Connect with us

Nossa Cidade

Prefeitura de Hortolândia inicia processo de regularização fundiária no Parque Peron

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia iniciou nesta quarta-feira (11/08) a primeira etapa de regularização fundiária do Parque Peron. No total, serão beneficiadas cerca de 200 famílias que moram no local há mais de 20 anos.

Para dar início aos trabalhos, a equipe da Secretaria Municipal de Habitação foi até a rua Três e começou a cadastrar as famílias. A ação foi acompanhada de perto pelo prefeito José Nazareno Zezé Gomes e pelo secretário de Habitação Rogério Mion.

“Há mais de 20 anos eu acompanhei o início da ocupação na região do Jardim Peron e, agora, como prefeito municipal estamos tendo a oportunidade de iniciar, talvez, a mais importante etapa que é a de regularização fundiária. A escritura nas mãos, além de dar dignidade aos moradores, trará maior segurança jurídica para todas as famílias que lutaram para conquistar o seu direito a moradia”, afirmou Zezé.

O secretário de Habitação, Rogério Mion, explicou que o processo de regularização fundiária será desenvolvido pela Prefeitura em parceria com o Governo do Estado, por meio do programa Cidade Legal. “O programa da Secretaria de Estado da Habitação acelera e desburocratiza o processo de regularização fundiária, sem custo aos municípios e aos moradores. A Prefeitura recebe apoio técnico para a regularização de parcelamento do solo e de núcleos habitacionais, públicos ou privados, para fins residenciais, localizados em área urbana ou de expansão urbana”, explicou Mion.

Durante o trabalho de cadastramento, os servidores municipais conferem toda a documentação das famílias. Foi o que aconteceu na casa da Sandra Cristina de Souza, que mora no Peron há mais de 20 anos. “Conquistar a escritura é a concretização de um sonho. A luta por uma casa foi muito grande e, com o documento em mãos, terei a tranqüilidade necessária de falar que a casa é minha e da minha família”, argumentou Sandra.

A ação tem como objetivo de garantir o direito à moradia, com a concessão de título de posse de imóvel aos ocupantes da área, a partir do conjunto de medidas jurídicas, urbanísticas, ambientais e sociais que visam a regularização de núcleos urbanos informais. Após o procedimento, a Administração encaminhará os documentos para análise e aprovação do Governo do Estado, responsável pela emissão do título de posse ao morador.MAIS REGULARIZAÇÕESNo mês de junho, a Prefeitura de Hortolândia realizou a entrega de 102 títulos de posse de regularização fundiária para moradores de lotes nos bairros Jardim Girassol, Jardim Santa Fé e Parque Orestes Ôngaro.

Na ocasião, o prefeito ressaltou que a entrega do título oficializa para os moradores a posse de suas moradias. Com o documento, as famílias poderão obter a escritura e o registro de seus respectivos imóveis. “Há cerca de 60 dias entregamos esses títulos de posse. Cada família beneficiada terá o direito de efetivar a escritura e o registro do imóvel. É uma conquista que garante cidadania. É a concretização do sonho de uma vida”, destacou Zezé Gomes.

Também em junho, moradores de lotes localizados nos bairros Jardim Aline, Jardim Conceição, Jardim Santiago e Vila Guedes cumpriram uma importante etapa para regularizar a situação de seus imóveis. A Prefeitura e a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo), órgão do governo estadual, promoveram um mutirão de assinatura de contratos.

De acordo com a Secretaria de Habitação, foram assinados 42 contratos. Também foram feitas correções em 15 contratos e atendimento de orientação e informação para 38 famílias que já assinaram os contratos. Ainda de acordo com a Secretaria de Habitação, está prevista a realização de mais etapas do mutirão de assinaturas pela CDHU, em datas ainda a serem definidas.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Mario Covas receberá repasse de R$ 3 milhões

Publicado

em

Obras são fundamentais para garantir um espaço mais moderno e acolhedor, diz prefeito Zezé Gomes

O Hospital Municipal e Maternidade “Governador Mário Covas”, de Hortolândia, receberá neste ano um repasse de R$ 3 milhões do Governo do Estado. O recurso foi anunciado nesta quinta-feira (16/09) pelo vice-governador Rodrigo Garcia ao prefeito José Nazareno Zezé Gomes, durante a inauguração das alças de acesso do Corredor Metropolitano “Vereador Biléo Soares” à rodovia Jornalista Franscisco Aguirre Proença (SP-101).

De acordo com o vice-governador, o recurso já está autorizado e será depositado dentro dos próximos dias nos cofres municipais. O repasse poderá ser utilizado para custeio, compra de medicamentos, insumos, manutenção ou reforma. “Estamos vivendo uma pandemia e, graças a vacinação realizada pelo Governo do Estado, estamos superando e voltando aos poucos com as nossas vidas normais. Investir em saúde é fundamental, uma vez que iniciaremos mutirões de exames e de cirurgias em todo o estado. Em Hortolândia, investir no Hospital é importante para a Prefeitura e fundamental para a população. Esse investimento reflete também em outras cidades da região. Todos ganham”, destacou Garcia.

O prefeito Zezé Gomes agradeceu o vice-governador pelo anúncio e destacou o trabalho de bastidores que foi necessário realizar para que o Estado pudesse destinar novos recursos ao Hospital Municipal. “Na semana passada, estive junto com o deputado estadual Rafa Zimbaldi onde tratamos sobre a saúde e cobramos recursos para o nosso hospital. A unidade vem passando por reforma e ampliação e todos os recursos são fundamentais para que possamos dar vazão às nossas necessidades. Recentemente entregamos o novo Pronto Socorro. Agora, estamos trabalhando na criação da sala de tomografia computadorizada e remodelando o Pronto Socorro Infantil. As obras são fundamentais para garantir um espaço mais moderno e acolhedor, melhorando substancialmente o atendimento para aqueles que mais precisam”, afirmou Zezé.

REMODELAÇÃO

A Prefeitura de Hortolândia continua avançando com a reforma do Hospital. Na intervenção, são investidos R$ 12,5 milhões para reforma desde a fachada até as instalações internas, o que resultará em diversas melhorias, entre elas, a ampliação de 67 para 100 leitos. Algumas etapas já foram concluídas, como a criação de 10 vagas de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) adulto, a finalização da obra no Pronto Atendimento Obstétrico e Ginecológico e a reabertura do Pronto Socorro Adulto, que também passou por obras de remodelação.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Viaduto Nova Europa-Bandeirantes será construído

Publicado

em

Licitação será realizada em 60 dias; obras devem inicia entre o final do ano e início de 2022, anunciou o Estado

A Prefeitura de Hortolândia e o Governo do Estado de São Paulo confirmaram, nesta quinta-feira (16/09), a construção do viaduto que fará a ligação do Jardim Nova Europa (Hortolândia) ao Parque Bandeirantes (Sumaré).

A confirmação foi comemorada pelo prefeito José Nazareno Zezé Gomes. O chefe do executivo hortolandense destacou que a obra era sonhada há mais de 15 anos e que a importância da sua realização foi frequentemente ressaltada pelo ex-prefeito Angelo Perugini, falecido no último mês de abril, vítima de complicações da Covid-19. “Desde quando o Angelo Perugini foi prefeito pela primeira vez, em 2005, a construção do viaduto do Nova Europa era debatida. Eu mesmo fui testemunha da luta desse homem para que essa obra saísse do papel. Hoje, com a graça de Deus, esse sonho começa a se transformar em realidade. O Governo do Estado anunciou a construção e disse que, dentro dos próximos 60 dias, será realizado o processo licitatório, para que a obra possa ser iniciada entre o final do ano e início de 2022. Essa será uma obra que vai potencializar o desenvolvimento de toda a região do Nova Europa, abrindo caminhos para a chegada de novas empresas e favorecendo as indústrias que ali já estão localizadas. Estamos abrindo caminho direto para as rodovias Anhanguera e Dom Pedro I, diminuindo distâncias e favorecendo diretamente a nossa gente”, destacou o prefeito.


De acordo com o vice-governador, Rodrigo Garcia, para a construção do viaduto serão investidos cerca de R$ 37 milhões. Ele destacou que a mobilidade urbana será impactada positivamente, criando mais uma via de ligação entre cidades e aproximando Hortolândia do eixo Anhanguera-Dom Pedro I. “Hoje eu venho fazer a autorização para que o DER licite, nos próximos 60 dias, o viaduto do bairro Nova Europa. Uma obra de R$ 37 milhões e vamos fazer porque sabemos que é importante para melhorar a mobilidade da Região Metropolitana”, disse Rodrigo Garcia.


O investimento de R$ 37 milhões para a construção do futuro viaduto será viabilizado por meio da Secretaria de Logística e Transportes. A obra fará a interligação entre os municípios de Hortolândia e Sumaré, sobre a linha férrea da concessionária ALL (América Latina Logística). A transposição terá 730 metros e garantirá mais mobilidade e opção de acesso a pedestres e motoristas entre os dois municípios.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Oficina gratuita de dança contemporânea

Publicado

em

Projeto “Trajetória em movimento”, financiado com recursos da Lei Aldir Blanc, tem o apoio da Prefeitura de Hortolândia

Gosta de dançar e está em busca de projetos públicos para realizar este sonho? Então é melhor se apressar. Ainda há vagas para a “Oficina de Dança Contemporânea”, que será realizada gratuitamente, nesta sexta-feira (17/09), das 19h às 20h30, na Unidade Cultural Arlindo Zadi, unidade da Secretaria de Cultura da Prefeitura de Hortolândia, localizada na Rua Graciliano Ramos, 280, no Jd. Amanda. 

As vagas são limitadas. As inscrições devem ser feitas pelo WhatsApp do artista responsável (19) 99349-6325. Podem se inscrever pessoas interessadas em dança, a partir dos 12 anos de idade.

O workshop integra o Projeto “Trajetória em movimento”, realizado pelo arte-educador Sergio Queiroz e financiado com recursos da Lei Aldir Blanc, no município. O projeto, que conta com o apoio da Prefeitura, oferece vivências de dança, nas áreas de jazz, balé, dança de rua, dança contemporânea, dança de salão, dança do ventre e dança afro.  

Os participantes receberão certificado. O arte-educador recomenda aos inscritos que levem roupa leve adequada para participar da oficina escolhida e respeitem os protocolos sanitários, como o uso de máscara individual. No local, será disponibilizado álcool em gel.

Continue Lendo

Populares