Motolâncias

O SAMU ( Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ) passou a contar com o atendimento de duas “motolâncias” desde do início deste mês na cidade de Hortolândia. Fazendo atendimento de qualidade e eficiência de Primeiros Socorros a bordo da “Motolância” em prol da população hortolandense. Agilizando e diminuindo as distâncias entre a base do SAMU e o local das ocorrências, seja, em casos clínicos ou acidentes diversos. A cidade de Hortolândia sai na frente na Região Metropolitana de Campinas ( RMC ) neste tipo de atendimento em atividade. Profissionais foram capacitados desde maio ano vigente. A de Hortolândia – SP

A necessidade de uma resposta operacional rápida, eficaz e segura por parte do SAMU 192, vai ao encontro de necessidades cada vez mais prementes no atendimento às situações de urgência e emergência. Assim, a Motolância se insere num contexto em que se busca a excelência do atendimento, pois seu tempo resposta é menor. É uma solução para locomoção mesmo em condições de tráfego ruim e também para o difícil acesso em áreas remotas.

Os socorristas da motolância carregam no baú da moto e em uma mochila, tudo o que faz parte do material de trabalho das ambulâncias, como, desfibrilador eletrônico automático, ataduras, talas, luvas, manta térmica, kit parto, colares cervicais, aparelhos de medição de glicemia e de pressão, termômetro, oximetro, entre outros equipamentos, o que permite o atendimento de primeiros socorros a diversos casos clínicos e traumas.

De acordo com o coordenador José Roberto Silva, “com duas motos com dois pilotos que estão certificados pelo Grupo de Atendimento de Motociclistas de Urgência. Com diminuição do tempo resposta que em algumas situações chega a metade do tempo registrado pelas ambulâncias. Atendendo o protocola já existente no Ministério da Saúde. A motolância atende a princípio de segunda à sexta, das 8h às 17h, futuramente como novas aprovações será de 12h. Na chuva e a noite as motos não irão corre devido ao risco de queda”, finalizou.