Um dos setores econômicos mais afetados pela pandemia do Coronavírus é o de turismo. Para apoiar os empreendedores do setor na retomada pós-pandemia, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), o Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) e os municípios da Região Turística Bem Viver, da qual Hortolândia faz parte, lançam o programa “Avança Turismo”. O lançamento será online, no dia 30/06, às 9h. O evento é aberto para a participação de empreendedores que atuam com restaurantes, hotéis, pousadas, agências de turismo, pesqueiros, atrativos turísticos, organizadores de eventos, artesãos e pessoas interessadas em empreender no setor. Para participar, é necessário fazer inscrição por meio deste LINK. 

O programa integra o Plano Regional de Turismo da região. Hortolândia é um dos municípios que compõem a Região Turística Bem Viver. Também fazem parte da região Americana, Campinas, Elias Fausto, Nova Odessa, Santa Bárbara D´Oeste e Sumaré. O evento de lançamento contará com a participação da secretária de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, Monique Freschet, e de representantes dos demais municípios da região.  

No lançamento também serão divulgados cursos para empreendedores do setor. Os cursos, que são uma das ações do programa, estão programados para acontecer entre os meses de julho e novembro deste ano. Serão abordados temas como vendas por e-commerce, elaboração de cardápio, vendas consultivas, higiene e manipulação de alimentos. O objetivo é capacitar os empreendedores na retomada de seus negócios após a pandemia. De acordo com uma pesquisa online feita neste ano pelo Sebrae  em parceria com a FGV (Fundação Getúlio Vargas), o setor de turismo teve queda de 59% no faturamento. 

O evento online terá, ainda, uma apresentação sobre a região e a palestra “Marketing para o seu negócio”, que será ministrada pela consultora do Sebrae, Taís Camargo. 

Para a secretária de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, o programa é uma iniciativa necessária para alavancar a retomada econômica do turismo regional. “Acreditamos que somente com a união entre as cidades da Região Turística Bem Viver podemos recuperar empregos e negócios do setor. Atrair pessoas para consumir e visitar nossas cidades é um dos pilares para uma retomada econômica mais rápida e eficaz. Por este motivo, a Prefeitura apoia todas as iniciativas regionais de desenvolvimento e quer contribuir com isso por meio da atuação de seus empresários e trabalhadores”, destaca Monique.

PLANO REGIONAL

Para incrementar o potencial turístico do município, a Prefeitura de Hortolândia participou do lançamento online do Plano Regional de Turismo da Região Turística (RT) Bem Viver, no fim do ano passado.  A RT Bem Viver está inserida no Mapa do Turismo Brasileiro, instituído em 2013 pelo governo federal. De acordo com informações no site do Ministério do Turismo, a última edição do mapa foi divulgada em 2019.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Artigo anteriorMais de 3,5 mil profissionais da Educação em Hortolândia já receberam a 1ª dose da vacina contra COVID-19
Próximo artigoExperiência de Hortolândia na formação de servidores públicos é publicada em livro sobre “Escolas de Governo”