Connect with us

Policial

Detento é internado em estado grave após engolir 25 gramas de cocaína

Publicado

em

Detento é internado em estado grave após engolir 25 gramas de cocaína

O presidiário Jonathan Emerson Cardoso Gomes, de 21 anos, que cumpre pena por roubo, foi internado em estado grave após engolir 25 gramas de cocaína dentro do CPP (Centro de Progressão Penitenciária), no bairro Nova Boa Vista, em Hortolândia. O caso aconteceu na noite de quinta-feira.

Segundo o boletim de ocorrência, os presos da cela 235, por volta das 20h20 começaram a gritar, afirmando que um dos presidiários estava passando mal. Os agentes penitenciários foram até a cela e constataram que Gomes estava tendo convulsões.

De imediato, a vítima foi levado para o Hospital e Maternidade Municipal Mário Covas, onde Gomes foi submetido a um exame de raio-X. No exame, o médico responsável constatou que havia dois invólucros dentro do estômago do presidiário.

CIRURGIA

Na mesma noite, o averiguado foi submetido a intervenções cirúrgicas, na qual foi retirado de seu estômago duas trouxinhas contendo pó branco, supostamente cocaína, enrolado em plástico.

Segundo o médico, após supostamente ter engolidos os pacotes, um dos objetos teria estourado dentro de seu estômago. Após a cirurgia, o paciente precisou ser entubado, segundo o BO.

Ainda de acordo com o BO, a vítima permaneceu desacordada e sua situação de saúde é grave. No entanto, a reportagem tentou contato telefônico com a assessoria de imprensa do Hospital, mas ninguém foi encontrado.

Devido ao estado de saúde do rapaz, os agentes penitenciários não puderam apurar se o averiguado engoliu a droga por conta própria ou se foi obrigado, fato que ocorre frequentemente em unidades prisionais.

O caso foi registrado no Plantão Policial e encaminhado para o 1º Distrito Policial do município, que abrirá um inquérito para investigar o fato. A droga foi apreendida e encaminhada para o IC (Instituto de Criminalística), em Campinas.

Reportagem: Thiago Alves | Hortolândia



Policial

CPFL emite nota sobre o ocorrido na base em Sumaré

Publicado

em

policia

Em virtude de um áudio com informações relacionadas ao roubo ocorrido na base da CPFL em Sumaré, no dia 03/08/2022, que está em circulação em grupos de WhatsApp.

A CPFL esclarece que os funcionários que prestam serviços sempre comparecem devidamente identificados com crachás, uniformes, veículo com identificação da empresa e com ordem de serviço para a execução da atividade, contudo, caso o cliente ainda tenha dúvidas, pode entrar em contato por meio dos canais de atendimento, entre eles, o 0800 010 1010 (CPFL Paulista), e informar o número da nota de serviços e confirmar a autenticidade da mesma com o atendente.

Caso não seja possível realizar a confirmação no momento, a orientação da empresa é de que o cliente não permita a execução do serviço e não assine ou entregue qualquer documento.

Continue Lendo

Policial

Pediatra é preso em Monte Mor por suspeita de abusar de adolescente de Hortolândia 

Publicado

em

Por

Um médico pediatra de 65 anos foi preso na última sexta-feira (5) em Monte Mor por suspeita de abuso sexual a um adolescente de 14 anos durante o atendimento em Hortolândia. Ele foi conduzido à delegacia e após ser ouvido foi levado para uma penitenciária em Sorocaba. 

O médico foi alvo de um mandado de prisão preventiva expedido no último dia (3) pela 1ª Vara Criminal de Hortolândia, e foi localizado atendendo em uma clínica em Monte Mor. O advogado do pediatra informou que a prisão foi infundada e arbitrária, e destacou que irá se manifestar sobre o conteúdo das investigações somente no processo.

Foi instaurado um inquérito em 3 de janeiro pelo 1º Distrito Policial de Hortolândia. A Segunda Promotoria de Justiça da cidade acompanha o caso, que está em segredo de Justiça. 

O médico atuava em clínicas particulares nas cidades de Monte Mor e Hortolândia. A Justiça que fez o pedido de prisão preventiva, investiga o crime de estupro contra vulnerável. 

A Secretaria de Saúde em Hortolândia informou através de nota que o médico foi servidor da cidade, em junho e está aposentado desde então. “A administração municipal está à disposição das demais autoridades para colaborar com a investigação”, diz o texto.

Em Monte Mor o médico atendia na cidade, mas não atuava na rede pública.

Continue Lendo

Policial

LSD com mortadela: mercadoria foi enviada para o CDP de Hortolândia 

Publicado

em

LSD-mortadela

Mercadoria (LSD com mortadela) foi enviada por mãe de custodiado 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa que policiais penais do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Hortolândia encontraram 275 micropontos de LSD dentro de uma mortadela.

O flagrante ocorreu neste quarta (03/08), durante o procedimento de revista das mercadorias enviadas por familiares de detentos.  

No caso desta ocorrência, a remetente está cadastrada no rol de visitas como mãe de um custodiado. O material apreendido foi encaminhado para a delegacia, onde foi feito o boletim de ocorrência.

O preso que receberia o alimento foi isolado preventivamente para procedimento disciplinar. A SAP informa que as pessoas flagradas tentando introduzir ilícitos no sistema prisional são suspensas do rol de visitas temporariamente. 

Continue Lendo

Populares