Idoso e trabalhadores da saúde foram priorizados; a partir da próxima semana, gestantes, puérperas e criança também serão vacinados
A Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza, que iniciou nesta segunda-feira (17/04), imunizou, em Hortolândia, 2.620 pessoas dos primeiros grupos de risco priorizados, composto por idoso com mais de 60 anos e trabalhadores da saúde. A influenza é um grupo de vírus, como o H1N1, causadores da gripe. De acordo com a Vigilância Epidemiológica da Prefeitura de Hortolândia, o número corresponde a 5,5% da cobertura vacinal do município, que aponta 48 mil pessoas dentro dos grupos de risco indicados pelo Ministério da Saúde. A partir da próxima segunda-feira (24/04), gestantes, puérperas e crianças também serão vacinadas. Os grupos de risco incluem, ainda, doentes crônicos e professores, que serão imunizados a partir do dia 02 de maio.
[ad id=”14221″]
No dia 13 de maio, um sábado, será o Dia D da Campanha com todas as unidades de saúde abertas, além de postos volantes. O objetivo é garantir a imunização das pessoas que não conseguem comparecer aos locais de vacinação de segunda a sexta-feira.
Ao longo de toda a campanha, que vai até 19 de maio, a vacina será oferecida gratuitamente em 17 unidades de saúde, sendo cinco UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e 12 USFs (Unidades de Saúde da Família). As salas de vacina ficam abertas, de segunda a sexta-feira, das 7 às 15h. A exceção é a USF Taquara Branca, onde a sala de vacina funciona somente de terça-feira, das 9h às 15h.
Notificações
Neste ano, o município teve 12 notificações suspeitas de H1N1. Quatro casos foram descartados; os demais seguem em investigação. No ano passado, foram 105 notificações suspeitas, com 21 casos confirmados. A melhor maneira de se prevenir contra a Influenza é através da vacina, mas hábitos de higiene, como cobrir a boca ao tossir e lavar as mãos com frequência reduzem o contágio.

A transmissão da gripe ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos, que, após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias, podem levar o agente infeccioso direto à boca, olhos e nariz. A maioria das pessoas infectadas pelo vírus da Influenza se recupera dentro de uma a duas semanas, sem a necessidade de tratamento médico. No entanto, nas crianças muito pequenas, idosos e portadores de doenças crônicas, a infecção pode evoluir para formas graves.

Confira abaixo os locais de vacinação:
1.        UBS D. Bruno Gamberini (Nova Hortolândia)
2.        UBS Jd. Rosolen
3.        UBS Santa Clara
4.        UBS Novo Ângulo
5.        UBS Jd. Amanda
6.        USF São Sebastião
7.        USF São Jorge
8.        USF Parque do Horto
9.        USF Orestes Ôngaro
10.        USF Santa Esmeralda
11.        USF Santiago
12.        USF Jd. Adelaide
13.        USF São Bento
14.        USF Jd. Amanda
15.        USF Villagio Ghiraldelli
16.        USF Nova Europa
17.        USF Taquara Branca (apenas às terças-feiras)