Connect with us

Cursos

Fatecs abrem inscrições para ensino superior gratuito

Publicado

em

O processo seletivo das Faculdades de Tecnologia do Estado (Fatecs) está com inscrições abertas a partir desta quarta-feira (25) até 15 de dezembro, exclusivamente pelo site vestibularfatec.com.br – no último dia, o prazo vai até 15 horas. O valor da taxa de inscrição é de R$ 39. O Vestibular para o primeiro semestre de 2021 será por análise de histórico escolar, sem prova presencial ou online.

A mudança do critério de seleção se fez necessária para atender ao distanciamento social, recomendado pelo Governo do Estado de São Paulo e autoridades sanitárias, visando preservar a saúde dos candidatos, e observando as notas atribuídas aos estudantes antes da pandemia. A previsão é de que as aulas comecem de forma remota (online).

Serão avaliadas as notas de Língua Portuguesa e Matemática da segunda série do Ensino Médio. Candidatos que estão cursando o Ensino Médio por meio da Educação de Jovens e Adultos (EJA) ou modalidade semelhante podem apresentar notas referentes ao segundo termo deste ciclo, desde que no ato da matrícula comprovem a conclusão do Ensino Médio.

O Vestibular das Fatecs oferece um total de 17.960 vagas, distribuídas entre os 84 cursos superiores tecnológicos gratuitos, em todas as regiões do Estado – aumento superior a 15% em relação ao primeiro semestre de 2020 (15.565 vagas).

Cursos inéditos

As Fatecs passam a oferecer:

Big Data para Negócios, na Fatec Ipiranga, localizada a zona sul da Capital – 40 vagas no período da manhã;

Desenvolvimento de Software Multiplataforma será ministrado nas unidades localizadas em Araras (40 vagas, noite), Capital (Fatec Zona Leste – 40 vagas, manhã), Franca (40 vagas, noite), Osasco (40 vagas, noite) e São José dos Campos (40 vagas, manhã).

Outras novidades

O curso de Gestão Empresarial, na modalidade Educação a Distância, volta a ser oferecido em 47 polos de aprendizagem – são 1.880 vagas no total.

Três Fatecs vão implantar turmas de cursos oferecidos em outras unidades:
– Fatec Assis – Gestão da Tecnologia da Informação (40 vagas, noite);
– Fatec Cotia – Ciência de Dados (40 vagas, noite);
– Fatec Sertãozinho – Gestão da Produção Industrial (40 vagas, manhã).

Inscrições

O candidato que quiser disputar uma vaga no Vestibular precisa ter terminado ou estar cursando o Ensino Médio ou equivalente, desde que no ato da matrícula comprove a conclusão do curso. Para se inscrever é necessário preencher a ficha de inscrição e o questionário socioeconômico, imprimir o boleto e pagar a taxa de R$ 39. O valor deve ser pago até 15 de dezembro, em dinheiro, em qualquer agência bancária, mediante a apresentação do boleto impresso no momento da inscrição eletrônica, ou pagar, via internet, no banco do candidato ou ainda pela ferramenta Getnet (pagamento com cartão de crédito) disponível no site vestibularfatec.com.br.

É necessário também cadastrar o CPF para acessar o sistema e fazer upload legível do histórico escolar (frente e verso) ou declaração de conclusão do Ensino Médio, assinada por agente escolar da escola de origem, contendo as notas finais de Português e Matemática ou equivalentes da segunda série do Ensino Médio. Candidatos que concluíram o Ensino Médio na rede de escolas estaduais de São Paulo podem inserir o Boletim Escolar Digital, disponível no site da Secretaria Estadual de Educação. Estudantes das Etecs do Centro Paula Souza (CPS) podem utilizar o boletim online emitido no Novo Sistema Acadêmico (NSA) ou no Sistema Integrado de Gestão Acadêmica (Siga).

O candidato que concluiu o Ensino Médio por meio da EJA ou afins, deve fazer o upload do histórico escolar (frente e verso) ou declaração de conclusão do Ensino Médio, assinada por agente escolar da escola de origem, contendo as notas finais de Português e Matemática ou equivalentes da segunda série do Ensino Médio.

Quem ainda estiver concluindo o Ensino Médio regular, EJA ou modalidades semelhantes precisa inserir declaração assinada por agente escolar da escola de origem contendo as notas finais de Português e Matemática ou equivalentes da segunda série do Ensino Médio – as disciplinas devem ter sido concluídas até 31 de dezembro de 2019.

Candidatos que concluíram o Ensino Médio por meio de provas ou exames de certificação de competências ou de avaliação de jovens e adultos, que sejam decorrentes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ou do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) devem fazer upload do certificado de conclusão do Ensino Médio (frente e verso), expedido por órgão competente, contendo as notas finais de Português e Matemática ou equivalentes do Ensino Médio.

No ato da inscrição é possível escolher um curso em primeira opção e colocar como segunda alternativa: o mesmo curso (presencial) de primeira opção em outro período na mesma Fatec; ou o mesmo curso (presencial) de primeira opção oferecido em qualquer período de outra Fatec.

Confira todos os detalhes no Manual do Candidato, que está disponível no site do processo seletivo.

Inclusão digital

As Fatecs vão disponibilizar computadores online aos candidatos que tiverem dificuldade de acesso á internet para fazer a sua inscrição. Os interessados devem entrar em contato com a unidade para verificar data e horário de atendimento. Para utilizar os equipamentos, será obrigatório o uso de máscara de proteção facial e também respeitar as demais medidas de proteção do Protocolo Sanitário Institucional do CPS.

Inclusão Social

O Sistema de Pontuação Acrescida do Centro Paula Souza concede acréscimo de pontos à nota final do processo seletivo das Fatecs, sendo 3% a estudantes afrodescendentes e 10% a oriundos da rede pública. Se o candidato estiver nas duas situações, recebe 13% de bônus.

Outras informações pelos telefones (11) 3471-4103 (Capital e Grande São Paulo) e 0800-596 9696 (demais localidades) ou em vestibularfatec.com.br.

Cursos

Oficina ensina como criar mídias digitais

Publicado

em

Os participantes aprenderão a criar colagens, gifs, vídeos e avatares

A pandemia do Coronavírus intensificou a comunicação digital, principalmente entre o público jovem. Com a retomada gradual de atividades presenciais no período pós-pandemia, um dos desafios para os profissionais da educação e as famílias é como se aproximar dos jovens por meio da utilização da linguagem e das mídias digitais. Para ajudar pais, mães e professores a se familiarizarem com o mundo digital, o Pontos MIS (Museu da Imagem e do Som) e a Prefeitura de Hortolândia promovem a oficina on-line “Reciclagem de mídias – vídeo avatar”.

As inscrições podem ser feitas por meio deste LINK. Estão disponíveis 50 vagas. A oficina é para educadores, professores da rede pública de ensino e pessoas interessadas no tema com idade a partir de 16 anos. 

A oficina acontecerá ao vivo, de forma on-line e remota pela plataforma Zoom, nas próximas terça, quinta e sexta-feira (19, 21 e 22/10), das 19h às 21h. A confirmação da inscrição será enviada por e-mail pela Secretaria de Cultura. O certificado também será enviado por e-mail para os participantes posteriormente após o término da oficina.

Os participantes aprenderão a criar mídias, como colagens, gifs, vídeos e avatares, por meio da combinação de materiais digitais e mídias impressas (jornais, revistas, entre outros). A partir da criação das mídias, o objetivo é estimular a reflexão sobre o lugar das pessoas, incluindo os jovens, no mundo e as informações que o público consome diariamente.

A oficina será ministrada pelo educador e programador Kaka. Ao longo de sua carreira profissional, desenvolveu filmes, textos e videoinstalações com caráter inter e transdisciplinar que foram expostos em museus, galerias e mostras individuais, no Brasil e em outros países.

Continue Lendo

Cursos

Mais 400 vagas em cursos de qualificação profissional são oferecidas no CPAT

Publicado

em

Oportunidades são para áreas de tecnologia da informação, elétrica, mídias digitais, culinária, entre outras.

A Secretaria de Trabalho e Renda oferece por meio do Centro Público de Apoio ao Trabalhador de Campinas (CPAT) 420 vagas para cursos de qualificação profissional. Todos os cursos são de graça, feitos pela internet e com direito a certificado.

Há oportunidades para pessoas físicas e microempreendedores individuais (MEI). Confira a relação de cursos abaixo. Mais detalhes e links para inscrições estão disponíveis no site cpat.campinas.sp.gov.br

Cursos pessoa física

Aprenda a resolver problemas de TI para seus clientes Senac/Sebrae
Início: 03 de novembro

Aprenda vitrinismo básico para varejo Senac/Sebrae
Início: 03 de novembro

Aprenda a instalar redes wireless Senac/Sebrae
Início: 08 de novembro

Aprenda a desenvolver projetos elétricos Senai/Sebrae
Início: 08 de novembro

Fabrique e venda saneantes Senai/Sebrae
Início: 08 de novembro

Fabrique e venda cosméticos Senai/Sebrae
Início: 08 de novembro

Aprenda a produzir finger food Senac/Sebrae
Início: 08 de novembro

Trabalhe com segurança em servidores Windows Senac/Sebrae
Início: 08 de novembro

Aprenda a reparar sistemas de partida de motores Senai/Senac
Início: 08 de novembro

Aprenda a criar conteúdo para mídias digitais Senac/Sebrae
Início: 22 de novembro

Trabalhe com iluminação residencial Senac/Sebrae
Início: 22 de novembro

Cursos MEI

Experiência digital do usuário para conversão em vendas Senac/Sebrae
Início: 25 de outubro ou 08 de novembro

Análise do perfil do consumidor: o que seu cliente deseja Senac/Sebrae
Início: 25 de outubro

Funil de vendas do comércio eletrônico Senac/Sebrae
Início: 27 de outubro ou 17 de novembro

Continue Lendo

Cursos

Inscrições abertas para cursos de capacitação profissional na área elétrica

Publicado

em

Iniciativa da Prefeitura de Hortolândia com o Sebrae visa estimular retomada econômica no pós-pandemia

O avanço da vacinação contra a COVID-19, realizada pela Prefeitura de Hortolândia, possibilita o retorno gradativo de várias atividades. Para estimular a retomada econômica do município no período pós-pandemia, a Administração Municipal, em parceria com o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), promove dois cursos para pessoas que buscam novos horizontes profissionais ou aperfeiçoar conhecimentos.

Os cursos são “Aprenda a desenvolver projetos elétricos” e “Aprenda a realizar manutenção em instalações elétricas”. São 16 vagas disponíveis para cada curso. Os inscritos deverão ter 75% de presença para receber o certificado. As aulas são on-line ao vivo. Os cursos integram o programa “Hortolândia Empreendedora”, da Prefeitura, que oferece capacitação para os setores econômicos mais afetados pela pandemia do Coronavírus. Confira abaixo os cursos.

PROJETOS ELÉTRICOS    

O curso “Aprenda a desenvolver projetos elétricos” terá duas turmas. A primeira será entre os dias 16 a 23/11. Já a segunda acontecerá entre os dias 22 a 26/11. As aulas das duas turmas serão das 18h às 22h. As inscrições devem ser feitas por meio deste LINK.

O curso visa capacitar os participantes a avaliar, dimensionar e projetar padrão de entrada de baixa tensão de acordo com as exigências da empresa concessionária. Eles também aprenderão a levantar adequadamente as cargas da unidade consumidora, aplicando os fatores de demanda para especificação de todos os componentes, de acordo com normas e procedimentos técnicos, de qualidade, segurança, saúde e meio ambiente.

O conteúdo abordará itens como dispositivos regulamentadores e normas técnicas, recomendações de segurança, ligações aéreas e subterrâneas, aterramento e dispositivos de proteção, entre outros.

INSTALAÇÕES ELÉTRICAS

O curso “Aprenda a realizar manutenção em instalações elétricas” terá a Turma 1 entre os dias 22 a 29/11, com aulas das 13h30 às 17h30. Já a Turma 2 será entre os dias 23 a 30/11, com aulas no horário das 18h às 22h. Os interessados devem se inscrever por meio deste LINK

Os participantes aprenderão a prestar serviços de manutenção preventiva e corretiva em instalações elétricas residenciais e comerciais, de acordo com normas técnicas ambientais, de qualidade, segurança e saúde no trabalho. O conteúdo abordará temas e itens como manutenção preventiva x corretiva, segurança em serviços de manutenção elétrica em baixa tensão (conceitos da NR, Norma Regulamentadora, – 10), diagramas elétricos (Unifilar, Multifilar e Funcional), entre outros.

Continue Lendo

Populares