Policial

PM flagra quadrilha tentando roubar furgão dos Correios em Hortolândia

Bando rouba veículo dos Correios em Hortolândia
Veículo dos Correios que foi roubado pelos marginais e posteriormente abandonado

A Polícia Militar de Hortolândia prendeu na manhã de ontem quatro homens acusados de assaltar um furgão da empresa Correios. A quadrilha foi flagrada após abandonar o veículo, visto que o mesmo estava vazio, sem mercadorias. Felipe Araújo dos Santos, de 21 anos, cumpriu pena por roubo e estava livre há aproximadamente cinco dias. Ele estava acompanhado de Éder da Silva Graciano Junior, também de 21 anos, além dos adolescentes J. P. A., de 16 anos, que havia saído da Fundação também há cinco dias. A quadrilha era completada por mais um adolescente, M. S. D., de 15 anos, que dirigia o veículo utilizado na ação criminosa.

Segundo a vítima, que preferiu não se identificar, ao passar pela Estrada Municipal Teodor Condiev, onde seguia de Sumaré para Hortolândia, foi surpreendido por um Gol branco que estava emparelhado com o furgão.

A vítima teria dado passagem para o carro, que passou a frente do veículo, fechando-o. De imediato, um dos menores, que estava armado, rendeu o motorista. Outros dois bandidos subiram no veículo.

O homem foi obrigado a dirigir por alguns metros, até os criminosos descobrirem que o caminhão estava vazio. No momento em que desceram do furgão para fugir no Gol, uma viatura da Polícia Militar estava saindo de um bairro rural, beirando a estrada e flagrou a ação.

FUGA

Os policiais deram sinal de parada para os bandidos, que aceleram o veículo e fugiram em direção ao Jardim Nossa Senhora Auxiliadora. Depois de alguns minutos de perseguição, os criminosos acabaram presos.

Durante revista pessoal, a arma mencionada pela vítima não foi encontrada pelos policias, tendo sido, supostamente, dispensada pelos marginais durante a fuga. Com os bandidos, os agentes encontraram dinheiro, o celular da vítima e algumas ferramentas que estavam no furgão.

A quadrilha foi levada para a Delegacia de Polícia de Hortolândia, onde o caso foi registrado como tentativa de roubo, corrupção de menores, ato infracional e formação de quadrilha. Os indiciados foram levados para o CDP (Centro de Detenção Provisório) de Hortolândia. Os menores serão encaminhados aos cuidados da vara da Infância e da Juventude.

A Polícia Civil do Município continuará investigando o caso para tentar descobrir se há alguma relação dessa quadrilha com outros roubos ocorridos na região.

CORREIOS

86 ASSALTOS

A Polícia Federal de Campinas confirmou que está investigando os ataques a veículos de entrega de encomendas comuns e Sedex da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos que têm ocorrido em toda a região, incluindo Sumaré e Hortolândia. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores nos Correios de Campinas e Região, já são quase 85 assaltos às equipes de rua até o mês de agosto (16 deles em Sumaré e Hortolândia), contra 60 ocorrências em todo o ano passado.

Segundo o delegado federal Hermógenes de Freitas Leitão Neto, o trabalho da Polícia Federal no caso consiste, entre outras coisas, no cruzamento de dados para tentar estabelecer um padrão de comportamento dos criminosos e um “mapa” da atuação dos bandidos, mostrando em que regiões se concentram os crimes.

CRIME FEDERAL

Segundo Leitão Neto, a PF entrou no caso porque os Correios é uma empresa pública e, portanto, estes crimes estão “prejudicando bens e serviços federais”. “Todo delito contra os Correios é comunicado à PF e instauramos inquérito policial. Estamos atuando em todas as cidades da nossa região. Tudo que chega ao nosso conhecimento é investigado”, garantiu.

BAIRROS AFETADOS COM A “RESTRIÇÃO DE ENTREGAS” EM SUMARÉ

A lista de localidades afetadas inclui as regiões do Picerno, Nova Veneza, Jardim Maria Antônia e Matão, a saber: Parque Sevilha, Parque Itália, Parque Residencial Salerno, Jardim Martins, Jardim São Luiz, Parque Yolanda, Jardim Santa Clara, Jardim Santa Julia, Parque Residencial Regina, Jardim Eunice, Jardim Barcelona, Jardim Santa Rosa, Jardim Fantinatti, Jardim Paraíso 1, Jardim Paraíso 2, Parque Progresso, Jardim Santiago, Parque Santo Antônio, Jardim Lucélia, Parque Rosa e Silva, Jardim Picerno 1, Jardim Basilicata, Jardim Picerno 2 e Residencial Bordon, Jardim dos Ipês, Jardim Casa Verde, Residencial Parque Pavan e Vila Sol Nascente.

“O estudo dessas áreas com modelo de entrega diferenciado é realizado semestralmente”, explicou, em nota, a empresa. Durante as paralisações ocorridas, os usuários recebiam avisos para retirar os pacotes no Centro de Entrega de Encomendas mais próximo. As entregas já foram normalizadas.

Reportagem: Thiago Alves | Hortolândia

Para mais notícias, eventos e empregos, siga-nos no Google News (clique aqui) e fique informado

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98