SAO PAULO, BRAZIL - SEPTEMBER 18: Malcom #21 of Corinthians celebrates their first goal during the match between Corinthians and Chapecoense for the Brazilian Series A 2014 at arena Corinthians stadium on September 18, 2014 in Sao Paulo, Brazil. (Photo by Alexandre Schneider/Getty Images) *** Local Caption *** Malcom

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran) descobriu um esquema de fraudes na emissão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e encontrou irregularidades envolvendo a obtenção do documento pelo jogador Malcom, do Corinthians.

A carteira do jogador do Corinthians foi registrada em Hortolândia, na região de Campinas, o que é ilegal. O documento tem que ser feito na cidade em que o motorista reside. Malcom afirmou a uma emissora de televisão que tirou a CNH em Santo André, na Grande São Paulo.

O esquema para compra de CNH teria beneficiado cerca de 4.900 pessoas em cidades do interior do estado. Elas tiveram as habilitações suspensas e poderão responder por falsidade ideológica e fraude. Doze funcionários do Detran foram afastados por suspeita de participar do esquema nas cidades de Jundiaí, São Vicente, Laranjal Paulista, Valinhos, São Caetano e Sumaré.

A compra da carteira custaria até R$ 6 mil, segundo a investigação do Detran. O esquema teria movimentado R$ 10 milhões.

Fonte: g1.com.br

Artigo anteriorPrefeitura define viário que interligará Corredor Metropolitano à Ponte da Integração
Próximo artigoDupla tenta fugir, mas é presa com munição e maconha e Jardim São Miguel