Connect with us

Campinas

Habitação abre inscrições para sorteio de 461 casas na região de Campinas

Redação

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Habitação, por meio da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), abre a partir desta quinta-feira (23) as inscrições para participação do sorteio de 461 unidades do Programa Nossa Casa, em quatro cidades da região administrativa de Campinas. As inscrições devem ser realizadas por meio de aplicativo de celular e pelo site da CDHU e o prazo vai até a próxima segunda-feira (27).

Os empreendimentos serão construídos nas cidades de Amparo (186 unidades), Casa Branca (189), Charqueada (40) e Corumbataí (46). Para concorrer ao sorteio das casas, o pretendente deve fazer sua inscrição sempre por meio do aplicativo Kaizala, disponível gratuitamente nas lojas App Store e Play Store, ou pelo site www.cdhu.sp.gov.br.

A seleção dos beneficiados será feita por sorteios públicos classificatórios. Só poderá se candidatar a um imóvel quem estiver morando ou trabalhando na cidade que receberá o empreendimento e não pode ter sido beneficiado por nenhum programa habitacional. Outra exigência do programa é que o candidato esteja com o nome limpo, ou seja, sem nenhuma restrição de crédito para obter o financiamento ofertado pelas regras da Caixa Econômica Federal. Também não poderá possuir pendência com a Receita Federal.

Os imóveis vão atender famílias com renda entre 1,5 e 5 salários mínimos. A Secretaria de Habitação concederá subsídios de até R$ 40 mil, conforme a renda das famílias. Será possível contar ainda com subsídios federais e utilizar o FGTS no financiamento habitacional. Desta forma, o valor das prestações ficará compatível com a capacidade de pagamento das famílias.

Os empreendimentos serão viabilizados pela modalidade Nossa Casa-CDHU, que prevê na primeira etapa a construção de 11 mil moradias em 113 cidades em parceria com a Caixa Econômica Federal. Nesta modalidade, os terrenos são ofertados pelos municípios e a construção das moradias é realizada com recursos da Caixa e da Secretaria da Habitação, por intermédio da Agência Paulista. A CDHU já fez o credenciamento de empresas para a execução de 7.278 unidades da primeira etapa.

Inscrição

O interessado em concorrer a um dos imóveis deverá acessar o site da CDHU (cdhu.sp.gov.br) e clicar no banner das inscrições. Em seguida, deve escolher o empreendimento da cidade onde estiverem abertas as inscrições. O candidato precisa prestar bem atenção, pois só poderá se inscrever no empreendimento do município em que mora ou trabalha.

Quem for realizar a inscrição via celular deve inserir o número de celular e será redirecionado para instalar o aplicativo Kaizala, que é gratuito e está disponível para Android e Iphone. Uma vez instalado, o interessado será incluído no grupo da CDHU e poderá efetivar a inscrição.

Para aqueles que preferirem fazer a inscrição no próprio site e só clicar em “Prefiro inscrever-me pelo site”, ao invés de incluir o número do celular. Na sequência, selecionar opção “Inscrição” e seguir as orientações. Será enviado o código de acesso por SMS ou ao e-mail informado e o interessado deve validar o código para abrir e preencher o formulário.

Ao concluir o processo, os candidatos receberão o número da inscrição pelo app e pelo e-mail informado. Será válida somente uma inscrição por família. Aqueles que participaram de outros sorteios da CDHU no município e não foram contemplados agora podem fazer nova inscrição pelo aplicativo de celular ou pela internet.

serviço

Inscrição para sorteio de 461 casas na região de Campinas

Período de inscrição:
Amparo – de 23 às 17h45 de 27 de janeiro
Casa Branca – de 23 às 17h de 27 de janeiro
Charqueada – de 23 às 17h15 de 27 de janeiro
Corumbataí – de 23 às 17h30 de 27 de janeiro

Canais de inscrição: aplicativo de celular Kaizala ou site da CDHU (www.cdhu.sp.gov.br)

Campinas

Em Campinas Ações do Toque de Recolher fecham sete comércios e autuam 1 veículo

Portal Hortolândia

Publicado

em

A fiscalização para cumprimento do Toque de Recolher resultou no fechamento de sete estabelecimentos e um veículo autuado com base na Lei do Pancadão em Campinas na noite de sexta-feira, 7 de abril.

As fiscalizações ocorreram na região da Praça da Concórdia, na Avenida John Boyd Dunlop (Estação Bela Aliança) e no Balão do Jardim Londres.

Na fiscalização, 383 veículos foram abordados, 1.089 pessoas orientadas e 109 estabelecimentos comerciais fiscalizados, resultando no fechamento de sete dele.

O objetivo da operação é restringir a circulação de pessoas na cidade durante a noite.
A partir deste sábado, 8 de maio, com a prorrogação da fase de transição e flexibilizações no Plano São Paulo até o dia 23 de maio, o toque de recolher passa a valer das 21h01 às 4h59.

Decreto publicado na edição deste sábado do Diário Oficial alterou as penalidades para quem descumprir o Toque de Recolher. Quem descumprir não será mais levado ao distrito policial para eventual apuração de crime contra a saúde pública. Nesse caso, caberá apenas orientação. O encaminhamento ao distrito permanece em relação às festas clandestinas e reuniões familiares com mais de dez pessoas.

Continue Lendo

Campinas

Aposta de Campinas levou mais de 1 milhão na lotofacil

Portal Hortolândia

Publicado

em

Na noite dessa quarta-feira (05), uma aposta de Campinas-SP acertou as 15 dezenas do concurso 2222. Os números premiados foram:

02 04 05 06 07 08 09 10 12 13 14 19 22 23 24

De acordo com a Caixa, o vencedor terá direito a um prêmio de R$ 1.328.248,76

Ainda segundo a caixa tiveram prêmios para:

14 acertos
277 apostas ganhadoras, R$ 1.436,32

13 acertos
11408 apostas ganhadoras, R$ 25,00

12 acertos
134334 apostas ganhadoras, R$ 10,00

11 acertos
704431 apostas ganhadoras, R$ 5,00

Continue Lendo

Campinas

Vigilância Sanitária autua drogaria por irregularidades em Campinas

Portal Hortolândia

Publicado

em

A equipe da Vigilância Sanitária de Campinas, do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa), autuou, nesta terça-feira, 4 de maio, uma drogaria no Jardim Novo Campos Elíseos. A equipe interditou os medicamentos controlados, que estavam sendo vendidos de forma irregular.

Os técnicos da Vigilância tinham ido à farmácia para uma inspeção, solicitada pelos proprietários, com o objetivo de renovar a licença de funcionamento do estabelecimento. Ao chegar no local, encontraram as irregularidades.

A farmácia estava comercializando medicamentos controlados e anabolizantes e aplicando injeções sem receita médica e sem envio de informações à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Até produto de uso veterinário foi encontrado no local.

Os medicamentos controlados – lacrados em 14 sacolas numeradas e dois armários trancados – e a sala de serviços farmacêuticos foram interditados. A penalidade ao estabelecimento será definida pela Vigilância Sanitária após o prazo para defesa, a ser apresentada por parte dos proprietários da drogaria.

imagem ilustrativa

Continue Lendo

Noticias

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares