16 de julho de 2024
Nossa Cidade

DNIT promete agilizar análise para liberação de verba de viaduto na Vila Real

Prefeito recebeu superintendente do DNIT, nesta quarta-feira (31/07), para vistoria na passagem em nível

DNIT

O prefeito Antonio Meira recebeu, na tarde desta quarta-feira (31/07), o superintendente do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), Ricardo Rossi Madalena, para uma vistoria à passagem em nível da Vila Real. Em abril, Hortolândia protocolou pedido de R$ 30 milhões ao órgão, para a construção de um viaduto sobre a linha férrea. O superintendente se comprometeu em agilizar a análise do projeto, com a possibilidade de anunciar a aprovação do investimento ainda neste ano. Caso isso se confirme, a Prefeitura irá licitar a obra já no início de 2014. Também participaram do encontro o secretário de Obras, Ronaldo Alves dos Reis, e o deputado federal Paulo Freire (PR).

O secretário de Obras afirmou que Madalena observou que há a necessidade de construção imediata de um viaduto, melhorando o tráfego de veículos no trecho e prevenindo acidentes entre veículos e trens. Apesar de as passagens de nível serem ponto de parada obrigatória para veículos, de acordo com o CTB (Código de Trânsito Brasileiro), há motoristas que se arriscam atravessando os trilhos sem a devida atenção.

“O representante do DNIT vistoriou a passagem em nível e percebeu o risco que os motoristas correm. Ele se comprometeu com o prefeito em viabilizar o mais breve possível a análise no nosso projeto de construção de viaduto”, comentou Reis. Madalena aproveitou a passagem por Hortolândia para visitar outras obras em destaque, como a praça do Jardim São Sebastião, a rotatória do São Vicente e a Ponte Estaiada.

ALL apoia Prefeitura na busca por recursos

A ALL (América Latina Logística), concessionária responsável pela malha viária que corta a cidade, é parceira da Administração Municipal na busca por recursos para a obra de construção do viaduto na região central. O apoio virá como contrapartida à duplicação da ferrovia, ação prevista para ocorrer no próximo ano. Isso porque, apesar da duplicação da malha ferroviária ser uma ação positiva do ponto de vista econômico, a obra vai triplicar a quantidade de vagões que passam pela cidade.

“O viaduto é uma obra de extrema importância para a mobilidade urbana e para a segurança. Sabemos que a duplicação da ferrovia vai alavancar a economia amplamente, mas é imprescindível que esta ação venha acompanhada de compensações para que os locais onde há passagens em nível não sofram com o aumento do fluxo de vagões”, enfatizou Meira.

De acordo com a Secretaria de Obras, passam diariamente pelo trecho de ferrovia em Hortolândia 700 vagões. Com a duplicação, serão mais de dois mil vagões por dia. “Com fluxo diário de mais de dois mil veículos atravessando a passagem em nível da Vila Real, após a duplicação da ferrovia, o tráfego pelo local vai ser inviável devido ao grande volume de carros e de composições férreas”, enfatizou o secretário de Obras. “Por isso, a liberação de recursos para construção de um viaduto neste trecho é de interesse tanto do município quanto da ALL”, completou Reis.

Mais Projetos

O projeto de obras para o viaduto também foi protocolado pela Prefeitura no Ministério Público de Campinas. O objetivo da Administração Municipal é apresentar à Promotoria as ações adotadas pelo município para evitar acidentes de trânsito nas passagens em nível da cidade. Além da busca por recursos para a construção do viaduto na Vila Real, a Prefeitura de Hortolândia também realiza ações em outras travessias de linha férrea.

O objetivo é eliminar todos os conflitos urbanos com a ferrovia, por meio da construção de viadutos e passarelas sobre os trilhos. Com isso, a Prefeitura melhora as condições viárias da cidade e garante a segurança de motoristas e pedestres.

Está em licitação a construção de um viaduto no Parque dos Pinheiros. A nova via ligará a rua Flamboyant, em frente à delegacia, ao Jardim Santa Luzia, passando sobre a linha férrea. A Administração Municipal também desenvolve projeto para construção de uma passarela para pedestres no trecho atrás do Shopping Hortolândia, na região central.

Fonte: Assessoria de Comunicação / Prefeitura de Hortolândia

Para mais notícias, eventos e empregos, siga-nos no Google News (clique aqui) e fique informado

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98