Connect with us

Nossa Cidade

Prefeitura inicia entrega de material escolar para 23 mil alunos, nesta terça-feira (3)

Publicado

em

O prefeito Antonio Meira participa das cerimônias de entrega, que serão realizadas em cinco escolas da cidade

O prefeito Antonio Meira, acompanhado da secretária de Educação Cleudice Baldo Meira, entrega a partir desta terça-feira  (03/02), kits de material escolar aos estudantes da rede municipal de Hortolândia. As cerimônias oficiais acontecem em cinco unidades da rede municipal de ensino. A primeira acontece na Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Armelinda Espúrio da Silva, no Jardim Nossa Senhora de Fátima, às 7h. (confira abaixo a lista completa).

A entrega do material escolar, marca o início do ano letivo aos cerca de 23 mil estudantes da Educação Infantil, do Ensino Fundamental (do 1º ao 5º ano) e da EJA (Educação de Jovens e Adultos). Os kits são uma das metas da Administração Municipal, por meio da Secretaria de Educação. A previsão é que, até o final desta semana, os kits escolares tenham sido distribuídos nas 54 unidades da rede. Neste mês,  a Administração vai inaugurar a 55ª unidade escolar, a Emei (Escola Municipal de Ensino Infantil), no Jardim Terras de Santo Antonio.

Para atender cada modalidade de ensino e suas necessidades, o material escolar foi organizado em 11 kits diferentes, que respeitam a faixa etária dos alunos. Os itens são personalizados com layout apropriado tanto aos pequenos quanto aos adultos da EJA. A Secretaria de Educação esclarece que alguns materiais dos kits são de uso coletivo de cada turma e ficam armazenados nos armários da sala de aula para serem utilizados pelos alunos durante as atividades pedagógicas.

“A entrega dos kits no início do ano letivo é uma grande conquista para todas as crianças da nossa rede municipal e para toda a comunidade, reflete na economia das famílias. Os kits foram planejados com muito carinho. Esta ação da Secretaria vai oportunizar a todas as nossas crianças receberem material escolar de qualidade”, ressalta a secretária de Educação, Cleudice Baldo Meira.

Confira o calendário da entrega dos kits de material escolar e de higiene bucal:

03/02- às  7h00

Local: Emef Armelinda Espúrio da Silva

Av. João Coelho, 10  – Jd. N. Senhora de Fátima

04/02 – às 7h30

Emeief Professora Zenaide Ferreira de Lira Seorlin

Rua José Camilo de Camargo, 333 – Remanso Campineiro

05/02 –  às 7h00

Emef Dona Ana José Bodini Januário

Avenida Santana, 999 – Jardim Amanda I

05/02- às 19h

Emef Caio Fernando Gomes Pereira

Rua Aurora P. Tanachi, 995, no  Jd. N. Sra Auxiliadora

06/02 – às 7h30

Emei Jardim Santiago

Rua Projetada, 500, no Jardim Santiago

Nossa Cidade

Menina com microcefalia é a primeira criança de Hortolândia a ser vacinada contra a COVID-19

Publicado

em

Isabelly, de 9 anos, foi imunizada na UBS Dom Bruno Gamberini, na manhã desta quarta-feira (19/01)

“Estou feliz! É um momento que esperamos muito!” Com estas palavras Jaqueline Cristina da Silva expressou seu sentimento de alívio ao ver sua filha, Isabelly, de 9 anos, receber a vacina pediátrica da Pfizer. A menina com microcefalia foi a primeira criança de Hortolândia a ser imunizada contra a COVID-19. A Prefeitura iniciou a vacinação da população infantil de 5 a 11 anos com comorbidade ou deficiência, na UBS (Unidade Básica de Saúde) Dom Bruno Gamberini, na manhã desta quarta-feira (19/01). 

Moradora do Jardim Novo Estrela, Jaqueline ficou apreensiva com a filha durante a fase mais aguda da pandemia. “Fiquei com medo da minha filha ser internada. Ela é paciente de risco e já teve problemas respiratórios”, conta Jaqueline. Para se protegerem, mãe e filha se mantiveram em isolamento social. “Procuramos evitar ao máximo de sair, encontros com a família, para não expô-la”, relata Jaqueline.

Para as famílias receosas de levar suas crianças para a vacinação, Jaqueline diz para se tranquilizarem. “Vacina salva vidas. Protege as crianças. Por isso, é importante levá-las para serem vacinadas”, reforça Jaqueline. 

CADASTRO

A Prefeitura de Hortolândia informa que a vacinação contra a COVID-19 para crianças prosseguirá nesta quinta-feira (20/01) na UBS Parque do Horto, e na sexta-feira (21/01) na UBS Campos Verdes. A vacinação acontecerá das 8h às 15h30. Essas unidades farão exclusivamente a vacinação para as crianças. 

Na próxima semana, a vacinação será realizada nas seguintes unidades:

– Segunda-feira (24/01): UBSs Novo Ângulo e Dom Bruno Gamberini

– Terça-feira (25/01): UBS Rosolém

– Quarta-feira (26/01): UBS Campos Verdes

– Quinta-feira (27/01): UBS Parque do Horto

– Sexta-feira (28/01): UBS Amanda II

Para o início da vacinação, o município recebeu do governo do Estado 1.150 doses da vacina pediátrica da Pfizer. De acordo com a estimativa da Secretaria de Saúde, com base em dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a população na faixa etária de 5 a 11 anos do município a ser vacinada é de 26.427 crianças.

A Secretaria de Saúde explica que a vacinação será por livre demanda, com distribuição de senha em cada unidade. De acordo com a Secretaria de Saúde, a previsão é de que sejam aplicadas cerca de 250 doses por dia. 

 

A Secretaria de Saúde reforça a solicitação para que as famílias façam o cadastro das crianças no site Vacina Já (CLIQUE AQUI), do governo do Estado. O cadastro serve para deixar a vacinação mais rápida para evitar filas e aglomeração. Para fazer o cadastro é necessário informar o CPF (Cadastro de Pessoa Física) da criança. Caso a criança ainda não tenha o documento, a Secretaria de Saúde orienta para que a família ou o responsável providencie a emissão do documento da criança em alguma das agências dos Correios da cidade.  

No dia da vacinação, as crianças deverão ir acompanhadas de pai, mãe ou responsável. Será necessário apresentar laudo que comprove a comorbidade ou a deficiência da criança, com o número do CRM (Conselho Regional de Medicina) do médico que a atende. Também será necessário apresentar comprovante de endereço e o CPF da criança. 

A Secretaria de Saúde ainda solicita para que o acompanhante leve a carteira de vacinação da criança para verificar se a carteira está atualizada. Caso a criança esteja em falta com alguma vacina, a equipe da unidade orientará para que a criança aguarde o intervalo de 15 dias para receber as vacinas faltantes.  

Caso a criança compareça acompanhada de adulto, que não seja pai, mãe ou responsável, ela deverá apresentar o termo de autorização para ser vacinada. O termo deverá ser assinado por pai, mãe ou responsável. O termo está disponível no site da Prefeitura para ser baixado neste LINK. O termo também está disponível em versão impressa nas UBSs da cidade. 

A Secretaria de Saúde reforça a solicitação para que a criança venha com apenas um acompanhante para evitar aglomeração na unidade na hora da vacinação.

Caso a criança apresente reação adversa à vacina pediátrica, a Secretaria de Saúde orienta para que ela seja levada aos serviços públicos de urgência e emergência da cidade.

LISTA DE ESPERA

Em caso de haver sobra de vacina, a Secretaria de Saúde organizará lista de espera. Para entrar na lista, é necessário que o pai, a mãe ou o responsável da criança envie mensagem via WhatsApp para o número (19) 99920-3204. Na mensagem deverão ser informados o nome do pai, mãe ou responsável, e os seguintes dados da criança: nome, CPF, data de nascimento e idade. A Secretaria de Saúde entrará em contato com as pessoas da lista. As pessoas chamadas terão o prazo de meia hora para levar a criança à unidade onde houve a sobra da vacina.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Hortolândia está em estado de atenção em razão da quantidade acumulada de chuva registrada nos últimos três dias

Publicado

em

De acordo com a Defesa Civil, quantidade registrada durante a chuva na noite desta terça-feira (18/01) foi de 67,5 mm

Em razão da chuva forte na noite desta terça-feira (18/01) em Hortolândia, a Defesa Civil, órgão da Prefeitura, informa que o município está em estado de atenção por causa da quantidade acumulada nos três últimos dias de 97 mm. Ainda de acordo com o órgão, a quantidade de chuva registrada, em aproximadamente uma hora, na noite desta terça-feira foi de 67,5 mm. Além da chuva forte, houve ocorrência de granizo e vendaval. 

A Defesa Civil ainda informa que a chuva provocou queda de árvores em vários locais da cidade. Não foram registrados acidentes, mortes, danos materiais nem situação de moradores desalojados ou desabrigados. 

O órgão reforça que a população deve estar atenta e tomar cuidados durante a ocorrência de chuva forte para evitar acidentes graves e até mesmo fatais. “As águas de uma chuva forte têm força que podem formar até correntezas. Por isso, reforçamos o alerta para que a população não atravesse pontos de alagamentos. Pois, além do risco da pessoa ser arrastada, as águas de chuva também podem estar contaminadas. Durante a chuva, a população deve procurar se abrigar ou estacionar seu veículo em um local mais elevado e aguardar até que águas sejam escoadas”, alerta o secretário de Segurança, Joldemar Nunes Corrêa. Em caso de necessidade, a população deve acionar a Defesa Civil por meio dos telefones 199 ou (19) 3897-6050.

CUIDADOS

Ao perceber a aproximação de uma chuva forte, a Defesa Civil de Hortolândia orienta os moradores para não ficarem em lugares ao ar livre para evitar acidente fatal provocado pela descarga elétrica de raios durante a chuva. 

Já na iminência de alagamento, a população deve deixar alimentos, produtos de limpeza e aparelhos eletroeletrônicos longe da água. No caso dos eletroeletrônicos, deve-se também desconectá-los das tomadas. 

Durante a chuva, caso ocorra alagamento, o órgão orienta as pessoas a evitar contato com água da chuva, pois há risco de se contrair doenças, como Leptospirose, causada pela bactéria presente na urina de animais, principalmente ratos, que pode estar misturada na água da chuva.

O órgão salienta ainda que, quando a chuva é de forte intensidade, as águas são pesadas e violentas. Mesmo que a pessoa saiba nadar, é melhor ela não se arriscar a atravessar vias alagadas ou até mesmo fazer brincadeiras. A quantidade de 15 cm de água em movimento consegue derrubar uma pessoa. Já 30 cm de água em movimento é suficiente para arrastar um veículo.

PLANO MUNICIPAL

Já está em vigor em Hortolândia, desde dezembro do ano passado, o Plano Municipal de Contingência Preventivo de Defesa Civil. O plano visa preparar a cidade para prevenir, reduzir e conter os riscos e os problemas causados pelo período chuvoso, em especial alagamentos e inundações. 

O plano busca ainda otimizar os recursos existentes e articular a participação das secretarias municipais envolvidas por meio do Sistema Municipal de Proteção e Defesa Civil e os órgãos de atendimento emergencial. O plano vai até o dia 31 de março deste ano, podendo ser prorrogado, conforme haja necessidade.

O plano consta do decreto municipal publicado no final do ano passado no Diário Oficial Eletrônico do município. O decreto ainda regulamenta e coordena as ações realizadas pela Prefeitura dentro da Operação “Chuvas de Verão 2021/2022” com vistas à prevenção e proteção, durante o período de chuvas. 

Entre as ações realizadas estão o monitoramento das previsões meteorológicas, as vistorias preventivas para mapear e avaliar áreas suscetíveis e verificar a limpeza de córregos, vias públicas, galerias de águas pluviais, áreas de ocupações e onde acontecem alagamentos, bem como a coordenação, o acionamento e o controle de emergências.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Hortolândia reforça sinalização em ruas de unidades de saúde

Publicado

em

Vias próximas das UPA do Jd. Nova Hortolândia e do Hospital Samaritanos foram contempladas na ação

Cuidar da segurança viária em todos as regiões da cidade é uma das prioridades da Prefeitura de Hortolândia. As equipes da Secretaria de Mobilidade Urbana realizaram, nesta terça-feira (18/01), mutirão de reforço e implantação da sinalização de solo no entorno da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Nova Hortolândia. Localizada na rua João Ribeiro Evangelista, o local recebia o estacionamento irregular de veículos em frente ao espaço, dificultando o fluxo de veículos na via e atrapalhando a chegada e saída de ambulâncias no local.

“Em frente a unidade de saúde flagramos muitas situações de desrespeito. Por isso, priorizamos este serviço para que o fluxo na via possa sempre estar livre, evitando problemas a quem precisa usar o espaço e circular pela região. Também retomamos o reforço da pintura em lombadas e faixas duplas amarelas em ruas de algumas regiões”, explica o diretor de operação da Secretaria de Mobilidade Urbana, José Eduardo Vasconcellos.

Também nesta terça-feira,  na rua Osvaldo da Silva, em frente ao Hospital Samaritano, no bairro Villagio Ghiraldelli, as equipes da Administração Municipal reforçaram a pintura de uma lombada na via e de faixas duplas amarelas contínuas. O mesmo serviço aconteceu nas ruas 12 de Junho, no Jardim Mirante e Adamastor Pirschner, no Jardim Santa Clara do Lago. “O trabalho continua nos próximos dias em diversas regiões”, comenta Vasconcellos. 

Para salvar vidas no trânsito, a Prefeitura realiza, desde 2017, uma série de ações, que vão de atividades educativas com motoristas e pedestres, reforço na sinalização, até a implantação de radares controladores de velocidade, principal medida adotada pela Administração Municipal para a redução de mortes no trânsito da cidade. Os dispositivos começaram a funcionar em janeiro de 2019. Além disso, a cidade recebe, periodicamente, um mutirão de Tapa-Buraco em todas as regiões. Outra medida importante é a instalação dos painéis eletrônicos informativos nos portais de entrada e saída da cidade e investimentos na malha cicloviária.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Noticias

Amazon

Populares