Equipes da Prefeitura de Hortolândia entregaram, na tarde desta sexta-feira (25/06), panfletos informativos em residências localizadas nas ruas Cristalina e Pedro Azevedo, no Jardim Santa Esmeralda. O trabalho alerta sobre a importância da ligação correta para o descarte de esgoto doméstico. A ação orientativa tem o objetivo de evitar a poluição de rios, lagos e mananciais com ligações clandestinas nas redes de esgotos e águas pluviais. A ação permanece nos próximos dias em outras regiões da cidade. De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, além de proteger o meio ambiente, a ligação correta das redes de esgoto e águas pluviais também evita infiltrações no solo.

Nesta sexta-feira, em parceria com a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), as equipes da Administração Municipal realizaram uma obra emergencial para conter uma infiltração e evitar o afundamento de solo na rua Vanderlei da Costa Camargo, na região Central. 

O trabalho de fiscalização e as ações preventivas da Prefeitura contribuem para que o município atinja, em breve, 100% de coleta e tratamento de esgoto. Atualmente, o índice de coleta é de aproximadamente 99% de cobertura, sendo que 100% do esgoto coletado já é tratado. “Pedimos a colaboração da população para nos ajudar a manter os sistemas de esgoto e de águas pluviais em bom funcionamento. Não descarte resíduos irregularmente”, pede o secretário adjunto de Serviços Urbanos, Marcos Panício, o Mercadão.

DESCARTE IRREGULAR É CRIME AMBIENTAL

Segundo a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde, disponível para download gratuito, nas plataformas Google Play ou App Store. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

Artigo anteriorReforma tributária prevê taxar ações e isenção no IR até R$ 2,5 mil
Próximo artigoBAEP prende homem por trafico no São Sebastião