Connect with us

Eventos

Parque D. Pedro Shopping traz a Campinas exposição Tarsila Para Crianças

Publicado

em

 A exposição Tarsila para Crianças chega, de forma inédita em Campinas, no próximo dia 10 de setembro, no Parque D. Pedro Shopping, administrado pela Aliansce Sonae. Com a curadoria de Tarsila do Amaral, sobrinha-neta da artista, Karina Israel e Patricia Engel Secco, e após várias temporadas de sucesso de público e crítica pelo Brasil, a mostra pode ser visitada até 24 de outubro na Entrada das Árvores. Os ingressos estão disponíveis no site da Sympla .

Tarsila para Crianças é uma exposição bastante colorida e interativa, onde os visitantes podem vivenciar o mundo da pintora unindo aprendizado e divertimento. Estamos honrados em poder proporcionar essa experiência para Campinas e região. É, sem dúvida, um evento que agrada a família toda”, afirma Marcelo Zaffalon, superintendente do Parque D. Pedro Shopping.

A exposição retrata, por meio de um circuito de experiências imersivas, o imaginário de seres, cores e formas da pintora modernista. “O percurso foi especialmente desenhado para levar crianças e jovens a conhecer, de maneira inédita e muito divertida, a pintora mais importante do Brasil, Tarsila do Amaral”, explica Karina Israel.

Na exposição, é possível passear por cenários oníricos de grande beleza e até mesmo interagir com as criações de Tarsila, que apresentam e transmitem o significado de suas obras sob a ótica do universo infantil, a partir de sentidos e sensações. Crianças e adultos podem realizar uma viagem entre diferentes dimensões do universo da pintora mais conhecida do Brasil.

“Tarsila do Amaral criou um mundo único, onírico, incontestavelmente belo e que conversa maravilhosamente bem com o universo infantil”, afirma Tarsilinha. “Fico emocionada ao ver crianças brincando e interagindo com os cenários pintados com as cores caipiras, azul puríssimo, rosa violáceo, amarelo vivo e verde cantante, marca registrada da obra de Tarsila”, complementa Patricia Engel Secco.

A visitação é feita por grupos que entram no espaço a cada 30 minutos e podem circular livremente pelas estações durante este período. O uso de máscara facial é obrigatório. Ao passar por cada estação que possui toque, o visitante é orientado a higienizar as mãos com álcool em gel, disponibilizado no espaço. “A experiência segue todos os protocolos sanitários para garantir a segurança dos visitantes, como já é feito no shopping”, completa Zaffalon.

O ambiente é dividido em sete estações temáticas, com onze intervenções que exaltam a criatividade e o olhar de Tarsila do Amaral:

1. Vila dos Sentidos – A exposição começa com um cenário bucólico que remete à infância de Tarsila na fazenda São Bernardo, onde cresceu brincando com seus mais de 40 gatos e ao som de sua mãe tocando piano. Uma minivila caipira é formada por 4 casinhas tridimensionais, rodeadas por cestos de frutas, com base no quadro A Feira .

Cada casinha apresenta uma característica marcante relacionada à infância da pintora, como o quarto com escova e espelho da época, a sala de estar com piano, foto de família e seus gatos de estimação, seu perfume favorito (Moment Supreme, do Jean Patou), o sabonete (Pinot), objetos daquele tempo, e a cozinha com as frutas. As casas têm janelas que remetem à vista da fazenda, pintada por Tarsila em diversas obras.

2. Jardim Afetivo – Os visitantes são convidados a embarcar em uma viagem sensorial, com animações e sons, como, por exemplo, os ruídos da estação de ferro, a caixinha de música, o coaxar do sapo, os grilos, que remetem diretamente a quatro quadros de Tarsila:

Quadro 1 – O Sapo – Um sapo sorridente e juvenil tenta decidir entre a luz do Sol, ao fundo, e o frescor da terra úmida e da sombra, à sua frente. Acima, uma floresta de cactos compartilha involuntariamente da indecisão do pequeno anfíbio.

Quadro 2 – Estação de Ferro – Em uma paisagem repleta de símbolos e sinais ferroviários, o morro com casas humildes e coloridas se mistura aos trilhos e vagões de uma das principais ferrovias do Brasil, a Estação de Ferro Central do Brasil, que no início do século XX interligava a então capital do Brasil, Rio de Janeiro, a São Paulo e Belo Horizonte, importantes capitais estaduais.

Quadro 3 – A Boneca – Em seu vestido rodado cor-de-rosa, a boneca parece descansar enquanto se prepara para mais uma dança no universo colorido de Tarsila, onde os tons de azul puríssimo convivem sem se encontrar, o branco traça caminhos, provendo apoio, emoldurando janelas possíveis e fazendo sonhar, sem deixar de conceder espaço para o verde cantante e outros tons de rosa, em um cenário de pura magia.

Quadro 4 – Paisagem com Touro I – Entre casarios de um Brasil rural que Tarsila conhecia tão bem, posto que passou sua infância em fazendas no interior do estado de São Paulo, um touro branco nos observa altivamente, como que se apresentando como o guardião do terreiro e da fazenda.

3. As Cores de Tarsila – Neste ambiente estão expostas reproduções de alguns quadros e as principais cores da paleta de Tarsila, as cores caipiras: azul puríssimo, rosa violáceo, amarelo vivo e verde cantante.

As pessoas são convidadas a se posicionar nos balanços e percebem que no chão há uma projeção que repercute o movimento de cada pincel e vai misturando as cores, dando origem a uma infinidade de pinturas digitais aleatórias. O público pode ainda, nesta área, responder a um quiz para adivinhar qual quadro está com a paleta de cores da artista.

4. Toca da Cuca – Inspirado no quadro A Cuca, o visitante encontra no espaço, uma projeção com bichos divertidos, os seres imaginários presentes na obra de Tarsila do Amaral, que passam correndo por uma espécie de tapete imersivo, projetado dentro da Toca da Cuca cenográfica, com acesso pelo túnel da lagarta.

5. Sol Poente – Com cenografia baseada na obra homônima, o espaço é um cenário para fotos e brincadeiras com os animais oníricos de Tarsila. Ao fundo, semicírculos alaranjados permitem que o visitante se sinta como que apreciando o Sol por atrás da verdejante colina, repleta de mandacarus.

6. Floresta dos ovos rosas – Com cenografia e ambientação sonora do que seria a floresta onírica do quadro Floresta, o público pode brincar com os ovos projetados no piso.

7. Universo Tarsila – Tendo como referência diversas paisagens rurais da obra da pintora modernista, as crianças podem colorir diferentes elementos e animais imaginários que habitam o extraordinário e colorido universo de Tarsila, os quais ganham vida em uma parede interativa.

8. O Ovo – Baseada na obra Urutu, a instalação permite que adultos e crianças possam descobrir, observando através de pequenos buracos, qual criatura habita o ovo misterioso.

9. O Touro – A criançada ainda se surpreenderá com o mugir do touro preto (O Touro), que protege com seu rugido quem pensar em fazer mal à natureza. O público pode tirar fotos no Instapoint do touro.

10. A Lua – Um aconchegante balanço em formato de Lua remete ao quadro que foi adquirido pelo MoMA (Museu de Arte Moderna de Nova Iorque) em fevereiro de 2019. Na obra de Tarsila do Amaral, um observador solitário aprecia a Lua formosa, pintada com a cor do Sol, que ilumina campos, colinas e um riacho em curva tão fechada e circular, que se opõe à própria Lua, sem saber se está minguando ou crescendo.

11. Papo com o Abaporu – Em frente a uma reprodução do quadro Abaporu, a mais importante obra de arte do país, símbolo do Modernismo Brasileiro e do Movimento Antropofágico, existe um totem touchscreen no qual o próprio Abaporu convida o visitante a testar seu conhecimento sobre a obra e vida da artista.

Serviço:

Exposição Tarsila para Crianças no Parque D. Pedro Shopping
Local: Entrada das Árvores (Próximo à Praça BeGreen)
Endereço: Av. Guilherme Campos, 500 – Jardim Santa Genebra
Quando: De 10 de setembro a 24 de outubro
Ingressos: R$ 45,00 e R$ 22,50 (meia-entrada)
Venda: https://bileto.sympla.com.br/event/68607/d/105835
*Ingresso vendido no local apenas com cartão
Horário de funcionamento: segunda-feira a sábado, das 10h às 20h30h; domingos e feriados, das 11h às 18h30h.
Mais informações: Parque D Pedro
*Crianças abaixo de 12 anos entram somente com acompanhante
**Crianças de até 1 ano e 11 meses não pagam

Eventos

Campinas deve receber Festival do Torresmo no começo de novembro

Publicado

em

De 06 a 07 de novembro, Campinas deve receber o “Festival do Torresmo”.

O grande festival pretende movimentar a região e deixar o aroma irresistível. O evento deve acontecer na Estação Cultura de Campinas – Praça Mal Floriano Peixoto – Vila Rialto, Campinas – SP, 13010-061.

Os visitantes poderão se deliciar com o que tem de melhor da proteína suína como: joelho de porco, leitão pururuca, costela suína, pernil, panceta e as mais variadas opções de torresmo.

Haverá, também, incríveis cervejarias convidadas. Serão diversos rótulos com o que se produz de melhor na indústria cervejeira. Opções não faltarão e prometem agradar pessoas de todos os gostos.

A entrada e as atrações culturais são gratuitas para toda a família. Os alimentos que forem consumidos são pagos a parte. Os preços dos lanches e pratos variam entre R$ 10,00 e R$ 50,00.

Vale ressaltar que o Festival seguirá os protocolos no combate ao Covid-19, com o uso de máscara, álcool em gel e distanciamento social. A organização é da Focus Produções e Eventos.

Serviço:
Festival de Torresmo de Campinas
Estamos seguindo todos os protocolos de contenção do COVID
Uso obrigatório de máscara
Fotos da internet
Data: 6 e 7 de Novembro
Sábado 10 às 20h
Domingo 10 as 20h
Realização : Art Shine Promoções e eventos
Local: Estação Cultura de Campinas
Endereço : Praça Mal Floriano Peixoto – Vila Rialto, Campinas – SP, 13010-061
Entrada Gratuita
Estacionamento Gratuito- R. Francisco Teodoro, 1050 – Vila Industrial (Campinas), Campinas – SP, 13035-270

Confirme já sua participação clicando no link https://facebook.com/events/s/festival-de-torresmo-campinas/411028010415617/

Continue Lendo

Eventos

Os Paralamas do Sucesso lançam turnê “Paralamas Clássicos” no Espaço das Américas

Publicado

em

Espaço das Américas é sempre o palco de grandes e memoráveis shows da música popular brasileira e, no sábado, dia 2 de outubro, Os Paralamas do Sucesso voltam à casa com uma apresentação pra lá de especial, fazendo parte do projeto “Edição Limitada”. Herbert Vianna (guitarra e voz), Bi Ribeiro (baixo) e João Barone (bateria) apresentarão o novo espetáculo “Paralamas Clássicos”, que reúne os grandes hits de carreira num repertório matador e que, com certeza, vai despertar fortes emoções no público.

Independentemente da tribo, classe social, faixa etária ou religião, sem dúvidas, você já cantarolou, pelo menos, um ou dois sucessos de Os Paralamas do Sucesso. A banda que tem 38 anos de carreira, 27 discos lançados, dezenas de sucessos e incontáveis shows pelo Brasil e pelo mundo, segue na estrada, influenciando novas gerações e arrebatando plateias de todas as idades.

O trio escolheu o Espaço das Américas em São Paulo para iniciar a nova turnê, em que olha para a própria história sob o filtro dos sucessos absolutos. No palco, estarão também os três músicos que acompanham a banda há décadas: João Fera (teclados), Monteiro Jr. (saxofone) e Bidu Cordeiro (trombone).

E tentando agregar em um único show o maior número possível de hits,  selecionou 31 faixas que sobrevoam as quase quatro décadas de carreira, numa viagem que começa pelo disco de estreia, “Cinema Mudo” (1983), e passa pelo mais recente álbum, “Sinais do Sim” (2017). O trajeto entre um ponto e outro é a história dos Paralamas contada em forma de música. Estão lá, por exemplo, as canções políticas que nos ajudam a entender a história recente do Brasil: “Alagados”, “O Beco”, “Perplexo”, “O Calibre”. Também não faltam músicas que cantam o amor em suas mais diversas facetas, como “Meu Erro”, “Lanterna dos Afogados”, “Aonde Quer Que Eu Vá”, “Seguindo Estrelas”. Fora “Vital”, “Óculos”, “Ela Disse Adeus”, faixas tão peculiares e atemporais.

O repertório estrelado de “Paralamas Clássicos” é também um passeio pela variedade rítmica da banda, certamente a que mais misturou gêneros musicais no país. É possível ver a influência do rock inglês no começo da carreira (“Fui Eu”, “Mensagem de Amor”), do reggae e do dub (“A Novidade”, “Melô do Marinheiro”), do requinte pop que se destacou na produção dos anos 90 (“Tendo a Lua”, “Busca Vida”), o diálogo com a música latina (“Trac-Trac”, “Lourinha Bombril”), e muito mais.

Muito mais do que um show, “Paralamas Clássicos” é a história de uma paixão que se renova: da banda pelos palcos, do público pela banda, e de ambos pela obra.

É importante salientar que essa noite será envolta em uma redoma de grandes novidades. O projeto “Edição Limitada”, criado pelo Espaço das Américas, visa a segurança e as normas de segurança passadas pela Organização Mundial de Saúde e traz à tona o conceito de plateia organizada em mesas especiais e divididas somente por pessoas do mesmo convívio social. Os ingressos para esta grande noite já estão à venda e podem ser comprados nas bilheterias do Espaço das Américas (de segunda a sexta, das 11h às 17h – sem taxa de conveniência) ou online pelo site Ticket 360 (https://goo.gl/xgibPV).

Serviços – Os Paralamas do Sucesso – Projeto Edição Limitada | Espaço das Américas 

Show:  Os Paralamas do Sucesso no Espaço das Américas – Lançamento da nova tour “Paralamas Clássicos”Data:  02 de outubro de 2021 (sábado)Local: Espaço das Américas (Rua Tagipuru, 795 – Barra Funda – São Paulo – SP)
Abertura da casa: 20hInício do show: 22hAcesso para deficientes: simCensura: Livre – menores de 12 anos acompanhados pelos pais ou responsável legal
Capacidade: 1560 lugares
Ingressos: Setor Platinum: R$ 240,00 (inteira) e R$ 120,00 (meia) | Setor Azul Premium: R$ 200,00 (inteira) e R$ 100,00 (meia)| Setor Azul: R$ 160,00 (inteira) e R$ 80,00 (meia)| Setor A: R$ 120,00 (inteira) e R$ 160,00 (meia)  |  Setor B: R$ 100,00 (inteira) e R$ 50,00 (meia) |  Setor C: R$ 80,00 (inteira) e R$ 40,00 (meia) | Setor PCD: R$ 40,00 (meia)| Camarotes A: R$ 1.440,00 (para 6 pessoas) | Camarotes B: R $1.200,00 (para 6 pessoas).
Compras de ingressos: Nas bilheterias do Espaço das Américas (de segunda a sexta, das 11h às 17h – sem taxa de conveniência) ou online pelo site Ticket 360 (https://goo.gl/xgibPV)
Formas de Pagamento: Dinheiro, Cartões de Crédito e Débito, Visa, Visa Electron, MasterCard, Diners Club, Rede Shop. Cheques não são aceitos.

Objetos proibidos: Câmera fotográfica profissional ou semi profissional (câmeras grandes com zoom externo ou que trocam de lente), filmadoras de vídeo, gravadores de áudio, canetas laser, qualquer tipo de tripé, pau de selfie, camisas de time, correntes e cinturões, garrafas plásticas, bebidas alcóolicas, substâncias tóxicas, fogos de artifício, inflamáveis em geral, objetos que possam causar ferimentos, armas de fogo, armas brancas, copos de vidro e vidros em geral, frutas inteiras, latas de alumínio, guarda-chuva, jornais, revistas, bandeiras e faixas, capacetes de motos e similares.

Protocolo de Segurança

1) Venda de Ingressos

– A venda de ingressos será feita online através do site www.ticket360.com.br ou na bilheteria oficial do Espaço das Américas (Funcionamento: de segunda a sexta, das 11h às 17h) SEM taxa de conveniência.

– No dia do espetáculo haverá uma equipe da Ticket360 realizando atendimento ao cliente.

– A compra de ingressos das mesas de 04 lugares ou camarotes de 06 lugares deverá ser feita por pessoas do mesmo núcleo familiar ou convívio social, conforme protocolo vigente.

2) Entrada

– Passaporte da Vacina: em atendimento ao Decreto nº 60.488, de 27 de agosto de 2021, para acesso ao local do evento é obrigatório a apresentação do comprovante de vacinação contra COVID-19, com no mínimo a primeira dose. O comprovante pode ser físico ou digital (disponível nos aplicativos Conecte SUS, Poupatempo Digital e E-saudeSP

– O Espaço das Américas abrirá 90 minutos antes do início do espetáculo garantido assim tempo suficiente para acomodação dos clientes.

– Recomendamos que o cliente chegue com antecedência.

– O posicionamento do público será feito pela demarcação no piso de forma a garantir o distanciamento social exigido.

– O público terá à disposição uma equipe treinada e capacitada a orientar e promover as medidas de precaução à pandemia.

– A conferência de ingressos será feita através de leitores óticos sem contato manual por parte do atendente.

– Lembramos ainda que o uso de máscara pelo público será obrigatório.

– Verifiquem a temperatura de todos antes de sair de casa. No dia haverá a checagem individual de temperatura e não será permitida a entrada de pessoas com temperatura acima de 37,5 graus, sendo orientada a procurar a unidade de saúde mais próxima.

3) Durante o espetáculo

  • Venda de alimentos e bebidas– O cliente poderá acessar o cardápio através do QR Code que encontrará disponível na mesa.
    – Os pedidos e pagamentos poderão ser feitos direto pelo QR Code ou com o garçom que estará devidamente paramentado e o pagamento poderá ser feito por meio de cartão de crédito ou débito.
    – A entrega dos pedidos será feita pela nossa equipe de garçons direto nas mesas, seguindo todas as medidas de proteção para maior segurança dos clientes.
  • Movimentação pela casa– Solicitaremos que o cliente utilize a máscara de proteção sempre que precisar sair da mesa. E que evitem a formação de grupos que configuram aglomeração.
Continue Lendo

Eventos

Live do projeto “A formação do músico para a sociedade” traz curiosidades sobre o saxofone

Publicado

em

Saxofonistas Regina Lima e Sintia Piccin conversam de modo online com o público, nesta segunda-feira (27/09), às 19h

Quem aprecia música e, especificamente, gosta do som do saxofone, poderá desvendar algumas curiosidades sobre o instrumento durante live do projeto “A formação do músico para a sociedade”. O evento online será apresentado, na noite desta segunda-feira (27/09), às 19h, com as saxfonistas Regina Lima e Sintia Piccin. A duração terá duração de 40 minutos, com comentários sobre o saxofone no Brasil, referências e técnicas. As saxofonistas também responderão a dúvidas sobre o tema. A artista Regina Lima foi uma das contempladas no município com recursos federais, coletados por meio da Lei Aldir Blanc. O evento será transmitido ao vivo, gratuitamente, no canal da Secretaria de Cultura, disponível neste link: https://www.youtube.com/c/SecretariadeCulturadeHortol%C3%A2ndia/

Como parte da atividade, a artista Regina Lima esteve, nesta segunda-feira, nas principais ruas do comércio de Hortolândia, para apresentações musicais gratuitas de composições autorais. A apresentação contou com parceria do artista de rua Gabriel Vitor, no violão e na voz.

O projeto tem o apoio da Secretaria de Cultura da Prefeitura de Hortolândia, uma vez que o município é formador de artistas que estudam, aprendem e transferem seus saberes para a sociedade, seja tocando ou lecionando.

Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares