Nossa Cidade

Defesa Civil de Hortolândia ensina como enfrentar onda de calor

Onda de calor afeta o Estado de São Paulo, altas temperaturas e abaixou a umidade relativa do ar em diversas regiões. Hortolândia também foi afetada. Por isso, a Prefeitura, por meio da Defesa Civil, realiza uma série de recomendações para preservar a saúde da população.

Segundo a Defesa Civil, a umidade do ar é mais baixa, principalmente, no final do Inverno e início da Primavera, período em que estamos. O pico da baixa umidade do ar acontece no período da tarde, entre 12h e 16h.

“Com a última medição da umidade relativa do ar apontando 24,8%, às 13h20 desta quarta-feira (11/09), o clima fica seco e entramos em estado de atenção. A concentração da poluição ajuda a aumentar os casos de gripe, viroses, doenças respiratórias e alergias. Outros sintomas frequentes são dores de cabeça, tonturas, náuseas e irritação nos olhos, nariz e garganta. Por isso, a população deve seguir as recomendações da Defesa Civil para ser menos afetada”, explica o gerente da Defesa Civil de Hortolândia, Iluíde Carbonero.  

Para minimizar os efeitos do tempo seco, está em andamento a Operação Estiagem que começou no dia 1º de Maio e termina no dia 31 de setembro. De acordo com a Defesa Civil, o objetivo da ação é monitorar as queimadas que acontecem em diversos pontos da cidade e alertar a população sobre os impactos que a baixa umidade do ar causa no cotidiano das pessoas. 

QUEIMADAS

A Defesa Civil de Hortolândia alerta a população para não  descartar materiais sem serventia em áreas verdes e espaços públicos. Além de ser crime ambiental, o descarte irregular destes materiais contribui com o surgimento de queimadas que piora consideravelmente a qualidade do ar.

Confira algumas dicas para evitar problemas de saúde durante a estiagem:

* Beba muita água

* Aumente o consumo frutas e vegetais na alimentação

* Mantenha o ambiente umidificado com equipamentos, toalhas úmidas ou bacias com água distribuídas pelos cômodos. (Não deixe água parada por muito tempo em casa, para evitar que o local se torne um criadouro de insetos transmissores de doenças, como o mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue. O ideal é trocar a água de baldes e bacias, diariamente)

* Limpe a casa com pano úmido

* Mantenha portas e janelas abertas, para melhorar a circulação do ar no ambiente

* Higienize os olhos com algodão úmido para evitar irritações, conjuntivites e outros problemas oculares

* Evite fazer exercícios físicos ao ar livre, entre 11h e 17h

* Evite objetos que acumulam poeira, como tapetes, cortinas e bichos de pelúcia

* Evite o ar condicionado, pois o equipamento resseca ainda mais o ar

* Nunca fume em ambientes fechados

Para mais notícias, eventos e empregos, siga-nos no Google News (clique aqui) e fique informado

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98