Connect with us

Nossa Cidade

Em Hortolândia, casos positivos de Dengue dobraram na última semana

Publicado

em

Faz quanto tempo que você não limpa sua caixa d’água? As calhas do telhado da sua casa estão desobstruídas? E a vasilha dos animais segue em ordem? Se a sua casa está livre de água parada, converse com seu vizinho e leve este alerta para ele: na última semana, os casos de Dengue mais que dobraram em Hortolândia. No último dia dia 03 de março, a Secretaria de Saúde contabilizou 35 notificações positivas. Nesta terça-feira (10/03), já são 86 casos confirmados. Isso indica que ainda existem na cidade muitos criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como a Dengue, Chikungunya e Zika, espalhados na cidade.

A situação é preocupante, principalmente neste momento em que as atenções estão voltadas para a nova doença causada pelo Coronavírus. “Muitas pessoas estão atentas aos noticiários internacionais, acompanhando o crescente número de infectados pelo Coronavírus em países distantes, mas sem se darem conta do avanço da Dengue aqui mesmo na nossa cidade. Às vezes, no nosso quintal”, destaca o diretor do Departamento de Vigilância em Saúde da Prefeitura, Antônio Roberto Stivalli. De acordo com o Boletim Epidemiológico mais recente do Ministério da Saúde, publicado na quarta-feira (04/03), o Brasil registra, neste ano, 32 óbitos por Dengue; outras 155 mortes são investigadas.

“Em 2019, Hortolândia teve duas mortes pela doença. Neste ano, a Dengue já avança e, apesar as ações constantes do município para eliminação de criadouros, vemos casos em todas as regiões da cidade”, comentou Stivalli.

Neste sábado (14/03), moradores do Jardim Novo Ângulo, Chácaras Reymar e Jardim Nova América receberão a visita de agentes da UVZ (Unidade de Vigilância e Zoonoses). Os profissionais conversarão com os moradores sobre as medidas necessárias para evitar a proliferação do Aedes. “É preciso que a população seja parceira do município, permitindo o trabalho dos agentes, que estarão uniformizados e identificados. Além disso, contamos com a colaboração dos moradores para que, no dia a dia, tenham a prática de vistoriar casas e quintais em busca de criadouros, que devem ser eliminados”, destacou o diretor de Saúde Coletiva.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o ciclo de vida do Aedes aegypti, do ovo até a fase adulta, leva de 7 a 10 dias. Se a verificação dos criadouros for realizada uma vez por semana, é possível interromper o ciclo e evitar o nascimento de novos mosquitos. A Prefeitura tem material informativo da campanha “10 minutos contra o mosquito” disponível no link http://www2.hortolandia.sp.gov.br/images/banners/Panfleto.pdf. A campanha explica como é possível, em apenas 10 minutos por semana, acabar com o ciclo de procriação do Aedes.

Confira as dicas:

•Mantenha bem tampados tonéis, barris e caixas d’água.

•Encha os pratinhos de vasos de plantas com areia até a borda.

•Troque a água dos vasos de plantas aquáticas e bebedouros de animais, lave-os com escova, água e sabão uma vez por semana.

•Pneus devem ser guardados em locais cobertos.

•Lonas usadas para cobrir objetos ou entulhos devem ser bem esticadas para evitar poças de água.

•Garrafas devem ficar com a boca virada para baixo.

•Proteger os ralos com tela e verificar se estão limpos.

•Faça sempre a manutenção de piscinas ou fontes utilizando os produtos químicos apropriados.

•Remova folhas, galhos e tudo que possa impedir a água de correr pelas calhas.

•Plantas do tipo suculentas também podem acumular água. A orientação é virar a planta para retirar a água.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Ponte da Esperança, em Hortolândia, muda novamente de cor para apoiar o “Agosto Lilás”

Publicado

em

Prefeitura chama atenção para a campanha de conscientização pelo fim da violência contra a mulher

A Ponte da Esperança, em Hortolândia, exibe nova cor, desde a noite desta segunda-feira (08/08). Agora, a iluminação especial faz alusão à campanha “Agosto Lilás”, de conscientização pelo fim da violência contra a mulher. A cada mês, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica, projeta diferentes cores na estrutura a fim de sensibilizar e conscientizar a população acerca de temas importantes para a sociedade, com repercussão nacional ou internacional.

O “Agosto Lilás” é tema de programação especial, realizada pela Prefeitura, envolvendo várias secretarias. A primeira ação foi a palestra “É violência e você nem sabia”, no dia 01/08, no CCS (Centro de Convivência Social) do Jardim Brasil. O evento de abertura buscou debater soluções e trazer visibilidade ao tema, buscando ampliar os conhecimentos sobre os dispositivos legais existentes no auxílio à mulher em situação de violência doméstica. De acordo com a Secretaria de Governo, a escolha do mês de agosto para promover a campanha tem relação com a data de sanção da Lei Maria da Penha, que completou 16 anos no último domingo (07/08). 

Em Hortolândia, situações de violência doméstica podem ser denunciadas ao CRAM (Centro de Referência e Atendimento à Mulher) pelos telefones (19) 3819-6298 e (19) 97171-5655. Balanço divulgado pela entidade, recentemente, mostra que, em 2022, foram registrados 324 atendimentos no primeiro semestre, um aumento de 13,28% em relação ao mesmo período de 2021, quando foram anotadas 286 denúncias.

Confira as atividades agendadas para o “Agosto Lilás”, em Hortolândia:

Blitz no Semáforo – entrega de material informativo (11/08)

Entrega de material informativo no comércio/ 2ª Roda de Conversa “Saúde Mental”, no Ponto de Cultura Caminhos (18/08)

Entrega de material informativo – locais a definir (25/08)

Fonte: Prefeitura

Continue Lendo

Nossa Cidade

Estão abertas inscrições para oficina on-line de animação e criação de personagens do Pontos MIS

Publicado

em

Atividade acontecerá nos dias 16, 18 e 19 deste mês

Se você sabe desenhar, que tal transformar seus desenhos numa história de animação? Você aprenderá a fazer isso na oficina on-line sobre animação e criação de personagens, promovida pelo programa estadual Pontos MIS (Museu da Imagem e do Som) em parceria com a Prefeitura de Hortolândia.

A oficina está com inscrições abertas por meio deste LINK. Podem se inscrever pessoas com idade a partir de 15 anos. A oficina será nos dias 16, 18 e 19 deste mês, das 19h às 21h. 

A oficina mostrará as etapas e as técnicas para realizar uma animação e como criar personagens. Serão ministrados exercícios práticos e simples. Para melhor entendimento dos aprendizes, o conteúdo da oficina será ilustrado com vídeos e apresentação de exemplos, decupagem, softwares e artes relacionadas à realização de um filme animado. O objetivo é propiciar ao aprendiz conhecimentos gerais sobre a criação de personagens e a produção de um filme em animação.

Para participar da oficina, são necessários os seguintes materiais: papel, régua de 30 centímetros, lápis e borracha.

A oficina será ministrada pelo desenhista Douglas Ferreira. O profissional iniciou sua carreira na adolescência, trabalhando na área de quadrinhos e como assistente de animação na empresa Disney Television, em séries como “Aladdin”, “Goofy Troop” e “New Bonkers”. Ainda na área de animação, atuou em vários filmes, entre os quais “Space Jam – Um novo legado”, “Asterix e os vikings”, “Uma história de amor e fúria” e a produção espanhola “Chico e Rita”, indicada ao Oscar de melhor animação, em 2012. Também já realizou os curtas metragens: “Anantara”, “Sonhos”, “A fuga” (foto), “O menino que sabia voar” e “O vampiro”. Atualmente, trabalha como diretor geral de animação e professor.

Fonte: Prefeitura

Continue Lendo

Nossa Cidade

Palestra on-line sobre compras públicas para empreendedores ainda está com inscrições abertas

Publicado

em

Atividade será realizada no dia 17 deste mês, às 19h

Empreendedores que têm micros ou pequenas empresas também têm a possibilidade de realizar vendas para o poder público. Para quem quer saber como atuar nessa área, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), o Portal de Compras Públicas e a Prefeitura de Hortolândia promovem a palestra on-line “Como vender para o poder público”. As inscrições devem ser feitas por meio deste LINK.

Para se inscrever, é necessário informar o CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) da empresa. A palestra será ao vivo, no dia 17 deste mês, às 19hs. Os participantes receberão certificado.

De acordo com uma pesquisa do Sebrae, entre 2018 e 2021, as contratações de bens e serviços realizadas por órgãos públicos federais, estaduais e municipais movimentaram cerca de R$ 494 bilhões no Brasil. Desse total, R$ 129,4 bilhões (26%) correspondem aos pequenos negócios.

A palestra mostrará como funciona o processo de compras feitas pelo poder público e conhecerão benefícios que a lei oferece para MEIs (micro empreendedores individuais), MEs (micro empresas) e EPPs (empresas de pequeno porte).

Os empreendedores também aprenderão como participar de licitações e pregões. Outro assunto importante que será abordado são as mudanças na nova lei federal de licitações (Lei Nº 14.133), promulgada em abril de 2021, que deverá ser obrigatoriamente aplicada nos municípios até abril de 2023.

Fonte: Prefeitura

Continue Lendo

Populares