Connect with us

Nossa Cidade

Não haverá rodeio de Hortolândia em 2015

Publicado

em

Em entrevista para a Radio Comunicativa FM dia 13 de fevereiro de 2015 o novo Secretário de Cultura, Francisco Raimundo Da Silva, afirmou que “não haverá rodeio em Hortolândia esse ano“, um promotor de justiça fez valer uma lei estadual que proíbe rodeios em áreas urbanas, essa imposição veio depois da fuga dos cavalos e as fatalidades ocorridas na Festa do Peão de 2014 e Hortolândia não tem uma área rural acessível, não sendo possível a realização da Festa de Peão em 2015.

O Rodeio de Hortolândia geralmente era realizado junto com o aniversario da cidade, porem a Prefeitura de Hortolândia articula-se para não deixar a data em branco e já confirmou o Show da cantora gospel Cassiane para o dia 19 de maio de 2015, que deveria ter se apresentado na Marcha para Jesus, em 28 de fevereiro, quando teve o show cancelado devido as fortes chuvas que atingiu Hortolândia na data.

Outras Festas na cidade

A Festa da Mandioca foi, durante muitos anos, um dos principais eventos que aconteciam no mês de agosto em Hortolândia. Além da população hortolandense, o evento recebia apreciadores de diversas cidades da região. Antes de ser cancelada, há aproximadamente nove anos, a Festa estava na 22º edição. O evento era organizado pela comunidade da Paróquia Nossa Senhora Aparecida do Jardim Rosolém e chegou receber cerca de 100 mil pessoas, movimentando R$500 mil e gerando mais de 500 empregos diretos e indiretos. Eram utilizadas mais de 15 toneladas de mandioca para a preparação dos pratos típicos.

Em 2013 uma proposta foi apresentada pelo vereador John Lenon (PT) na qual tinha como objetivo criar uma comissão que cuidaria do retorno das festas tradicionais da cidade, inclusive a Festa da Mandioca e do Milho. A comissão criaria um modelo com normas e requisitos para a realização de pequenas e grandes festas. O grupo também ficaria responsável pelos critérios de segurança e pelas providências necessárias para que não ocorram imprevistos que culminem no cancelamento dos eventos.

A assessoria de imprensa da prefeitura, em contato por e-mail, disse que  “a Comissão Municipal para Coordenação de Grandes Eventos foi criada por meio de decreto, em 28 de janeiro deste ano, com a participação de membros de diversas secretarias municipais, a comissão tem a função de organizar grandes eventos (como a Festa do Migrante, por exemplo), adotando medidas de segurança, de acordo com a legislação e dando condições para que os eventos sejam realizados com sucesso”. Com relação à festa da Mandioca a assessoria relatou que “o evento realizado há alguns anos era uma programação particular, que recebe apoio da Prefeitura…” e que “O retorno da programação é uma decisão dos organizadores”.

A tradicional Festa do Milho, em sua 11º edição, voltou ao calendário em 2014 na cidade. Festa que em 2013 foi cancelada por não cumprir alguns critérios de segurança. Organizada pela Paróquia Nossa Senhora Aparecida do bairro Campos Verdes e apoio da Secretaria Municipal de Cultura de Hortolândia a 11ºFesta do Milho foi realizada nos dias 7, 8, 14 e 15 de junho.

Nossa Cidade

Consulta pública para apresentação de propostas para Conferência da Igualdade Racial é prorrogada até o dia 24

Publicado

em

Interessados devem preencher formulário on-line, que se encontra no Portal da Prefeitura, ou impresso disponível no Departamento de Direitos Humanos

A Prefeitura de Hortolândia prorrogou para segunda-feira (24/01) o prazo para inscrições da consulta popular para apresentação de propostas para a V Conferência Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial. Antes, este prazo se encerraria nesta sexta-feira (21/01). Por conta do aumento do número de casos de influenza e da Covid-19, a comissão organizadora mudou a dinâmica da conferência que passará a ser online, com abertura prevista para a próxima sexta-feira (28/01), a partir das 19h, e poderá ser acompanhado pelo canal da Secretaria da Cultura pelo Youtube.

No sábado (29/01), os trabalhos seguem online, a partir das 9h e para participar é necessário se inscrever no link pela plataforma https://docs.google.com/forms/d/1uLuCBMbQ_uF9wTREkM0gPLOcHxx8j5zW6F7-IycL0SI/edit

De acordo com informações do Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres, Setor de Políticas Públicas de Promoção da Igualdade Racial, os interessados em participar da consulta pública devem preencher formulário on-line que se encontra no Portal da Prefeitura – www.hortolandia.sp.gov.br – ou em formato impresso no Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres, localizado na rua João Blumer, 289, no Remanso Campineiro.

“O prazo foi prorrogado, o que aumenta as chances das pessoas interessadas de participar. Como etapa preparatória à V Conferência Municipal de Promoção da Igualdade Racial (COMPIR), estas propostas visam ampliar a participação popular nas demandas da Promoção de Igualdade Racial”, explicou a gerente do Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres, Cícera Abreu.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Hortolândia destaca combate à intolerância religiosa

Publicado

em

O dia 21 de janeiro significa um marco na luta ao respeito da diversidade religiosa

A Secretaria Municipal de Governo, por meio do Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres, destacará nos dias 28 e 29 de janeiro, durante a 5ª Conferência Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, a discussão sobre o combate à intolerância religiosa.

No dia 28, o evento será transmitido pelo canal do Youtube da Secretaria de Cultura, a partir das 19h. No dia 29, a Conferência será virtual para os credenciados. Para se inscrever basta acessar a plataforma https://docs.google.com/forms/d/1uLuCBMbQ_uF9wTREkM0gPLOcHxx8j5zW6F7-IycL0SI/edit


“Neste ano levaremos a discussão sobre o desenvolvimento de políticas públicas contra à intolerância religiosa durante os trabalhos da Conferência. Por isso é importante que as pessoas se inscrevam e participem deste momento importante e democrático”, destacou o diretor de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres, Fabiano Cavalcante.

DIA NACIONAL

O Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, celebrado em 21 de janeiro, foi instituído no ano de 2007 pela Lei nº 11.635 em homenagem à Mãe Gilda Iyalorixá, que foi vítima de intolerância religiosa em outubro de 1999, quando teve seu templo invadido, depredado e o seu marido agredido por fundamentalistas religiosos. Não superando o trauma dos ataques, veio a falecer em janeiro do ano seguinte, após um infarto.


O dia 21 de janeiro significa um marco na luta ao respeito da diversidade religiosa. Embora o preconceito e a intolerância religiosa sejam considerados crimes no Brasil, as ocorrências aumentaram de forma substancial nos últimos anos. Um levantamento realizado pelo Ministério dos Direitos Humanos mostra que no período de janeiro de 2015 ao primeiro semestre de 2017 houve uma denúncia a cada 15 horas.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura realiza vacinação de 1ª, 2ª e 3ª doses contra a COVID-19, sem agendamento, neste sábado (22/01)

Publicado

em

A vacinação acontecerá, das 8h às 15h30, na UBS Santa Clara 

Você quer que sua família, parentes e amigos fiquem protegidos contra a COVID-19 e as novas variantes do Coronavírus que estão surgindo? Então, seja uma pessoa responsável e complete sua imunização. A Prefeitura de Hortolândia realiza vacinação de 1ª, 2ª e 3ª doses, neste sábado (22/01), das 8h às 15h30, na UBS (Unidade Básica de Saúde) Santa Clara, localizada na avenida dos Estudantes, 415. Quem for receber a 3ª dose não precisará fazer agendamento neste sábado. Em cada sábado deste mês a Prefeitura fará a vacinação em uma região diferente da cidade.

INTERVALO

A Secretaria de Saúde salienta que o intervalo da 1ª para a 2ª dose para quem recebeu a Coronavac é de 28 dias. Quem recebeu a AstraZeneca, o intervalo é de 8 semanas. Já para quem foi imunizado com a Pfizer, o intervalo da 1ª para a 2ª dose é de 21 dias para adultos e de 8 semanas para adolescentes. Para quem recebeu a 1ª dose da Janssen, o intervalo para a 2ª dose é de 2 meses. Já o intervalo da 2ª para 3ª dose é de 4 meses. Quem é imunossuprimido, o intervalo da 2ª para a 3ª dose é de 28 dias.

Quem for receber a 1ª dose tem que apresentar Carteira de Identidade (RG) ou algum documento com foto, CPF (Cadastro de Pessoa Física) e comprovante de endereço.

Já para quem for receber a 2ª ou a 3ª doses, é necessário levar o comprovante de vacinação, Carteira de Identidade (RG) ou algum outro documento com foto e CPF. Os adolescentes podem receber a 2ª dose desacompanhados de pai, mãe ou responsável.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Noticias

Amazon

Populares