Connect with us

Dicas de leitura

Aumenta o número de crianças leitoras entre 5 e 10 anos, aponta pesquisa

Portal Hortolândia

Publicado

em

Banner

Para diretora da Catapulta Editores, o período de pandemia contribuiu para a chegada do livro em casa

O último levantamento da pesquisa Retratos da Literatura no Brasil, realizada pelo Instituto Pró-Livro, identificou um aumento no número de leitores entre 5 e 10 anos. Desde março, mês em que a COVID-19 foi enquadrada como pandemia pela OMS (Organização Mundial da Saúde), as crianças têm estado fisicamente distantes da escola. Para a diretora da Catapulta Editores no Brasil Carmen Pareras, esse é um movimento que acompanha a chegada do e-commerce mais próximo do dia a dia das famílias.

“Todos nós tivemos de nos reprogramar para transformar nossas casas em escritórios digitais, refeitórios, escolas de ensino à distância e salas de lazer”, explica Pareras. Nesse sentido, a diretora da Catapulta Editores entende que o livro infantil pode ter ganhado um espaço especial nas atividades em casa, entre pais e filhos.

As medidas adotadas para conter a pandemia do novo coronavírus envolveram o isolamento social em diversas regiões do país. Com isso, lojas em diferentes áreas do comércio se mantiveram fechadas e distantes do público, principalmente entre os meses de março e julho deste ano. “Dessa forma, tivemos de acelerar o processo de comercialização por meio de canais eletrônicos. As mídias online nos aproximaram do nosso público, oferecendo um canal de comunicação que nos permite ouvir suas opiniões e sugestões”, explica Pareras.

Dia a dia em casa

A diretora da Catapulta Editores ressalta a quantidade de pais que relataram a mudança no comportamento infantil no período em casa, sob isolamento social. “Esse foi um dos momentos em que nós, inclusive, lançamos títulos no mercado literário, que têm tido boa aceitação”, acrescenta Pareras.

Um dos lançamentos foi a coleção Timóteo, composta por quatro livros. Indicadas para crianças a partir de quatro anos, as obras apresentam temas do cotidiano e rotina de maneira bastante lúdica. Ao final de cada título, há um jogo para que os pequenos memorizem o que a narrativa os mostrou.

Receber itens de compra em casa se tornou mais comum no período da pandemia. Segundo Pareras, esse é um dos fatores que aproximou toda a família aos livros infantis. “Anteriormente, as crianças se isolavam e ficavam concentradas em jogos eletrônicos. Quando se cansavam, mostravam-se irritadiças e passavam às travessuras, tentando atrair a atenção dos pais.  Com a facilidade de receber nossos livros em casa, pais e filhos se aproximaram e melhoraram a interação. ”

Obras interativas

A boa aceitação do e-commece durante a pandemia indica que a editora segue no caminho certo. “O objetivo da Catapulta Editores é promover a participação da família e estimular as crianças a reconhecer os livros como um meio de informação divertida, desde a idade mais tenra”, acrescenta Pareras.

Cores vibrantes, texturas relevos e sons fazem parte do acervo de títulos da editora. São obras que aguçam o tato, a visão e a audição – o que contribuem para o aprendizado infantil. “Além de estimular e desenvolver a coordenação motora, ao promover a curiosidade e prender a atenção”, afirma Pareras.

A coleção Abremente é a mais importante da Catapulta Editores. Os livros que a compõem foram desenvolvidos por psicopedagogas e já venderam mais de 50 milhões de cópias pelo mundo. “Por conta do conteúdo das obras, elas foram incorporadas a listas de livros paradidáticos. A coleção tem oito livros, que abrange crianças de 3 aos 11 anos”, celebra a diretora.

O período em casa, devido a pandemia, exige que adultos se reinventem para manter as crianças entretidas e se desenvolvendo. A Catapulta Editores oferece alguns títulos voltados para a culinária infantil, como o Chef Mirim, que apresenta receitas de diversos países. São pratos simples de serem elaborados e promovem um momento de interação entre a família.

“Outro ponto positivo é ajudar as crianças a entender sobre a importância de organizar tarefas passo a passo. Com a obra, os pequenos a partir de oito anos têm acesso a utensílios de cozinha, como batedor de metal, fôrma para tortinhas e pão duro, que acompanham o livro”, finaliza Pareras.

Qualidade das atividades em casa é uma característica percebida pela diretora da Catapulta Editores e que encontra outro dado da pesquisa Retratos da Literatura do Brasil. Além do aumento de leitores entre 5 e 10 anos, o levantamento aponta a boa variedade, a qualidade da literatura infantil no país e o investimento das famílias na mediação do livro com os filhos.

Dicas de leitura

Livro “LEGO Gadgets” é lançamento para ensinar mecânica

Portal Hortolândia

Publicado

em

Banner

Catapulta Editores lança título em parceria com LEGO, que ensina sobre gravidade e a montar até 11 máquinas

Catapulta Editores, editora com 10 anos de experiência em livros voltados ao entretenimento, lança mais um título em parceria com a marca LEGO, a obra LEGO Gadgets. Nele, crianças a partir de oito anos podem se aventurar de forma lúdica, prática e interativa em conceitos básicos da mecânica e do conhecimento sobre máquinas. 

Com 58 elementos de montagem, é possível construir 11 modelos de máquinas, incluindo um carro movido à gravidade e um robô de boxe maluco, que complementam o conteúdo trazido pelo livro. 

Além disso, o livro promete entregar muito mais diversão aos pequenos, já que após concluir as atividades, a criança pode testar suas próprias combinações entre as peças disponíveis. 

Essa é a terceira vez em que a Catapulta Editores se une à marca de blocos de montar mais famosa do mundo, tendo em seu catálogo títulos como “LEGO – Faça seu próprio filme” e “LEGO – Reações em cadeia”. 

LEGO Gadgets tem preço sugerido de venda de R$119,90 e poderá ser encontrado em todas as livrarias do país e também no e-commerce da editora (www.catapultaeditores.com.br) a partir do dia 15 de maio.

Continue Lendo

Dicas de leitura

Turma da Mônica: Viagem aos países de Língua Portuguesa

Portal Hortolândia

Publicado

em

Banner

A Turma mais querida do Brasil embarca em uma jornada recheada de aprendizagens. A Mauricio de Sousa Produções (MSP), em parceria com o autor José Santos, lança o livro “Turma da Mônica: Viagem aos países de Língua Portuguesa”.

A obra, em formato digital, editado pela Imeph e distribuído pela Bookwire, faz uma viagem aos países que possuem o português como língua oficial e apresenta as diferenças entre seus vocabulários. O lançamento virtual será no dia 14 de maio, às 11 horas, no horário de Brasília, e 15 horas no horário de Lisboa, na Universidade de Coimbra, em uma entrevista que o desenhista Mauricio de Sousa dará aos estudantes dessa renomada instituição de Portugal, pelo canal do YouTube do Grupo de Estudos Brasileiros Maria Quitéria.

Tudo começa quando a turminha do bairro do Limoeiro é a vencedora de um concurso de redação. O grande prêmio é uma excursão por nove países, passando por quatro continentes, em que todos eles o português é o idioma oficial. Ao lado dos personagens, o leitor vai aprender sobre mais de 200 palavras e se encantar com a pluralidade e riqueza do português falado pelas nações lusófonas.

O projeto possui o objetivo de divulgar e democratizar a leitura para todos os cidadãos da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. A confecção reuniu uma vasta pesquisa, que contou com o apoio do Ministério das Relações Exteriores e a colaboração dos consulados de países como Portugal, Angola, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Timor-Leste, Cabo Verde, São Tomé, Príncipe e Moçambique.

“Tenho muito orgulho do fato de Mônica, Cebolinha, Magali, Cascão e companhia serem considerados embaixadores informais da Língua Portuguesa, aonde quer que estejam. Mas essa viagem pelos países lusófonos é uma aventura muito especial. Afinal, é importante que as crianças, seus pais e professores saibam da riqueza do nosso idioma, que é falado em vários continentes”, afirma Mauricio de Sousa sobre o lançamento.

Essa é a nova parceria do estúdio com o escritor José Santos. Com a Editora Imeph já lançaram outros dois livros: “Turma da Mônica – Uma viagem a Portugal” e “Turma da Mônica – Uma viagem à América Latina”.

“Turma da Mônica – Viagem aos países de Língua Portuguesa” está disponível nas principais livrarias on-line, como Amazon e Kobo.

Serviço:

Turma da Mônica: Viagem aos países de Língua Portuguesa

Autor: Mauricio de Sousa e José Santos

Editora Imeph

Distribuição: Bookwire

Ano 2021

Formato digital

Páginas: 96 

Livrarias: Amazon – https://www.amazon.com.br/s?k=9786586020045&i=digital-text |Kobo- https://www.kobo.com/br/pt/ebook/turma-da-monica

Continue Lendo

Dicas de leitura

Fim das dívidas: como fechar essa difícil equação?

Portal Hortolândia

Publicado

em

Banner

No momento em que o Brasil contabiliza mais de 60 milhões de endividados, autora carioca lança manual para jovens e adultos tomarem as rédeas ao lidar com suas finanças

Se você pudesse voltar no tempo, até ter 15 anos, o que teria feito de diferente na sua vida financeira? A escritora Ana Cristina Melo não hesitaria ao responder: “tudo”. Vítima de decisões equivocadas em uma carreira precoce de gestora, iniciada aos 21 anos, ela resolveu compartilhar suas experiências (ou a falta delas) no lançamento Controle seu dinheiro antes que ele te devore.

Publicado pela Editora Opala, o livro é um manual de “educação financeira para jovens que ainda não se endividaram e adultos que já começaram a ser devorados pelas dívidas”. Indicada, portanto, a todos que querem evitar o descontrole de suas finanças pessoais, a obra presta um serviço no momento que o país contabiliza mais de 60 milhões de endividados.

A autora aprofunda os dados ao destacar o número de “superendividados”, ou seja, pessoas que contraíram dívidas maiores que a renda ou o próprio patrimônio. “Para essas pessoas, a cada mês significava que, provavelmente, a conta fechava negativa, e alguma despesa deixava de ser paga”. São mais de 30 milhões imersos nessa progressão geométrica chamada juros compostos.

Analista de Sistemas por formação, Ana Cristina apresenta uma série de simulações, a partir de exemplos hipotéticos, para indicar os caminhos de modo a fechar essa simples, porém difícil equação: gastar menos do que se recebe ou, em caso pior, liquidar as dívidas quando o salário não é dos melhores. Inclusive, ela dedica orientações também para os desempregados.

O livro é dividido em três partes principais: a primeira, para quem não se endividou e precisa tomar decisões importantes, como alugar ou comprar um imóvel. A segunda parte tem foco em quem gasta mais que recebe e precisa aprender a definir prioridades, ou seja, a cortar despesas. Ana Cristina traz aqui uma série de informações sobre orçamento e planejamento financeiro.

Já a parte final, intitulada bônus, é voltada especialmente àqueles que se livraram do problema e buscam uma iniciação em investimentos. A autora oferece um panorama geral sobre aplicações, ações, taxas e previdência privada. Informações úteis que permitam ao contribuinte decidir, inclusive, o momento de se aposentar. Para não precisar trabalhar até morrer, ou morrer trabalhando.

FICHA TÉCNICA:

Título: Controle seu dinheiro antes que ele te devore
Autora: Ana Cristina Melo
Editora: Opala

Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares