Connect with us

Policial

‘Piratas do asfalto’ roubam carga de R$ 350 mil

Publicado

em

Caso aconteceu no quilômetro 86 da Rodovia dos Bandeirantes, em Campinas; caminhão foi abandonado em Hortolândia

Rodovia dos bandeirantes

Uma carga de celulares – avaliada em aproximadamente R$ 350 mil – foi roubada pelos chamados “piratas do asfalto” no quilômetro 86 da Rodovia dos Bandeirantes, em Campinas, na noite de anteontem. Após o roubo, os bandidos abandonaram as vítimas, identificadas como o motorista P. S. S., de 38 anos, e o ajudante T. S. B., de 23 anos, no Jardim Satélite Íris, também em Campinas. O caminhão foi abandonado posteriormente no bairro Chácaras Assay, em Hortolândia. A Polícia Civil investiga se o caminhão foi descarregado na cidade.

De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada por moradores que viram o caminhão em estado de abandono na Rua Antônio Carlos Martins. Segundo informações, o caminhão estava aberto e sem a carga.

VÍTIMAS

As vítimas afirmaram à polícia que trafegavam pela Rodovia dos Bandeirantes quando foram surpreendidos por um Ford Ecosport. Dentro do veículo havia aproximadamente quatro pessoas, armadas de armas longas, segundo uma das vítimas, aparentando ser fuzil.

Sob forte ameaça de arma de fogo, os bandidos obrigaram as vítimas a parar o caminhão no acostamento da rodovia. Os criminosos desceram do carro e colocaram o ajudante no porta-malas do Ecosport e o motorista no banco de trás do veículo com uma camiseta amarrada na cabeça, para assim, evitar qualquer reconhecimento.

Segundo as vítimas, os bandidos rodaram com o veículo por volta de 30 minutos, até chegar à um matagal, onde o motorista e o ajudante permaneceram por volta de 1h. As vítimas não conseguiram visualizar para onde o caminhão havia sido levado.

Após um telefone, de acordo com uma das vítimas, os bandidos libertaram as vítimas no Jardim Satélite Íris. O roubo foi registrado no Plantão Policial de Campinas e a localização de veículo registrado no Plantão de Hortolândia. O caso será investigado pela Polícia Civil das duas cidades.

Para o assessor de segurança do Sindicado de Transportes de cargas e Logística, Edson Roberto Beraldo. “O problema maior não é o roubo e sim a receptação”. “Se tiver uma punição maior para os receptadores, os crimes podem diminuir significativamente”, concluiu.

PRISÃO

Na quarta-feira, a Guarda Municipal de Hortolândia prendeu o servente de pedreiro Carlos Eduardo de Carvalho, de 31 anos, acusado de roubar uma Fiorino carregada de roupas femininas e utilidades domésticas. O roubo aconteceu na Rua Brás Cubas, no Jardim Amanda. O indiciado estava na companhia de um comparsa, que conseguiu fugir. A dupla foi flagrada descarregando a carga em uma residência na Rua João Guimarães Rosa, no mesmo bairro.

Reportagem: Thiago Alves | Hortolândia

Policial

Pediatra é preso em Monte Mor por suspeita de abusar de adolescente de Hortolândia 

Publicado

em

Por

Um médico pediatra de 65 anos foi preso na última sexta-feira (5) em Monte Mor por suspeita de abuso sexual a um adolescente de 14 anos durante o atendimento em Hortolândia. Ele foi conduzido à delegacia e após ser ouvido foi levado para uma penitenciária em Sorocaba. 

O médico foi alvo de um mandado de prisão preventiva expedido no último dia (3) pela 1ª Vara Criminal de Hortolândia, e foi localizado atendendo em uma clínica em Monte Mor. O advogado do pediatra informou que a prisão foi infundada e arbitrária, e destacou que irá se manifestar sobre o conteúdo das investigações somente no processo.

Foi instaurado um inquérito em 3 de janeiro pelo 1º Distrito Policial de Hortolândia. A Segunda Promotoria de Justiça da cidade acompanha o caso, que está em segredo de Justiça. 

O médico atuava em clínicas particulares nas cidades de Monte Mor e Hortolândia. A Justiça que fez o pedido de prisão preventiva, investiga o crime de estupro contra vulnerável. 

A Secretaria de Saúde em Hortolândia informou através de nota que o médico foi servidor da cidade, em junho e está aposentado desde então. “A administração municipal está à disposição das demais autoridades para colaborar com a investigação”, diz o texto.

Em Monte Mor o médico atendia na cidade, mas não atuava na rede pública.

Continue Lendo

Policial

LSD com mortadela: mercadoria foi enviada para o CDP de Hortolândia 

Publicado

em

LSD-mortadela

Mercadoria (LSD com mortadela) foi enviada por mãe de custodiado 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa que policiais penais do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Hortolândia encontraram 275 micropontos de LSD dentro de uma mortadela.

O flagrante ocorreu neste quarta (03/08), durante o procedimento de revista das mercadorias enviadas por familiares de detentos.  

No caso desta ocorrência, a remetente está cadastrada no rol de visitas como mãe de um custodiado. O material apreendido foi encaminhado para a delegacia, onde foi feito o boletim de ocorrência.

O preso que receberia o alimento foi isolado preventivamente para procedimento disciplinar. A SAP informa que as pessoas flagradas tentando introduzir ilícitos no sistema prisional são suspensas do rol de visitas temporariamente. 

Continue Lendo

Policial

Maconha é encontrada em mercadoria enviada para o CDP de Hortolândia

Publicado

em

Mãe de custodiado enviou a droga dentro de um pacote de fumo 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa que agentes de segurança do CDP de Hortolândia encontraram 24 gramas de maconha escondidos dentro de uma embalagem de fumo que a mãe de um custodiado havia enviado para o CDP.

O flagrante ocorreu ontem à tarde, quando foi feito a revista das mercadorias enviadas por familiares de detentos para a unidade prisional.

O material apreendido foi encaminhado para a Delegacia, onde foi instaurado o boletim de ocorrência. O preso que receberia os itens pessoais foi isolado preventivamente para apuração dos fatos.

A SAP informa que as pessoas que tentam inserir ilícitos nas unidades prisionais são suspensas do rol de visitas temporariamente.  

Continue Lendo

Noticias

Populares