A Prefeitura, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, informa que o trabalho de fiscalização ambiental é constante, no município, integrado às Administrações Regionais, e, neste ano, foi intensificado. No último sábado (25/11), aconteceu em 13 pontos críticos, dentre eles no Jd. Amanda 1 e 2, evitando o descarte irregular de cerca de 40 toneladas de entulho e outros resíduos.

Em Hortolândia, o descarte ilegal de resíduos é crime ambiental e pode resultar em multas que variam de R$ 160,43 até R$ 32.068, 00. A população pode contribuir para manter a cidade mais limpa, denunciando o descarte irregular por meio do aplicativo Whatsapp (19) 99976-1840. Existem em funcionamento sete PEVs (Pontos de Entrega Voluntária de Entulhos e outros materiais recicláveis), onde é possível descartar gratuitamente até 1m³ de resíduos sólidos por pessoa mensalmente (1.300kg, ou seja, cerca de 26 sacos de ráfia de 50kg ou o volume de uma caixa d’água de 1.000 litros); um deles funciona no Jd. Amanda, na Rua Augusto dos Anjos, s/n. Ainda não há projeto específico para o espaço. A Prefeitura pretende revitalizá-lo, implantando calçada no local.

Área Verde se transforma em lixão no Jardim Amanda II

Artigo anteriorPrefeitura planta 135 mudas de árvores no entorno da empresa Dell Destaque
Próximo artigoOPERADOR DE PRODUÇÃO I em Campinas