Connect with us

Nossa Cidade

Fiscalização no sistema de coleta e tratamento de esgoto evitam descarte irregular em Hortolândia

Publicado

em

Ações foram realizadas, durante toda a semana, em oito bairros 

Durante toda a semana, as equipes da Prefeitura de Hortolândia em parceria com a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), realizaram diversas ações para garantir o correto funcionamento das redes de esgoto e águas pluviais em diferentes regiões da cidade. A manutenção foi intensificada na avenida da Emancipação, em frente a empresa farmacêutica EMS, e no Jardim Campos Verdes. No Jardim Terras de Santo Antonio, uma residência realizava o descarte irregular de dejetos domésticos e recebeu notificação. No mesmo bairro, bocas de lobo foram consertadas. Já a desobstrução das redes aconteceu nos jardins Amanda, Boa Esperança e Vila São Pedro.

“A orientação para evitar o descarte irregular nas redes de águas pluviais também é importante. Nesta semana, o trabalho foi realizado no Jardim Adelaide e na Vila Real. Esta contribuição dos moradores ajuda a cidade a ser referência na coleta e tratamento do esgoto, protegendo o meio ambiente. São pequenas ações, que juntas, transformam a vida de todos para melhor””, explica o secretário adjunto de Serviços Urbanos, Marcos Panício, o Mercadão.

FISCALIZAÇÃO

De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, por semana, as equipes fiscalizadoras encontram de 15 a 20 ligações irregulares em diferentes regiões de Hortolândia. “Esta ação, além de prejudicar o meio ambiente, causa transtornos ao próprio morador que realizou esta ligação irregular. Descartar materiais na rua, além de crime ambiental, também obstrui as redes de águas pluviais causando uma série de problemas. O ciclo de contribuição precisa ser realizado por todos para o correto funcionamento do sistema e a preservação do meio ambiente”, explica o agente de fiscalização da Secretaria de Serviços Urbanos, Claudimir de Oliveira. 

RUMO À UNIVERSALIZAÇÃO

Atualmente, Hortolândia conta com 99% de esgoto coletado, sendo que 100% é tratado. O descarte irregular de esgoto está sujeito a multa. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental podem enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde. Para baixar o aplicativo, basta fazer o download gratuito nas plataformas Google Play ou App Store do seu smartphone. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Taekwondô de Hortolândia disputa campeonato estadual neste final de semana

Publicado

em

Equipe do projeto Escolinhas Esportivas compete em São Paulo no sábado (28/05) e domingo (29/05)

O taekwondô do Projeto Escolinhas Esportivas da Prefeitura de Hortolândia terá uma série de desafios pela frente, a partir deste sábado (28/05). Com oito representantes, a equipe disputa, neste final de semana, a etapa final do Campeonato Paulista da modalidade em São Paulo. A competição, oficial da Federação Paulista de Taekwondô garante vagas no Super Campeonato Brasileiro. Hortolândia entra na disputa com os atletas Enzo Paludo da Conceição, que conquistou o Estadual oito vezes, e João Paulo Chaves com as vagas garantidas para o Nacional.  

“Já temos dois atletas classificados para o Super Campeonato Brasileiro, que acontece no mês que vem, em Santa Catarina, mas toda a equipe tem condições de também se classificar para o torneio. Nossos atletas estão dedicados e continuam os treinamentos para garantir o nome de Hortolândia em todas as competições”, comenta o treinador da equipe e professor do projeto Escolinhas Esportivas da Prefeitura, Anderson Conceição.

O Super Campeonato Brasileiro de Taekwondô será  entre os dias 22 e 26 de junho em São José, Santa Catarina. Já no início do mês de julho, Enzo Paludo da Conceição representa Hortolândia e o Brasil no Campeonato Panamericano, que acontece na Costa Rica, onde a disputa é contra atletas de todo o Continente Americano e, em agosto, o Campeonato Mundial da categoria na Bulgária, enfrentando competidores do mundo. 

“Continuamos a renovação do esporte em Hortolândia, intensificando as estruturas disponíveis para nossos atletas que levaram, cada vez mais, o nome de nossa cidade por todo o mundo. O esporte em alto rendimento é importante e salientamos também que a oportunidade para a prática esportiva, não apenas de alto rendimento, continua disponível em diversos espaços esportivos por todas as regiões do município”, explica o secretário de Esportes, Gléguer Zorzin.

Praticar esporte gratuitamente é tendência em Hortolândia

Para treinar artes marciais, de maneira gratuita, pelo Projeto Escolinhas Esportivas da Prefeitura, o interessado pode ir até o Centro de Lutas da Vila Real (ver telefone e endereço abaixo) ou obter informações sobre estas e outras modalidades e espaços disponíveis pelo telefones (19) 39651400, nos ramais 7409 e 7421, da Secretaria de Esportes da Prefeitura. O atendimento é realizado de segunda à sexta-feira das 8h às 17h. 

SERVIÇO

Centro de Lutas “Eliel Gomes” 

Endereço: Rua Brigadeiro Faria Lima, 400, Vila Real. 

Telefone: (19) 3897-2070  

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Dia do Desafio mobiliza cerca de 28 mil pessoas em Hortolândia

Publicado

em

Data é marcada em todo o mundo pelo incentivo às atividades físicas

A 28ª edição do Dia do Desafio, na quarta-feira (25/05) movimentou a população de diversas cidades de todo o mundo com o tema “Ocupar Espaços e Reunir Pessoas”. Em Hortolândia não podia ser diferente e, de acordo com a Secretaria de Esportes da Prefeitura, quase 28 mil pessoas, de todas as idades, participaram da tradicional ação, retomada de maneira presencial após dois anos de interrupção por conta da pandemia do Coronavírus. O objetivo é incentivar a prática esportiva. Neste ano, o Dia do Desafio não teve a competição amistosa entre as cidades, sendo que a intenção foi mobilizar o público em torno do combate ao sedentarismo. Em Hortolândia, as atividades aconteceram em ambientes externos e espaços internos.

A parceria entre as secretarias de Esportes e de Educação Ciência e Tecnologia promoveu a participação de escolas municipais, particulares, além de matriculados dos projetos Escola de Esportes e Escolinhas Esportivas da Administração Municipal. Também participaram alunos de academias particulares, clubes, órgãos estaduais e demais utilizadores de diversos espaços esportivos.  “Estou feliz com o empenho e dedicação dos servidores municipais nas mais de 90 atividades propostas e distribuídas por toda a cidade. Esporte é vida, saúde e inclusão social. Continuaremos as ações de incentivo à prática esportiva na cidade”, comenta o secretário de Esportes, Gléguer Zorzin.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Usuários de serviços de assistência da Prefeitura participam de recrutamento para recolocação profissional

Publicado

em

Ação, em parceria com empresa de telemarketing, visa oferecer oportunidade a moradores de Hortolândia atendidos pelo SUAS (Sistema Único de Assistência social)

Moradores de Hortolândia, atendidos pelo SUAS (Sistema Único de Assistência Social), via Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social, participam, nos meses de maio e junho, de recrutamento promovido pela empresa de telemarketing Movida, sediada em Campinas. A ação, que conta com o apoio da Prefeitura, visa auxiliar famílias residentes nos territórios de ação dos CRASs (Centros de Referência de Assistência Social) no tocante à (re)inserção no mercado de trabalho.

A primeira ação de recrutamento aconteceu no CRAS Jd. Amanda, no último dia 18. Dos 35 usuários que agendaram entrevista, 12 foram contratados. Nesta quinta-feira (26/05), o processo seletivo foi no CRAS Jd. Primavera, com 11 participantes. O próximo será nesta quarta-feira, a partir das 10h, no CCS (Centro de Convivência Social) Jd. Brasil. Em breve também serão atendidos os usuários do CRAS Novo Ângulo e Jd. Santa Clara.

Segundo a coordenadora do CRAS Jd. Amanda, Eliane Silva, a ideia da ação foi sugerida por técnicos da Secretaria de Inclusão Social, após atendimento aos usuários. 

“Durante reunião no final do mês, os assistentes sociais e psicólogos que atendem à população no CRAS trazem os indicadores e as demandas surgidas nos atendimentos. As maiores são solicitações de emprego. As pessoas recebem cesta básica, mas dizem: ‘Eu preciso trabalhar!’ Então fizemos o contato com esta empresa de telemarketing, porque é papel do coordenador fazer esta articulação a partir do que os técnicos trazem e das demandas da população do território. Entendendo que temos uma população que está vulnerável, que busca cesta básica e está sem emprego, percebemos que ela não terá dinheiro para se deslocar até o centro de Campinas ou de Hortolândia para buscar esse emprego. Então fizemos o contato com a empresa, que fez o processo seletivo dentro do CRAS”, explica a coordenadora.

Para o secretário de Inclusão e Desenvolvimento Social, Francisco Raimundo da Silva, trata-se de “uma ação inovadora e coerente com a política de Assistência social, à medida que cria oportunidades e perspectiva de uma vida melhor. Um olhar acolhedor e emancipatório”, afirma o gestor.

Confira o perfil da vaga de operador de telemarketing (ativo de vendas) e os requisitos para participar do nosso processo:

-Ter no Mínimo 18 anos

– Ensino Médio Completo ou Cursando

-Conhecimento Básico de Informática

– Possuir Título de Eleitor

-Reservista (para candidatos do sexo masculino)

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Populares