15 de junho de 2024
Policial

‘Gerente’ do tráfico é preso no Jardim Amanda II

Projeto radar

O estudante D. F. S., de 18 anos, apontado como “gerente” do tráfico de drogas no Jardim Amanda II, foi preso na noite de terça-feira, em Hortolândia. Segundo a Polícia Militar, ele foi flagrado no momento em que ia até a “biqueira” receber o dinheiro lucrado ao longo do dia com um adolescente, identificado como J. V. C., de 16 anos. Com a dupla, os agentes apreenderam R$ 927 em dinheiro.

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 19h, a Polícia Militar teria recebido uma denúncia sobre tráfico de drogas na Rua Assis Brasil. Ao ir até o local, os agentes avistaram o menor e o indiciado, que ao ver os agentes, tentou dispensar algo, descoberto posteriormente se tratar de dinheiro.

Durante a revista pessoal, os agentes encontraram R$ 300 com o “gerente” e R$ 627 com o adolescente. O menor ainda apontou um veículo, um Chevette Hacht 1981, como sendo o carro usado para o transporte de entorpecentes e confessou que estava traficando drogas no local.

O menor aos agentes que, na hora da abordagem, estaria fazendo a entrega do dinheiro arrecadado ao indiciado. D. confirmou que teria ido ao local receber o dinheiro, mas não informou sobre quem seria o “dono da biqueira” para os policiais.

O adolescente foi levado para o Plantão Policial de Hortolândia e liberado após o registro do BO. O indiciado recebeu voz de prisão em flagrante por tráfico e corrupção de menores, sendo encaminhado ao CDP (Centro de Detenção provisório) de Hortolândia. Nenhuma droga foi encontrada com a dupla.

MENSAGENS DENUNCIAM TRÁFICO

Já no Jardim Amanda I, por volta da 1h00 desta quarta-feira, o ajudante J. M. P., de 19 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas. Apesar de negar o crime, mensagens em seu celular denunciaram o crime.

Segundo a Polícia Militar, durante um patrulhamento rotineiro, os policiais viram cinco homens sair de um matagal na Rua Elis Regina. Os suspeitos foram abordados e com o ajudante foram encontradas oito trouxinhas de maconha.

Ele afirmou aos policiais que havia encontrado a droga e o dinheiro, cerca de R$ 205, explicando que, ao perceberem a viatura, outros homens haviam corrido e deixado o entorpecente e o dinheiro para trás, momento em que aproveitou e pegou os produtos, contando que foi até o local para comprar maconha.

No entanto, em seu celular, os policiais encontraram mensagens para um homem, identificado como “Paulada”, descrevendo a movimentação do tráfico no local.

Rapidamente, ele recebeu voz de prisão em flagrante por tráfico e foi encaminhado para a Cadeia Pública de Sumaré, onde aguardará a disposição da Justiça.

Thiago Alves | Hortolândia

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98