Connect with us

Nossa Cidade

Poder Judiciário elogia retomada do Programa Família Acolhedora

Publicado

em

Representantes do Poder Judiciário elogiaram a iniciativa do prefeito Angelo Perugini em retomar o Programa Família Acolhedora, durante evento realizado, nesta sexta-feira (6/10), no auditório Arlete Afonso, no UNASP (Centro Universitário Adventista de São Paulo), para apresentação do programa à comunidade.

 “O que chama a atenção em Hortolândia é que existe uma preocupação espontânea e ativa do Poder Executivo com questões relativas à infância. Isso me deixa satisfeito porque fica mais fácil trabalhar quando temos esse respaldo do Poder Executivo”, assinalou o juiz da Vara da Infância e Juventude, André Forato Anhê.

A iniciativa da Prefeitura também foi destacada pela Promotora de Justiça do Ministério Público do Estado de São Paulo, Renata Brandão Lazzarini. “Cheguei há pouco tempo em Hortolândia. Fui surpreendida em já ser convidada para a apresentação de um programa tão importante para as crianças e os adolescentes da cidade. O Ministério Público tem todo o interesse em atuar, com todos os meios e ferramentas possíveis, em questões relacionadas ao tema, juntamente com a Prefeitura”, salientou.

Perugini destacou que o programa quer chamar a atenção das famílias para as crianças e os jovens que vivem em situação de abandono e precisam de proteção. “Muitas crianças esperam a coragem e a solidariedade de uma família para oferecer a elas um lar, ainda que provisório, cheio de atenção e carinho”, disse o prefeito.

VIOLAÇÃO

A Prefeitura retoma o programa Família Acolhedora, que foi criado na segunda gestão do prefeito Angelo Perugini. O objetivo do programa é oferecer acolhimento, por meio de famílias acolhedoras, a crianças e adolescentes, de 0 a 18 anos, que tenham sofrido algum tipo de violação de direito ou proteção por parte de suas famílias biológicas.

As famílias acolhedoras terão acompanhamento de uma assistente social e de uma psicóloga durante o período em que acolherem as crianças e/ou adolescentes. O tempo de acolhimento será definido caso a caso. As famílias acolhedoras ainda receberão da Prefeitura uma bolsa-auxílio de R$ 500 mensais.

Para participar do programa, as famílias interessadas deverão se cadastrar no CREAS (Centro de Referência em Assistência Social) ou num dos quatro CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) existentes na cidade. Dentre os critérios para participar do programa, as famílias devem se residentes na cidade e todos os membros devem concordar em ser uma família acolhedora.

O evento teve ainda uma palestra ministrada pela assistente social Janete Valente, integrante do Grupo de Trabalho Nacional Pró-Convivência Familiar e Comunitária e consultora da Rede Latino Americana de Acolhimento Familiar (RELAF). Durante o evento, a Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social abriu espaço para perguntas do público sobre o programa.

O secretário de Inclusão e Desenvolvimento Social, Ananias José Barbosa, destacou a importância da retomada do programa. “O Família Acolhedora está saindo do papel por ser extremamente importante para a cidade. É um programa que busca a humanização da sociedade ao oferecer acolhimento para crianças e jovens”, observou.

O vice-prefeito e secretário do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, José Nazareno Zezé Gomes, ressaltou que a atual Administração tem dado atenção especial às questões relacionadas a crianças e adolescentes. “O programa marca um momento importante. É mais uma etapa que iniciamos para enfrentar uma luta que é de todos nós”, disse.

Nossa Cidade

Confira as vagas de emprego disponíveis no PAT de Hortolândia

Publicado

em

Há 2 vagas exclusivas para PCDs (pessoas com deficiência) para auxiliar de linha de produção e uma vaga para quem cursa Ensino Superior para assistente de engenharia civil

O PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), órgão da Prefeitura de Hortolândia, está com vagas de emprego para pessoas de diferentes perfis e formações. No total, são 24 vagas disponíveis, sendo que duas são exclusivas para PCDs (pessoas com deficiência) para o cargo de auxiliar de linha de produção. Já para quem está cursando Ensino Superior, há uma vaga para assistente de engenharia civil. Há ainda oportunidades para auxiliar de linha de produção (5 vagas), operador de sala de controle (4 vagas), vendedor interno (3 vagas), serralheiro (2 vagas), pedreiro (2 vagas), detre outras funções.

O PAT solicita aos interessados para que se candidatem às vagas pelo aplicativo Sine (Sistema Nacional de Emprego) Fácil ou pelo site Emprega Brasil, ambos do governo federal.

O órgão ainda orienta os candidatos para que fiquem atentos às datas de disponibilidade de cada vaga. Em caso de vagas com data de disponibilidade no fim de semana, os candidatos podem se candidatar por meio do aplicativo Sine Fácil ou do site Emprega Brasil. O PAT informa que as vagas de emprego ficam disponíveis até a data limite ou até o número máximo de candidatos estabelecido pelo empregador for atingido.

Para quem preferir se candidatar presencialmente, o PAT fica dentro do HORTOFÁCIL, localizado na rua Argolino de Moraes, 405, Vila São Francisco. O atendimento é das 8h às 17h.

É necessário levar Carteira de Trabalho (digital ou impressa), Carteira de Identidade (RG) e CPF (Cadastro de Pessoa Física) e comprovante de endereço. Os candidatos também podem levar currículo e comprovante de endereço, mas de acordo com o PAT, a apresentação desses documentos não é obrigatória. Para mais informações e orientações, o telefone do órgão é 3965-1400, ramais 8912 e 8913.

Confira as 24 vagas de emprego disponíveis no PAT de Hortolândia:

Cargo PCDs
inclusos
Vagas Escolaridade Experiência Salário Limite de
candidatos
Data
limite
Serralheiro Não 2 Ensino Médio completo Preferencialmente Não divulgado 6 27/05
Masseiro Não 1 Ensino Médio incompleto Sim R$ 1.800,00 3 27/05
Ajudante de obras Não 1 Ensino Fundamental incompleto Não exigida Não divulgado 3 30/05
Assistente de engenharia civil Não 1 Ensino Superior incompleto Sim R$ 1.668,89 3 30/05
Motoboy Não 1 Ensino Médio completo Não exigida Não divulgado 3 30/05
Passador de roupa Não 1 Ensino Fundamental completo Sim Não divulgado 3 31/05
Auxiliar de linha de produção Sim 5 Ensino Médio incompleto Sim R$ 1.554,40 15 06/06
Operador de sala de controle Sim 4 Ensino Médio completo Sim Não divulgado 12 10/06
Pedreiro Não 2 Ensino Fudamental incompleto Sim R$ 2.030,00 6 13/06
Torneiro mecânico Não 1 Ensino Médio completo Preferencialmente R$ 2.018,08 3 15/06
Auxiliar de linha de produção Exclusivo 2 Não exigida Não exigida R$ 1.474,00 6 16/06
Vendedor interno Sim 3 Ensino Médio completo Sim Não divulgado 9 22/06

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Hortolândia recebe carreta do Via Rápida que terá curso de soldagem

Publicado

em

São 60 vagas disponíveis; inscrições podem ser feitas até esta sexta-feira (27/05)

Se você quer recolocar-se no mercado de trabalho ou iniciar em uma nova profissão, fique atento a esta oportunidade! Hortolândia recebe a carreta do programa estadual Via Rápida. A unidade móvel ministrará um curso de soldagem. Os interessados devem fazer inscrição por meio deste link. São 60 vagas disponíveis, sendo 20 para o período matutino, 20 para o período vespertino e 20 para o período noturno. O curso tem carga horária de 100 horas/aula. O prazo de inscrição termina nesta sexta-feira (27/05). O curso ainda oferece bolsa-auxílio de R$ 210,00. A vinda da carreta é uma parceria do governo do Estado com a Prefeitura de Hortolândia

O curso visa capacitar o aluno para a realização de processos de soldagem de peças em aço e ligas metálicas na indústria. De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, o curso está previsto para começar na próxima terça-feira (31/05). A carreta deve chegar à cidade nesta semana e ficará na Unidade Cultural Arlindo Zadi, localizada na rua Graciliano Ramos, 280, Jardim Amanda.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Curso gratuito de Solda Básica em Hortolândia

Publicado

em

solda

Mais oportunidade de qualificação profissional gratuita para os moradores de Hortolândia.

Estão abertas as inscrições para curso de Solda Básica, promovido pelo Via Rápida Emprego, órgão do Governo do Estado em parceria com a Prefeitura.

Além de promover qualificação para o mercado de trabalho, os cursos também contam com uma bolsa-auxílio de R$ 210,00.

As aulas começam no dia 31 de maio, na carreta móvel do programa, que ficará estacionada na Unidade Cultural Arlindo Zadi, localizada na rua Graciliano Ramos, 280, Jd. Amanda.

Os interessados podem se inscrever, até sexta-feira (27/5), no site do programa: www.cursosviarapida.sp.gov.br/cursos/7105/soldagem

Continue Lendo

Populares