De acordo com o site Jornal do Brasil , a mudança dos EUA para o Brasil teve início no dia 6 de março desse ano, quando a segunda maior aeronave cargueiro do mundo, a Antonov 124, trouxe até Campinas (SP) 115 máquinas da empresa alemã para produzir os injetores e bicos de injetores. 

Martins, que é coordenador dos cursos da área automotiva na Fundação Getúlio Vargas, acredita que a medida favorecerá principalmente os fabricantes locais de caminhões no Brasil, que não precisarão mais importar os produtos da Bosch

Ele destaca que o favorecimento vai além do preço menor: sem a necessidade de importar, as empresas podem organizar melhor as finanças. Isso porque, quando importam, as empresas normalmente garantem um largo estoque, suficiente para suprir a demanda de pelo menos um semestre. 

“Favorece fabricantes e, como consequência, […] poderá até propiciar aos fabricantes nacionais um volume de exportações maior, fruto do aumento de competitividade”, analisa o especialista.

Para conferir algumas vagas de emprego na BOSCH clique no neste link

Artigo anteriorHortolândia conquista R$ 1,3 milhão do FundoCamp e investirá na compra de 7,5 mil cestas básicas
Próximo artigoDELL Hortolândia anuncia vagas de emprego, inclusive Operações de Produção