Ação ocorreu em Valinhos; entorpecentes estavam distribuídos em 315 tijolos que foram apreendidos para perícia

A Polícia Civil prendeu um homem, de 31 anos, após encontrar mais de 300 quilos de maconha em sua casa, em Valinhos, região de Campinas. A ação ocorreu nesta quinta-feira (8).

Durante apurações para combater o tráfico de drogas, agentes da 2ª Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise), da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) da cidade, descobriram que um imóvel, na rua João Carazzolle, estava sendo usado para o armazenamento de grande quantidade de substâncias.

Diante da informação, os policiais conseguiram identificar o proprietário da residência e passaram a monitorar o local.

Em certo momento, o investigado saiu do imóvel transportando uma mochila, na condução de um automóvel, e foi imediatamente abordado pela equipe da Deic.

Após busca pessoal, foi encontrada uma porção de maconha com o suspeito, que alegou ser para consumo próprio. Em vistoria no carro, nada ilegal foi encontrado, contudo, ao ser questionado sobre a existência de algo ilícito em sua casa, o investigado confessou que tinha armazenado maconha em um quarto da casa.

O homem autorizou a entrada dos agentes no imóvel, resultando na apreensão de 315 tijolos de maconha, que somaram 310,8 quilos e foram encaminhados à perícia. Na ação, um celular, R$ 1,2 mil em espécie, bem como o veículo, também foram recolhidos.

Perguntando novamente sobre a origem das drogas, o suspeito disse que não tinha informações e estava guardando os entorpecentes em troca de dinheiro. Ele foi preso em flagrante.

A ocorrência foi registrada na especializada como tráfico de drogas e o autor encaminhado ao cárcere, permanecendo detido à disposição da Justiça.

Artigo anteriorEstado de São Paulo gera mais de 100 mil novos postos de trabalho em maio
Próximo artigoNível de rios do país deve continuar baixo nesta semana