O prefeito de Monte Mor, Edivaldo Brischi (PTB), cumpriu mais um compromisso assumido durante sua campanha eleitoral, com a entrega nesta sexta-feira, dia 21, de duas novas ambulâncias para o município. São dois veículos, modelo Renault Master 2019, com estrutura pronta para UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Móvel, que irão reforçar a frota da Saúde. Eles foram entregues na frente do Paço Municipal e foram destinados ao GARE (Grupamento de Apoio de Resgate e Emergência), sendo um para cada uma das bases, a do Centro e a da futura UPA (Unidade de Pronto Atendimento), no Jardim Paulista.  

Segundo o prefeito as ambulâncias irão possibilitar uma melhoria nas condições de transporte dos pacientes montemorenses, principalmente, neste momento tão difícil, perante ao cenário da pandemia da COVID-19 e do novo aumento no número de casos de internação na cidade, na região e em todo o país. 

Na ocasião da entrega dos novos veículos para a Saúde, estiveram presentes o vice-prefeito, Ronaldo Ruim (Solidariedade); o presidente da Câmara Municipal, Alexandre Pinheiro (PTB), e as vereadoras, Andréa Garcia (PTB) e Milziane Menezes (PSDB). Também participaram,  secretários e diretores de diversas pastas do governo do prefeito Edivaldo Brischi e os servidores da saúde, que atuarão diretamente na prestação de serviço com os novos veículos, sob o comando do coordenador Dalton Luiz Steffen. 

De acordo com o secretário de Saúde, Silvio Corsini, o contrato de aluguel dos veículos foi feito por meio do CISMETRO (Consórcio Intermunicipal de Saúde da Região Metropolitana de Campinas). “As duas ambulâncias são praticamente zero quilômetros e estão totalmente equipadas, com maca, prancha, cadeira de rodas, cone sinalizador e cilindro de oxigênio. Além disso, os veículos contam com estrutura pronta para instalação de equipamentos de UTI, como ventilador mecânico e bomba de infusão”, detalhou Corsini. 

Em relação à frota anterior o secretário de Saúde comentou que era composta por três ambulâncias próprias do município. “Com a chegada das duas novas ambulâncias, já vamos tirar um veículo próprio da municipalidade e enviar imediatamente para reparos na oficina municipal. Os outros dois estão em condições de uso, mas não são novos”, explicou.  

Segundo o secretário de Saúde, Silvio Corsini, as vantagens da frota alugada são que a manutenção é feita pela empresa proprietária das ambulâncias, sem custo para o município. “Além disso, quando um veículo quebra ele é substituído de pronto por outro, sem reduzir o número de viaturas em operação”, enfatizou.