Guardas Municipais de Hortolândia acabam de passar por capacitação sobre o uso de equipamentos não letais, tais como Dispositivo Elétrico Incapacitante, Espargidor de Pimenta e Munições de Borracha. O efetivo receberá, em breve, equipamentos assim para uso em trabalho, como determina a Legislação Federal, quanto ao uso Progressivo da Força. 

A capacitação foi ministrada entre os dias 22 e 26 de fevereiro, pelo GM instrutor Devanil Alves, na própria sede da corporação, no Parque Odimar, tanto em sala de aula quanto na quadra externa. Medidas de prevenção contra a COVID-19 foram adotadas durante a capacitação.

De acordo com a Secretaria de Segurança, a ação é importante, pois segue as diretrizes dos direitos humanos. “São equipamentos desenvolvidos para incapacitação temporária dos agressores, diminuindo a utilização de armas de fogo, preservando a vida de modo geral. Os agentes de segurança necessitam desses equipamentos como uma opção para evitar, ao máximo, o uso de armas de fogo. Em algumas situações de tumulto e distúrbio civil ou que ofereçam risco à vida de pessoas e do próprio agente, os guardas terão à sua disposição equipamentos de última geração, que preservam a vida tanto do agressor como de pessoas inocentes”, afirma a comandante da GM, Michele Mabene Cardena.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia