No pós-pandemia, o cicloturismo passou a ser uma forma de combater o estresse, manter a forma, conhecer lugares, respirar ar puro e aproveitar dias de descanso longe das aglomerações.

Quem passa na avenida Santana aos domingos pela manhã já deve ter notado a presença de centenas de ciclistas próximo ao IASP. A movimentação é intensa, a cada meia hora grupos de ciclistas se deslocam para região do bairro rural do Taquara Branca, onde de lá iniciam o roteiro pelos mais diferentes caminhos.

Tem percursos para todos gostos, existem aqueles de menor distância (30km) indicado para ciclistas iniciantes; os de nível intermediário que vai até 55km e os famosos longões que vão de 80km a 100km, indicados para ciclistas mais experientes.

O chamado cicloturismo tem atraído até famosos. No início de junho, o jogador Fred foi de Belo Horizonte (MG) ao Rio de Janeiro (RJ) pedalando, durante cinco dias, passando pelas belas paisagens da Estrada Real, destino famoso entre os cicloturistas.

Algumas dicas de roteiros para curtir o pedal na nossa região

Com a ajuda de ciclistas experientes, selecionamos trajetos próximos à Hortolândia, ideais para sua estreia como cicloturista.

1- Trilha do Bananal – Com saída do IASP o percurso tem por volta de 25km e finaliza no Horto florestal em Sumaré, passando pelo bairro Rural do Taquara Branca, subida da macumba e pela simpática vila rural do Assentamento II.

2- Ponto da Coxinha – Partindo do IASP o percurso segue pelo bairro Rural do Taquara Branca, subida da macumba, passando pela subestação da CPFL, estrada do Cruzeiro até a vila Chácara Cruzeiro do sul (via láctea), o percurso tem em média 30 km.

3- Sapezeiro – Percurso considerado de longa distância passando por canaviais, com parada obrigatória no rancho da linguiça no bairro de Santo Antônio do Sapezeiro em SBO, finalizando em uma cachoeira, percurso indicado para ciclistas experientes, 80km.

4- Bike Hotel – O Bike Hotel é o point dos ciclistas de Americana, trata-se de um hotel exclusivo para bike, que também conta com serviços de manutenção e lanchonete, para chegar no bike hotel o ciclista tem que atravessar grandes plantações de cana, girassol, sorgo e mandioca, o percurso tem em media 60km.

5- Rancho da Leitoa – Roteiro famoso durante a temporada dos Girassóis, curiosos de toda região vão ate o local para fazer fotos, estes percursos têm em média 30km e dá acesso à avenida Rebouças em Sumaré.

6- Fazenda Abandonada – O cenário parece cena de filme, uma fazenda glamurosa em ruinas, um lugar especial para fazer lindas fotos, considerado um percurso de longa distancia a fazenda está localizada na estrada rural que do acesso a Elias Fausto.

7- Escolinha da Larissa – Imagine uma escola no meio do nada, é esse o cenário. A escolinha atende as crianças da área rural, está localizada em meio a um canavial que dá acesso ao centro de monte mor, o local é parada obrigatória para o ciclista se hidratar.