Connect with us

Nossa Cidade

Prefeitura define orçamento para 2014 em R$ 756,2 milhões

Publicado

em

Principal investimento será subsídio do transporte público, com reserva de R$ 7 milhões

Prefeitura define orçamento para 2014

A Prefeitura de Hortolândia, por meio da Secretaria de Finanças, encaminhou o projeto da LOA (Lei Orçamentária Anual) 2014 para análise e votação da Câmara de vereadores. O projeto, que deve ser votado até dezembro, detalha as despesas e a receita previstas para o próximo ano, com a indicação de todas as fontes de recursos e a destinação dos valores arrecadados. Para 2014, o orçamento estimado é de R$ 756,2 milhões. O valor corresponde a uma elevação de 9% em relação ao orçamento que havia sido previsto para 2013.

Este montante deve ser destinado entre a Administração Municipal, a Câmara de Vereadores e o Hortoprev (Instituto de Previdência Municipal), na seguinte proporção: 3% à Câmara (R$ 21,140 milhões); 11% ao Hortoprev (R$ 83,165 milhões); e 86% à Prefeitura (R$ 651,895 milhões). A estimativa de orçamento foi realizada com base na economia atual, levando em conta os reajustes aplicados até o momento, além de uma projeção de arrecadação.

De acordo com o diretor de Planejamento Orçamentário da Secretaria de Finanças, Cristiano Rezende Penha, ao longo do ano os valores vão sendo ajustados, de acordo com a arrecadação consolidada. “Levamos em conta o que foi gasto em 2013 e o que arrecadamos. Pensamos nas dotações orçamentárias para o próximo ano e definimos este orçamento como o ideal”, explicou.

Da receita municipal, o destaque fica para o ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias), com projeção de arrecadação de R$ 210 milhões. Em seguida, vem o ISS (Imposto sobre Serviços), com R$ 108,2 milhões; FPM (Fundo de Participação dos Municípios, com R$ 53,9 milhões; e IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano), com R$ 22,540 milhões. Dos repasses específicos, o Fundeb (Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica), com R$ 89 milhões, além de R$ 19,527 milhões do SUS (Sistema Único de Saúde).

Quanto ao investimentos, dos R$ 651,895 milhões da Prefeitura, 24% (R$ 153,623 milhões) será destinado a obras e melhorias em geral; 35% (R$ 225,301 milhões) para pagamentos de encargos, como a folha de pagamento; 37% (R$ 241,420 milhões) para despesas com custeio da administração pública; e 4% (28 milhões) para pagamento de dívida pública.

Do valor destinado à obras e melhorias, o destaque fica para o subsídio da passagem do transporte coletivo urbano, estimado em R$ 7 milhões para o ano de 2014. A proposta de que a Prefeitura custeasse parte do valor da passagem, hoje estipulada em R$ 2,60, sempre foi prioridade no governo do prefeito Antônio Meira. “Quando fizemos o Plano Plurianual, com a previsão para os próximos quatro anos, incluímos este recurso. Agora, detalhamos quanto será gasto apenas no primeiro ano com o custeio da passagem. É a primeira vez que a Prefeitura inclui subsídio de passagens na lei orçamentária Anual”, ressaltou Penha. A oferta do subsídio será progressiva sendo que, ao longo dos próximos quatro anos (2014-2017), a Prefeitura pode investir R$ 34 milhões na ação.

Outro destaque da LOA 2014 é a previsão de investimentos da ordem de R$ 640 mil em sistema de videomonitoramento. O processo de compra das câmeras já está em andamento, por meio de licitação, e a previsão é que até o final deste ano parte do sistema já esteja em operação. O gerenciamento será de responsabilidade da Guarda Municipal, em parceria com a Polícia Militar.

Na área da saúde, a LOA prevê a construção de uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento) na região do Remanso Campineiro, orçada em R$ 2,4 milhões. Outros R$ 46 milhões devem ser investidos em obras de mobilidade urbana, num pacote de obras denominado “Pró-Transporte” que prevê abertura de novas vias, construções de pontes e viadutos e recapeamento de ruas.

PPA

Recentemente, a Prefeitura encaminhou à Câmara o projeto do PPA (Plano Plurianual) e os anexos da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias). O Plano inclui a previsão das receitas e despesas que devem ser executadas nos três próximos anos do atual governo e no primeiro ano de mandato da próxima gestão. Já a LDO define a forma de execução do orçamento especificamente em 2014. No documento do PPA, a Prefeitura definiu o orçamento para os próximos quatro anos em R$ 3 bilhões.

Fonte: Assessoria de Comunicação / Prefeitura de Hortolândia



Nossa Cidade

A mais nova jogadora profissional de Valorant no país é de Hortolândia

Publicado

em

A hortolandense Natália Vilela do bairro Vila São Pedro, de apenas 17 anos, é conhecida no mundo dos games como DAIKI. E se transformou na mais nova jogadora profissional de Valorant do Brasil, além disso, tem potencial para se tornar atleta revelação e melhor atleta feminina de 2021. Tudo porque concorre em duas categorias no Prêmio eSports Brasil.

E no ano passado, já havia sido escalada no time Gamelanders, para competir, primeiramente, no Valorant Masters Brazil e, logo após, para outro torneio na Islândia. Ou seja, este é apenas o início de uma grande trajetória e, em breve, irá participar de competições maiores na Europa.

Antes de entrar no Valorant, DAIKI teve experiências em Point Blank, CrossFire e CS:GO.

Quer votar na atleta hortolandense, para que ela vença as duas categorias que concorre? Acesse https://peb.gg/

O Que é Valorant?

Valorant é um jogo em primeira pessoa, desenvolvida pela mesma empresa que trouxe League of Legends (LoL), chamada Riot Games. Já são mais de 14 milhões de jogadores pelo mundo e conta com a versão para PC e para mobile.

O game mescla CS:GO e Overwatch e é uma disputa 5 contra 5, dentro de um mapa com diversas possibilidades táticas.

O objetivo do time que estiver em ataque é ativar e explodir a bomba (ou eliminar os jogadores adversários). O time de defesa deverá defender o território. Após a rodada 12, os times invertem de lado. A equipe que fizer 13 pontos primeiro, vence.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Biblioteca Municipal de Hortolândia faz cadastro online de usuários

Publicado

em

Se você gosta de ler, veja só o incentivo que a Prefeitura de Hortolândia oferece a quem quer se associar à Biblioteca Municipal “Terezinha França de Mendonça Duarte”, da Secretaria de Cultura. A partir de agora, é possível se cadastrar sem sair de casa.

Para fazer o COB (Cadastro Online Biblioteca), basta ter uma conta no Gmail, entrar nela e acessar o formulário da Biblioteca e, neste ambiente remoto, postar os documentos necessários à inscrição.

O link do drive é o seguinte: https://docs.google.com/forms/d/1zBpE75KwKuDAwQ8dKSyOjquZEd8dg8ww8GMRF0EuMWE/viewform?edit_requested=true. Os documentos são: foto (selfie), carteira de identidade (RG) e comprovante de endereço. Os arquivos podem estar tanto no formato de foto (jpeg), quanto de documento (PDF).

“O cidadão enviará seus dados e documentos em formato digital, como indicado no formulário que será disponibilizado através de link e QR Code. Depois, é preciso entrar em contato com a biblioteca através dos canais de atendimento (telefone ou WhatsApp), para que a equipe valide as informações e a documentação do solicitante. O cadastro será finalizado e validado somente com a presença do solicitante na biblioteca”, explica a bibliotecária responsável pelo projeto COB, Andreia Santos.

Depois da validação, será agendado horário para que o cadastro seja finalizado presencialmente. O horário sugerido pelo solicitante pode ser aceito, de acordo com a disponibilidade da equipe. O BiblioZap, o whatsapp da Biblioteca, é (19) 98970-7332.
A Biblioteca Municipal fica na Rua Luiz de Camilo Camargo, 581, no piso inferior do Open Shopping, no Centro de Hortolândia. O horário de atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 17h. Para serviços como empréstimos, renovações presenciais, cadastro de usuários, o horário vai até 16h50. Outras informações podem obtidas pelos seguintes canais, telefone: (19) 3887 1684 e e-mail: [email protected].

Segundo a equipe da Biblioteca Municipal, entre as vantagens do COB estão: agendar horário agiliza o atendimento e evita a formação de filas, elimina o custo de cópias impressas e flexibiliza o atendimento da biblioteca, além disso, contribui para a sustentabilidade social, com a redução do uso de papéis.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura de Hortolândia realiza vacinação exclusivamente de 2ª dose contra a COVID-19, neste sábado (23/10)

Publicado

em

A imunização será feita nas UBS Amanda II e Rosolém e no Centro de Lutas Eliel Gomes

Você ainda não recebeu a 2ª dose contra a COVID-19? Então, se liga! Neste sábado (23/10), a Prefeitura de Hortolândia realiza vacinação exclusivamente de 2ª dose para pessoas cuja data está agendada para este sábado e para pessoas que estão atrasadas com a 2ª dose.

A vacinação acontecerá nas UBS (Unidades Básicas de Saúde) Amanda II e Rosolém e no Centro de Lutas Eliel Gomes (para pacientes cuja unidade de referência é a Dom Bruno), localizado na rua Brigadeiro Faria Lima, 400, Vila Real. O horário da vacinação será das 8h às 15h30.

A Secretaria de Saúde reforça a solicitação às pessoas para que completem a imunização com a 2ª dose. De acordo com dados da Secretaria de Saúde, cerca de 18.000 pessoas estão faltantes com a 2ª dose na cidade. A Secretaria de Saúde salienta ainda que é importante completar a imunização para que o município atinja mais rapidamente 100% da população protegida contra a COVID-19 e, assim, agilizar o processo de retomada das atividades presenciais no município.     

Para receber a 2ª dose é necessário levar documento com foto, CPF (Cadastro de Pessoa Física) e o comprovante da 1ª dose. Já os adolescentes com comorbidades ou não devem ir acompanhados de pai, mãe ou responsável. O adolescente também pode receber a 2ª dose desacompanhado. Para isso, ele deve levar o termo de autorização assinado por pai, mãe ou responsável. O termo está disponível nas UBS ou pode ser baixado no site da Prefeitura, no link para o agendamento.

Hortolândia inicia vacinação da 1ª dose contra a COVID-19 por livre demanda, nesta segunda-feira (25/10)

A imunização é realizada de segunda à sexta-feira, das 8h às 15h30

A fim de agilizar ainda mais a imunização contra a COVID-19 na cidade, a Prefeitura de Hortolândia inicia a vacinação da 1ª dose por livre demanda, sem a necessidade de fazer agendamento, nesta segunda-feira (25/10). A vacinação é realizada em diferentes UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município, em cada dia da semana (confira o cronograma abaixo), sempre das 8h às 15h30.

De acordo com a Secretaria de Saúde, para ser imunizado é necessário apresentar Carteira de Identidade ou algum documento com foto, CPF (Cadastro de Pessoa Física) e comprovante de endereço deste ano. Adolescentes de 12 a 17 anos também podem receber a 1ª dose, desde que acompanhados de pai, mãe ou responsável. Os menores também podem receber a vacina desacompanhados. Para isso, eles devem levar o termo de autorização assinado por pai, mãe ou responsável. O termo está disponível nas UBSs ou pode ser baixado no site da Prefeitura, no link para o agendamento (CLIQUE AQUI).

Confira abaixo o cronograma para a vacinação contra a COVID-19 por livre demanda:

Segunda-feira: UBS Figueiras, UBS Novo Ângulo, UBS Orestes Ôngaro, e Centro de Lutas Eliel Gomes (para pacientes cuja unidade de referência é a Dom Bruno)

Terça-feira: UBS Amanda I, UBS Nova Europa, UBS Parque do Horto e UBS Rosolém

Quarta-feira: UBS Campos Verdes, UBS São Jorge e UBS Santiago

Quinta-feira: UBS Santa Esmeralda e UBS Taquara Branca Sexta- feira: UBS Adelaide, UBS Amanda II, UBS Santa Clara e UBS São Bento

Continue Lendo

Populares