A campanha “Hortolândia Solidária: alimente uma vida” completa um mês desde seu lançamento e vai ampliando parcerias. Agora, a ação chega às 18 linhas do transporte público municipal, com pontos de arrecadação de gêneros alimentícios no Terminal Metropolitano, na sede da Secretaria de Mobilidade Urbana e também nos veículos de toda a frota urbana. A ação, apoiada pela Viação Lira, concessionária do transporte coletivo urbano, iniciou neste sábado (15/05) e é promovida pelo Funsol-Hortolândia (Fundo Social de Solidariedade), entidade ligada à Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social da Prefeitura.

Segundo a Secretaria de Mobilidade Urbana, as doações deixadas nas caixas plásticas coletoras dentro dos ônibus são recolhidas à noite, quando os veículos voltam para a garagem; após isso, os itens são entregues ao Funsol. São aceitos alimentos não perecíveis em geral, tais como feijão, arroz, leite em pó, óleo, macarrão, farinhas, açúcar. A exceção fica por conta do sal. A Secretaria de Serviços Urbanos está localizada na Rua Olegário Bueno da Silva, 100, no Remanso Campineiro.

Ponto fixo de doação

Além destes novos pontos temporários, a mobilização conta com um ponto fixo de arrecadação na sede da Secretaria de Serviços Urbanos, com entrada em frente ao portão da Etec-Hortolândia, pela Rua Capitão Lorival Mey, no Remanso Campineiro. Lá, a entrega dos itens pode ser feita, de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h. 

Hortolândia Solidária

Lançada há um mês, a campanha Hortolândia Solidária é permanente e visa beneficiar pessoas em vulnerabilidade social, em situação agravada pela pandemia do Coronavírus. A iniciativa reúne ações e eventos com o intuito de mobilizar a sociedade civil, igrejas de vários credos, empresas, entidades e associações com vistas à arrecadação de alimentos não-perecíveis. Os gêneros coletados pelo Funsol-Hortolândia são encaminhados ao Banco de Alimentos, órgão da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, para triagem e doação a quem mais precisa.

Até o momento, segundo balanço divulgado pelo Banco de Alimentos, nesta segunda-feira (17/05), já foram arrecadadas 22,5 toneladas, das quais 10 toneladas foram distribuídas. 

Entre as ações já realizadas está a #Conexão Solidária, promovida pela EPTV, em parceria com a Administração Municipal. Outra é a campanha “Vacina contra a fome”, em parceria com o Governo do Estado, cujo objetivo é sensibilizar quem será vacinado contra a COVID-19 para que doe alimentos não-perecíveis que compõem a cesta básica.

Entre os apoiadores estão as empresas Furlan Participações, Maxxion, Lamar, Taormina, Colégio Alternativo, Colégio Litera Viva, além da ação em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, no lançamento do ponto fixo de coleta na Secretaria de Serviços Urbanos e dos gêneros coletados em pontos do próprio Banco de Alimentos.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia