Após muito tempo sem solução e respostas, skatistas decidiram montar uma comissão  para a busca de soluções e medidas a serem tomadas na Secretaria de Obras da Prefeitura Municipal em relação à pista de skate do Jd. Amanda.

Relatam que a pista e os obstáculos foram mal construídos e não atendem os requisitos básicos para pratica do esporte. A pista é totalmente impraticável e está abandonada desde sua inauguração, o espaço até hoje só serviu para usuários de entorpecentes.

Skatistas da cidade pedem para que sejam demolidos os obstáculos e deixem o solo liso, assim o espaço ficará livre para a prática de manobras.  Lembrando que o custo da obra da pista de skate abandonada foi de R$ 175.400,00.

“ Infelizmente lutamos há anos pela destruição dessa obra mal planejada e inapropriada para a pratica do skate e nem isso conseguimos da Prefeitura de Hortolândia, que sempre trataram os skatistas com total descaso” – Rone Skate, Skatista do Jd. Amanda.

“Iremos buscar a solução diante a nova  Secretaria de Obras, espero que nos ouçam e resolvam esse problema para os jovens skatistas. Caso contrário, iremos planejar manifestações em vários dias e avenidas de Hortolândia. Já passou da hora de valorizar os skatistas de nossa cidade.” – Hugo Oliveira, Ativista Cultural e porta-voz do Coletivo Ativamente.

A Comissão de skatistas será montada nas próximas semanas, na pista de Skate do Jardim Amanda. Onde irão fotografar e planejar as ações que poderão ser realizadas pela Prefeitura e Secretaria de Obras no local. 

Artigo anterior1a Edição da Corrida de Rua “48o BPMI – Cabo Ferrari”
Próximo artigoViatura da PM precisou ser guinchada apos colisão na Franceschi