Connect with us

Nossa Região

Black Friday: alta expectativa de movimentação financeira nesta data ganha horário especial

Publicado

em

black-friday

Movimentação financeira na RMC deve chegar a R$ 450 milhões, cerca de 30% a mais que em 2018

Na próxima sexta-feira, 29, sexta-feira, acontece a Black Friday, que, de acordo com Avaliação preparada pela Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC), movimentará em Campinas e Região cerca de R$ 450 milhões, 30% a mais que em 2018, com 57% das vendas pelo digital, cerca de R$ 256 milhões, e R$ 194 milhões (43%) nas lojas físicas. Campinas representa 45% da movimentação da RMC, o equivalente a R$ 207 milhões. Assim, a expectativa otimista ganha o apoio do horário estendido no comércio: das 8h às 22h. 

Para a presidente da ACIC, Adriana Flosi, a data representa mais uma excelente oportunidade de vendas para o comércio, que deve apostar em campanhas temáticas e promoções. “Os produtos mais procurados acompanharão os registrados no ano passado: smartphones, celulares, TVs, eletroeletrônicos, vestuário e calçados, passagens aéreas, e também livros e brinquedos”, complementa.

Entre os destaques nas reclamações dos consumidores deverão permanecer: “propaganda enganosa” e “maquiagem de preços”, que ainda lideram os principais motivos das queixas.

Origem

A data comercial criada nos Estados Unidos e adotada pelos brasileiros, no ano passado, chegou a movimentar na economia norte-americana mais de US$ 75 bilhões. No Brasil, é conhecida como uma promotora de vendas digitais, e mais recentemente, essas transações passaram a incorporar também os espaços das lojas físicas, que agora se integram às vendas do e-commerce. Em 2018, a intenção de compras na Black Friday, em % de consumidores, foi de 44,5% em lojas físicas e 55,5% pela internet. Para este ano, a estimativa de intenção de compra na data é de 49,5% em lojas físicas e 50,5% pela internet, praticamente se igualando pela primeira vez. 

Com um ticket médio de R$ 650,00 este ano, a Black Friday deverá movimentar R$ 3,5 bilhões com as vendas do e-commerce e de lojas físicas. No ano passado, o ticket médio ficou em R$ 595,00, e o e-commerce movimentou R$ 2,35 bilhões, e as lojas físicas R$ 750 milhões, perfazendo os R$ 3,1 bilhões esperados na Black Friday em 2018.

De uma forma geral, as vendas desta data, em especial, destacam-se pelos elevados descontos oferecidos pelas empresas participantes, que chegam a variar de 30% a 80%, o que obriga os consumidores a pesquisarem preços. Aproveitando a oportunidade, muitos consumidores antecipam suas compras de Natal.

A intenção de compras dos internautas brasileiros para a data neste ano aumentou 58% com relação ao ano passado, segundo pesquisa da Google, publicada no dia 8 deste mês (outubro). Pelo menos 69% dos consumidores já definiram o que vão comprar e só estão esperando a melhor oferta. O gasto médio dos brasileiros deve ser de R$ 1.330. A pesquisa entrevistou em julho 1,5 mil consumidores on-line de todas as regiões do País. 

E-commerce nacional

Pesquisa feita pelo Google mostrou que o comércio eletrônico deve dobrar sua participação no faturamento do varejo até 2021, crescendo em média 12,4% ao ano. Isso aponta que as vendas deverão dobrar em cinco anos, chegando a R$ 85 bilhões.

Conforme informações levantadas de vários segmentos do setor “e-bit”, Ciashop do e-commerce: a Moda é o 1º segmento em volume de pedidos.

Faturamento nacional:

Em 2018, o comércio eletrônico faturou R$ 53,2 bi no País, uma alta de 12,0% em comparação com 2017. Foram 123 milhões em pedidos, cerca de 10% em relação ao ano anterior. O ticket médio de compras foi de R$ 434,00, 1% acima do ticket médio de 2017.

Tanto em pedidos como em Movimentação Financeira, o e-commerce se expande a taxa média de 18,5% ao ano.

Para 2019, a expectativa no e-commerce nacional é de uma expansão de 15% no faturamento, podendo chegar a R$ 61,2 bilhões, com os números de pedidos próximos dos 137 milhões, e o ticket médio, R$ 447,00, um acréscimo de 3% sobre 2017.

Participação do e-commerce na Região de Campinas

A participação da RMC e em Campinas no e-commerce é de 18,5% da movimentação financeira nacional, bem como da movimentação dos pedidos.

Assim, em 2018, o e-commerce na RMC movimentou R$ 9,8 bi, e em Campinas cerca de R$ 5,1 bi, uma expansão de 12,0% sobre os R$ 8,8 bi de 2017.

Para 2019, a expectativa é de uma expansão de 15% sobre o faturamento de 2018 na RMC, podendo chegar aos R$ 11,3 bi, o que comprova a expansão do e-commerce na Região.

Nossa Região

Última semana para solicitar isenção no Processo Seletivo para cursos técnicos gratuitos

Publicado

em

IFSP oferece 544 vagas para cursos técnicos gratuitos na Região Metropolitana de Campinas 

Os candidatos interessados em pedir isenção da taxa de inscrição para o Processo Seletivo para ingresso nos cursos técnicos do IFSP têm até o dia 21 de outubro para formalizar a solicitação.
O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) oferece 360 vagas para cursos técnicos nos câmpus Campinas, Capivari, Hortolândia e Piracicaba. Em todo o estado de São Paulo, são ofertadas 6.080 vagas em 36 câmpus para o primeiro semestre de 2022.  

Pode pedir isenção o aluno que estudou integralmente em escola pública ou teve bolsa integral durante todo o Ensino Fundamental, desde que sua renda familiar bruta seja de até um salário mínimo e meio (R$1.650) por pessoa. O candidato precisa anexar documentos que comprovem as informações.

Todos os cursos são gratuitos, sem cobrança de mensalidade. As inscrições estão abertas até o dia 14 de novembro. Para realizar a inscrição, os interessados devem ler atentamente o Edital nº 400/2021, realizar o cadastro, preencher o formulário eletrônico de inscrição e o questionário socioeconômico no Portal do Candidato, por meio do site processoseletivo.ifsp.edu.br.  

Para os candidatos que não solicitarem a isenção é necessário pagar uma taxa de R$ 60, para os cursos técnicos integrados, ou de R$ 30, para os técnicos concomitantes ou subsequentes ao ensino médio.  

Neste ano, devido a uma determinação judicial, o IFSP volta a adotar a seleção por meio de provas. O processo seletivo abordará as disciplinas de Português e Matemática e será aplicado, de forma presencial, no dia 19 de dezembro, na mesma cidade, ou município da mesma região, da localização do câmpus escolhido pelo candidato no momento da inscrição.  

Veja abaixo a relação de vagas em Campinas, Capivari, Hortolândia e Piracicaba: 

  

Campinas – 160 vagas 

Técnico Integrado ao Ensino Médio 

Eletrônica (40 vagas – período matutino) 

Informática (40 vagas – período vespertino) 

  

Técnico Concomitante/Subsequente ao Ensino Médio 

Eletroeletrônica (40 vagas – período noturno) 

Informática (40 vagas – período matutino) 

  

Capivari – 80 vagas 

Técnico Integrado ao Ensino Médio 

Informática (40 vagas – período integral) 

Química (40 vagas – período integral) 

  

Hortolândia – 184 vagas 

Técnico Integrado ao Ensino Médio 

Automação Industrial (35 vagas – período integral) 

Informática (37 vagas – período integral) 

Mecânica (32 vagas – período integral) 

  

Técnico Concomitante/Subsequente ao Ensino Médio 

Eletroeletrônica (40 vagas – período noturno) 

Fabricação Mecânica (40 vagas – período noturno) 

  

Piracicaba – 120 vagas 

Técnico Integrado ao Ensino Médio 

Informática (40 vagas – período vespertino) 

Manutenção Automotiva (40 vagas – período vespertino) 

Técnico Concomitante/Subsequente ao Ensino Médio 

Mecânica (40 vagas – período noturno) 

O IFSP reserva 50% de suas vagas a estudantes que tenham cursado integralmente o ensino fundamental em escolas públicas. Também têm direito às vagas reservadas candidatos em situação de vulnerabilidade econômica e social, pretos, pardos ou indígenas, e pessoas com deficiência.  

Mais informações em www.ifsp.edu.br

Continue Lendo

Nossa Região

Chuvas com potencial para temporais são esperadas entre o domingo e segunda

Publicado

em

Entre a noite dessa sexta (15) e a manhã de sábado (16), a passagem da frente fria resultará em chuvas generalizadas na região. Há um certo grau de incerteza com relação aos totais de chuva, mas há  potencial para grandes acumulados até amanhã.

O sábado é de céu parcialmente nublado a encoberto, com chuva a qualquer momento do dia, preferencialmente na madrugada e manhã. As temperaturas ficam entre 19 e 26ºC.

Para o domingo, a tendência é de céu nublado com chuvas isoladas. Dessa forma, as temperaturas ficam entre 17 e 23ºC.

De acordo com Cepagri da Unicamp, entre o domingo e a segunda-feira, a convergência de umidade organizada pela frente fria (leia acima) deverá proporcionar mais chuvas e de forma persistente ou recorrente na região, com potencial para novos temporais.

Continue Lendo

Nossa Região

Operações da EMTU em setembro apreenderam 13 veículos irregulares na Região Metropolitana de Campinas

Publicado

em

Equipes de fiscalização averiguaram 429 veículos; apreensões quase triplicaram em relação ao mesmo mês do ano passado

A EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos, em conjunto com a Polícia Militar do Estado de São Paulo, realiza com frequência operações contra o transporte coletivo de passageiros não autorizado nos municípios da Região Metropolitana de Campinas, sempre com o apoio da Polícia Militar, Polícia Rodoviária Estadual e prefeituras.

No mês de setembro, as ações resultaram em 246 abordagens para averiguação e na apreensão de 13 veículos, quase o triplo de apreensões registradas em setembro de 2020, quando cinco veículos foram apreendidos em situação irregular. As equipes de fiscalização também aplicaram 31 autuações para operadores de linhas metropolitanas em situação regular, mas que cometeram algum tipo de infração. As multas aplicadas para esses casos podem chegar a R﹩ 5.212,22.

Os agentes averiguam carros, vans, micro-ônibus e ônibus que fazem o transporte intermunicipal metropolitano com o objetivo de combater o transporte irregular de passageiros, oferecendo mais segurança, qualidade e eficiência aos cidadãos que utilizam o sistema metropolitano.

Os veículos autorizados passam por inspeções periódicas nas quais são verificados mais de 400 itens, os condutores são treinados periodicamente, bem como são atendidas todas as normas do Código de Trânsito Brasileiro e aquelas determinadas pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos. Os veículos não autorizados não cumprem essas normas e não há qualquer garantia da sua procedência.

Além disso, as empresas do sistema regular são titulares da concessão, logo precisam cumprir normas contratuais, inclusive em relação ao combate da transmissão do coronavírus, ao passo que os veículos clandestinos operam de forma precária e em concorrência ruinosa já que não cumprem qualquer requisito da legislação.

Sobre a EMTU – Vinculada à Secretaria dos Transportes Metropolitanos, a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU) é controlada pelo Governo de São Paulo. Fiscaliza e regulamenta o transporte metropolitano de baixa e média capacidade nas cinco regiões metropolitanas do Estado: São Paulo, Campinas, Sorocaba, Baixada Santista e Vale do Paraíba / Litoral Norte. Juntas, as áreas somam 134

Continue Lendo

Populares