quando entram no ambiente de vacinação. Por isso, decoramos a entrada da unidade com bexigas coloridas para alegrá-las”, destaca Marinete. Além disso, a unidade ofereceu um lápis decorado para as crianças após serem vacinadas. Os brindes foram coletados pela equipe da própria unidade por meio de doações.

Joquebede, avó de Stella, destaca a importância de imunizar as crianças. “Temos que vacinar as crianças porque ela vão voltar para as aulas. Tem famílias que estão com medo porque acham que a vacina faz mal. Isso é fake news. A vacina é benéfica para a saúde das crianças. Temos que agradecer a Deus pelo conhecimento da ciência para fazer a vacina”, salienta Joquebede.

VACINAÇÃO NESTE SÁBADO

A Prefeitura de Hortolândia reforça que haverá vacinação contra a COVID-19 para crianças com comorbidade ou deficiência, neste sábado (22/01), das 8h às 15h30, na UBS Campos Verdes, localizada na rua da Confibra, 155. A partir deste sábado, a Secretaria de Saúde ressalta ainda que também poderão ser vacinadas crianças de 5 anos sem comorbidade ou deficiência.   

A vacinação será por livre demanda, com distribuição de senha na unidade. De acordo com a Secretaria de Saúde, serão disponibilizadas 500 doses neste sábado. As crianças receberão duas doses da vacina pediátrica da Pfizer. O intervalo entre a 1ª e a 2ª dose é de oito semanas.

A Secretaria de Saúde reforça a solicitação para que as famílias façam o cadastro das crianças no site Vacina Já (CLIQUE AQUI), do governo do Estado. O cadastro serve para deixar a vacinação mais rápida, e assim evitar filas e aglomeração. Para fazer o cadastro é necessário informar o CPF (Cadastro de Pessoa Física) da criança. Caso a criança ainda não tenha o documento, a Secretaria de Saúde orienta para que a família ou o responsável providencie a emissão do documento da criança em alguma das agências dos Correios da cidade.  

Na vacinação, as crianças deverão ir acompanhadas de pai, mãe ou responsável. Será necessário apresentar laudo que comprove a comorbidade ou a deficiência da criança, com o número do CRM (Conselho Regional de Medicina) do médico que a atende. Também será necessário apresentar comprovante de endereço e o CPF da criança. 

Caso a criança compareça acompanhada de adulto, que não seja pai, mãe ou responsável, ela deverá apresentar o termo de autorização para ser vacinada. O termo deverá ser assinado por pai, mãe ou responsável. O termo está disponível no site da Prefeitura para ser baixado neste LINK. O termo também está disponível em versão impressa nas UBSs da cidade.

A Secretaria de Saúde ainda solicita para que o acompanhante leve a carteira de vacinação da criança para verificar se a carteira está atualizada. Caso a criança esteja em falta com alguma vacina, a equipe da unidade orientará para que a criança aguarde o intervalo de 15 dias após ter sido imunizada contra a COVID-19 para receber as vacinas faltantes.  

A Secretaria de Saúde reforça a solicitação para que a criança venha com apenas um acompanhante para evitar aglomeração na unidade na hora da vacinação.

Caso a criança apresente reação adversa à vacina pediátrica, a Secretaria de Saúde orienta para que ela seja levada aos serviços públicos de urgência e emergência da cidade. As famílias podem consultar informações sobre a vacinação infantil no site da Prefeitura, por meio deste LINK.

LISTA DE ESPERA

Em caso de haver sobra de vacina, a Secretaria de Saúde organizará lista de espera. Para entrar na lista, é necessário que o pai, a mãe ou o responsável da criança envie mensagem via WhatsApp para o número (19) 99920-3204. Na mensagem deverão ser informados o nome do pai, mãe ou responsável, e os seguintes dados da criança: nome, CPF, data de nascimento e idade. A Secretaria de Saúde entrará em contato com as pessoas da lista. As pessoas chamadas terão o prazo de meia hora para levar a criança à unidade onde houve a sobra da vacina.

PRÓXIMA SEMANA

A Secretaria de Saúde informa que a vacinação para crianças continua na próxima semana. Confira abaixo o cronograma da vacinação contra a COVID-19 para crianças na próxima semana:

– Segunda-feira (24/01): UBSs Novo Ângulo e Dom Bruno Gamberini

– Terça-feira (25/01): UBS Rosolém

– Quarta-feira (26/01): UBS Campos Verdes

– Quinta-feira (27/01): UBS Parque do Horto

– Sexta-feira (28/01): UBS Amanda II

Continue Lendo

Nossa Cidade

Ana Perugini confirma pré-candidatura a deputada estadual

Publicado

em

Ana Perugini

A ex-deputada Ana Perugini confirmou nesta sexta-feira (21) sua pré-candidatura a deputada estadual nas eleições de outubro deste ano.

“Vou ficar aqui em São Paulo, perto das minhas filhas. Minha vocação é tocar, ouvir as pessoas e aqui eu acredito que posso contribuir mais. O meu dom natural é esse. Se Deus permitir, é isso que vai acontecer”, afirmou Ana, em entrevista ao jornalista Helton Pimenta.

Ana Perugini participou, na tarde desta sexta, do programa Helton Pimenta Entrevista. A atração é transmitida ao vivo pelo Facebook.

Caso seja eleita deputada estadual, Ana Perugini cumprirá seu terceiro mandato na Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo), onde esteve de 2007 a 2010 e de 2011 a 2014. Entre 2015 e 2019, foi deputada federal. Nos últimos dois anos na Câmara dos Deputados, Ana presidiu a Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher.

Ao conquistar 121.681 votos no pleito de 2014, Ana Perugini foi a primeira mulher eleita deputada federal  na RMC (Região Metropolitana de Campinas).

Ana Perugini é funcionária pública do TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo), com formação em direito pela PUC-Campinas e pós-graduação em gestão pública pela FGV/Perseu Abramo.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Consulta pública para apresentação de propostas para Conferência da Igualdade Racial é prorrogada até o dia 24

Publicado

em

Interessados devem preencher formulário on-line, que se encontra no Portal da Prefeitura, ou impresso disponível no Departamento de Direitos Humanos

A Prefeitura de Hortolândia prorrogou para segunda-feira (24/01) o prazo para inscrições da consulta popular para apresentação de propostas para a V Conferência Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial. Antes, este prazo se encerraria nesta sexta-feira (21/01). Por conta do aumento do número de casos de influenza e da Covid-19, a comissão organizadora mudou a dinâmica da conferência que passará a ser online, com abertura prevista para a próxima sexta-feira (28/01), a partir das 19h, e poderá ser acompanhado pelo canal da Secretaria da Cultura pelo Youtube.

No sábado (29/01), os trabalhos seguem online, a partir das 9h e para participar é necessário se inscrever no link pela plataforma https://docs.google.com/forms/d/1uLuCBMbQ_uF9wTREkM0gPLOcHxx8j5zW6F7-IycL0SI/edit

De acordo com informações do Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres, Setor de Políticas Públicas de Promoção da Igualdade Racial, os interessados em participar da consulta pública devem preencher formulário on-line que se encontra no Portal da Prefeitura – www.hortolandia.sp.gov.br – ou em formato impresso no Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres, localizado na rua João Blumer, 289, no Remanso Campineiro.

“O prazo foi prorrogado, o que aumenta as chances das pessoas interessadas de participar. Como etapa preparatória à V Conferência Municipal de Promoção da Igualdade Racial (COMPIR), estas propostas visam ampliar a participação popular nas demandas da Promoção de Igualdade Racial”, explicou a gerente do Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres, Cícera Abreu.

Continue Lendo

Noticias

Amazon

Populares