Nesta segunda-feira (4/05), o Programa Hortolândia Mais Bonita, um conjunto de obras para garantir melhorias no sistema de trânsito em todas as regiões, visual moderno para a cidade e mais qualidade de vida. O evento aconteceu na avenida Anita Garibaldi (antiga avenida 3), no Jardim Amanda, onde serão realizadas as primeiras obras do Programa.

Meira anunciou R$ 50 milhões em novos investimentos, uma parceria da Prefeitura com o governo federal por meio do PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento).  Entre as principais obras a serem realizadas com o recurso está a revitalização de duas importantes vias do comércio: a Luiz Camilo de Camargo (Centro) e a Antonio Fernandes Leite (região do Rosolen), que receberão calçadão, com piso intertravado, paisagismo, acessibilidade, sistema de fiação subterrânea e luminárias LED.

 Também estão previstas a abertura de novas ruas, construção de pontes e rotatórias para melhorar o fluxo de veículos, pavimentação e recapeamento de mais de 50 quilômetros de ruas em diversos bairros, além de reforço na sinalização de trânsito.

 Outra ação importante será a implantação de calçada num trecho de cinco quilômetros ao longo da avenida da Emancipação, desde o trevo de acesso à cidade, próximo da EMS, até a rua Luiz Camilo de Camargo, no Remanso Campineiro.

As intervenções preparam a cidade para os próximos 20 anos, prevendo o constante aumento no número de veículos. De acordo com a Secretaria de Planejamento Urbano, nos últimos 10 anos, a quantidade de automóveis emplacados em Hortolândia saltou de 36.054, em 2005, para 90.124, em 2015, uma elevação de 150% na quantidade de veículos circulando pelas ruas de Hortolândia.

 Além do investimento de R$ 50 milhões anunciados hoje, o programa reúne outras obras em realização ou já entregues pelo atual governo: pontes e viadutos, quatro parques ambientais, moradias populares, modernização do sistema de iluminação pública, novos espaços culturais. “Se for contar tudo, são pelo menos R$ 250 milhões em investimentos que garantirão mais qualidade de vida a todos os moradores de Hortolândia”, disse o prefeito.

 “Hortolândia cresceu e se desenvolveu. Com isso, surgem novas necessidades, como trânsito mais eficiente e qualidade de vida. Precisamos resolver problemas básicos, mas também pensar no futuro e deixar nossa cidade preparada para mais desenvolvimento. Este pacote de obras é um presente entregue à população”, ressaltou Meira.

 “Nossa cidade é cortada pela linha férrea, por uma importante rodovia, por um ribeirão e diversos córregos. Estas obras vão interligar todas as regiões de Hortolândia, facilitando o acesso e a locomoção da população”, destacou o secretário de Obras, Ronaldo Alves dos Reis.

Parques ambientais

Entre os parques ambientais previstos no Programa Hortolândia mais Bonita está o Parque Ambiental Remanso das Águas que será inaugurado no dia 17 de maio. Localizado na região do Jardim Minda e Carmem Cristina, será a maior área pública de lazer do município, com 172.730,64 metros quadrados de extensão, equipada com quadras esportivas, campos de Malha e Bocha, academia ao ar livre, entre outros atrativos. Uma extensão do Parque Remanso das Águas também está prevista, entre o Jardim Santa Rita de Cássia e o Jardim Novo Ângulo.

A fim de proporcionar mais qualidade de vida e opção de lazer à comunidade, a Prefeitura também trabalha na construção de mais dois parques importantes: um entre o Jardim Santa Fé e o Parque Gabriel; outro no próprio Jardim Amanda, com a revitalização da área no entorno das lagoas. Além da pista de caminhada, quadras poliesportivas, campo de areia, academias ao ar livre e estacionamento com 60 vagas, o espaço oferecerá equipamentos esportivos (como o Centro de Lutas) e culturais (como a Escola de Artes e o Teatro Municipal).

Confira as obras e ações que fazem parte do pacote “Hortolândia Mais Bonita”:

  • Revitalização dos centros comerciais da rua Luiz Camilo de Camargo, no Remanso Campineiro, e da avenida Antônio Fernandes Leite, no Jardim Rosolen
  • Asfalto e recuperação de pavimento em diversos bairros
  • Novas rotatórias no Jardim Amanda, Vila Real
  • Calçamento em 5 km de via, ao longo da avenida da Emancipação
  • Travessia sobre córrego, no Jardim Amanda
  • Drenagem de águas pluviais em diversos pontos da cidade
  • Passarela sobre a linha férrea, no Jardim Nova Hortolândia
  • Início de funcionamento da Ponte Estaiada, interligando as regiões Leste e Oeste da cidade
  • Parque Remanso das Águas “Sebastião Batista Pozza”, na região do Jardim Minda e Carmem Cristina
  • Parque Remanso das Águas “Sebastiana Athanásio Bueno”, entre o Jardim Santa Rita de Cássia e o Jardim Novo Ângulo
  • Parque Santa Fé, entre o Jardim Santa Fé e o Parque Gabriel
  • Parque Ambiental Lagoa do Jardim Amanda
  • Iluminação moderna em parques, praças, ruas e avenidas
  • Escola de Artes, no Jardim Amanda
  • Teatro, no Jardim Amanda
  • Remoção de famílias de áreas de risco
  • Construção de 1.652 unidades habitacionais

Obras já entregues:

  • Revitalização da antiga estação ferroviária, com implantação do Centro de Memória “Professor Leovigildo Duarte Junior”, na Região Central
  • Rotatórias no Jardim Flamboyant, Jardim São Sebastião e Região Central
  • Viaduto de ligação entre o Jardim Sumarezinho e o Jardim Santa Emília
  • Viaduto Luciano Morette, no Parque dos Pinheiros
  • Prolongamento da Rua Marcelina Ramos Meira, no Jardim Rosolen (antigo Vielão do Rosolen)
Artigo anteriorÔnibus derruba poste no centro
Próximo artigoChitãozinho & Xororó em Paulínia