Cerimônia de formatura de 40 mulheres aconteceu no Centro de Formação Paulo Freire, nesta segunda-feira (24/06)

A Prefeitura de Hortolândia entregou, nesta segunda-feira (24/06), os certificados de conclusão do curso de Patchwork e Feltro, espécie de artesanato em tecido, para as 40 mulheres que concluíram a qualificação. A atividade do Centro Público de Economia Solidária começou em abril. A cerimônia ocorreu no Centro de Formação Paulo Freire, com a presença de autoridades municipais e familiares das alunas. O objetivo da Prefeitura é despertar o interesse pelo artesanato, formar novos profissionais na área e capacitar o cidadão para gerar renda e emprego.

Durante as aulas, as alunas do curso de Patchwork aprenderam técnicas de costura de ponto alinhavo e o ponto quilt (método essencial na modalidade). As alunas do curso de Feltro aprenderam a executar os pontos de bordado e realizar apliques nos produtos. Todos receberam orientação em como colocar preços nos materiais produzidos.

De acordo com o secretário de Inclusão e Desenvolvimento Social, Régis Athanázio Bueno, o curso rápido foi promovido com foco na geração de renda de mulheres em situação de desemprego. “O feltro é uma tendência no mercado de artesanato e o Patchwork já é comercializado pela delicadeza aplicada nas peças produzidas como guardanapos, colchas, fronhas para travesseiros e enxovais em geral. Ambos proporcionam um aumento extra na renda familiar”, observou o secretário.

Segundo o diretor do Departamento de Economia Solidária, Gerson Ferreira, os cursos atingiram as expectativas da qualificação. “Agora, as alunas estão aptas a atuar e poderão gerar renda para suas famílias”, afirmou o diretor.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia