O cinema também pode ser utilizado para promover a inclusão social de públicos diferentes. Em comemoração ao Mês do Orgulho LGBTQIA+, a edição desta semana do projeto online “Bate-papo de cinema”, do Ponto MIS (Museu da Imagem e do Som), exibe o filme “Lembro Mais dos Corvos”. O longa-metragem ficará disponível para o público até este sábado (19/06). Para assisti-lo, é necessário fazer inscrição por meio deste LINK. 

O projeto também promoverá no sábado um bate-papo sobre o longa-metragem. Participam do debate a atriz do filme, Julia Katharine, e o crítico de cinema, Henrique Rodrigues. O bate-papo terá mediação do pesquisador Cassio Starling. A ação será ao vivo às 18h no canal do YouTube do Ponto MIS (CLIQUE AQUI), com interpretação em Libras (Linguagem Brasileira de Sinais) para deficientes auditivos.

O filme é um documentário, protagonizado pela atriz transexual Julia Katharine. Durante uma crise de insônia, ela conta histórias e dificuldades que enfrentou em sua vida. O roteiro do longa é de autoria da própria atriz. Com direção de Gustavo Vinagre, a produção ganhou prêmios em festivais internacionais, como o 40º Cinéma du Reel (prêmio de Melhor Filme do Júri Jovem) e o 15º IndieLisboa (Grande Prêmio de Longa Metragem e Prêmio Especial do Júri canais TVCine & Series). O filme tem classificação indicativa de 14 anos.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Artigo anteriorAbertas inscrições para pós-gradução em Ensino de Letras e Literaturas do Instituto Federal
Próximo artigoComo o empréstimo com garantia de imóvel pode ajudar na negociação de dívidas