A violência contra crianças e jovens, em muitos casos, ocorre dentro de casa. O alerta foi feito pela psicóloga Ana Denadai, palestrante convidada para o quinto encontro do percurso de webinários “Educação na Rede”, promovido pela Prefeitura de Hortolândia, na noite dessa segunda-feira, (24/05). O evento, voltado aos profissionais da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, aconteceu via plataforma Zoom, em razão da pandemia do Coronavírus e teve como tema “Todos somos proteção”. 

Na abordagem do assunto, a palestrante abordou as situações e perfis mais comuns de abusadores, apresentou dados de ocorrências na região, destacando que apenas 10% dos casos são registrados, ressaltando o papel do educador como ponto de apoio à criança e ao jovem em situação de abuso.   

O webinário, focado na campanha do Maio Laranja, faz parte integrante de um ciclo de palestras online e discute as principais pautas sobre educação na atualidade.   

A abertura do terceiro encontro contou com a participação especial da secretária adjunta de Educação, Ciência e Tecnologia, Roberta Morais Diniz, que agradeceu a presença de todos e falou sobre a importância das ações do mês de luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes no combate à exploração e violência sexual infanto-juvenil.  

Na sequência, a psicóloga Ana Denadai falou sobre sua trajetória profissional, muito ligada ao tema, e propôs uma reflexão a respeito do título do evento, convidando todos a tomarem o papel de guardiões dos direitos das crianças e adolescentes no combate à violência sexual. Ao apresentar dados de ocorrências na região, ressaltou o fato de somente 10% dos casos serem efetivamente registrados e abordou as situações e perfis mais comuns, alertando para que todos fiquem atentos, pois a violência em muitos casos ocorre dentro de casa.  

A psicóloga também falou sobre o papel da escola na luta pelos direitos e na identificação dos casos, principalmente nesse período de isolamento social ocasionado pela pandemia do Coronavírus. Abordou importância das ações e projetos desenvolvidos pelos profissionais da educação, pois agem não apenas no enfrentamento, mas também na prevenção das violências. Ana finalizou, falando sobre a rede de proteção.  

“Para enfrentar a violência sexual é preciso um trabalho de todos. A rede de proteção é composta através dos serviços, das ações e das pessoas. Esse trabalho em conjunto garante que a criança siga segura através dessa rede”, ressaltou ela.

O Percurso Webinários “Educação na Rede” é uma ação da Prefeitura, por meio da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, que apresenta aos participantes diferentes temas, motivando uma reflexão sobre educação e tecnologia na atualidade. Além de beneficiar gestores educacionais, professores e educadores municipais, o ciclo formativo também é aberto ao público em geral. Para ter acesso ao encontro dessa segunda-feira, (24/05), clique aqui (https://www.youtube.com/secretariadeeducacaocienciaetecnologiahortolandia).

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia