Connect with us

Eventos

Orquestra Sinfônica de Indaiatuba faz concerto presencial da série O Brasil e o Mundo

Publicado

em

Apresentação cria um diálogo entre as obras de Mozart e José Maurício Nunes Garcia; a entrada é gratuita

Orquestra Sinfônica de Indaiatuba realiza, no dia 26, o segundo concerto da temporada O Brasil e o Mundo, que celebra a conexão de artistas mundiais e regionais. A apresentação Universo Clássico: Mozart e José Maurício Nunes Garcia acontece às 20h, na Sala Acrísio de Camargo, no CIAEI (Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba), e recebe os solistas Adonhiran Reis e Gabriel Marin.

Wolfgang Amadeus Mozart e o Padre José Maurício Nunes Garcia habitaram universos muito diferentes, mas tinham um estilo clássico comum. Enquanto Mozart teve um marco na sua trajetória musical com a obra Sinfonia Concertante, escrita para violino, viola e orquestra, Nunes Garcia conseguiu a alcunha de ‘Mozart Brasileiro’, por ser um dos maiores nomes da música clássica nacional na primeira metade do século 19. Sua obra é, majoritariamente, sacra e para o espetáculo da Sinfônica será apresentada a Abertura em Ré, uma de suas poucas peças instrumentais.

O concerto tem direção artística e regência do maestro Paulo de Paula e conta com a participação de dois solistas na Sinfonia Concertante: o violinista Adonhiran Reis, que é professor de violino da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e tem presença garantida nos principais festivais do Brasil e exterior como França e Alemanha; e o violista Gabriel Marin, que já foi chefe de naipe das violas da OSB por seis temporadas além ter atuado em outras orquestras como as sinfônicas da Paraíba, Sergipe e Campinas e a Orquestre D’Auvergne, da França.

COMO ASSISTIR? O concerto Universo Clássico: Mozart e José Maurício Nunes Garcia têm entrada gratuita, mas é preciso reservar os lugares por meio do preenchimento de um formulário online, que está neste link. É possível reservar no máximo cinco entradas por pessoa das 300 disponíveis – devido à capacidade de público do teatro em número reduzido, em razão do covid-19. 

Vale lembrar que é obrigatório o uso máscara e o respeito ao distanciamento durante toda a atração. No dia do concerto, aqueles que quiserem contribuir podem fazer a doação de um litro de leite longa vida. O CIAEI – Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba fica na avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, 3665, Jardim Regina, Indaiatuba (SP).

TRANSMISSÃO Para quem não conseguir ingressos ou não puder comparecer na apresentação presencial, o concerto será transmitido no dia 30 de setembro, às 20h, no canal do YouTube da Orquestra Sinfônica de Indaiatuba, disponível neste link.

O BRASIL E O MUNDO As nuances desta série se entrelaçam em um rico diálogo entre a música universal e a regional. Cada um dos três concertos mescla, de uma maneira muito própria, obras reconhecidas, pertencentes ao repertório clássico universal, com peças que transmitem e se reverenciam à cultura brasileira. Assim, o Brasil e o mundo são colocados em perspectiva por meio de uma experiência enriquecedora.

A viabilização desta temporada é fruto do reconhecimento do trabalho da Orquestra.  Em novembro de 2020, a Orquestra Sinfônica de Indaiatuba recebeu o Prêmio Histórico de Realização em Música, pelo Governo do Estado de São Paulo. Por ter conquistado o 1º lugar na premiação, após avaliação técnica de uma comissão especializada. Estes recursos estão sendo investidos nos projetos deste ano, incluindo a série de apresentações O Brasil e o Mundo.

Além de Universo clássico: Mozart e Padre José Maurício Nunes Garciaintegram este conjunto os espetáculos Bach e Villa-Lobos: de mestre para mestre, que aconteceu em agosto no formato online, e Erudito e Popular. A realização da série O Brasil e o Mundo é da Associação Mantenedora da Orquestra de Indaiatuba (AMOJI), em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura de Indaiatuba.

Orquestra Sinfônica de Indaiatuba – Vídeo clique aqui

SERVIÇO
Série o Brasil e o Mundo – Orquestra Sinfônica de Indaiatuba
Concerto: Universo Clássico: Mozart e José Maurício Nunes Garcia
Solistas: Adonhiran Reis (violino) e Gabriel Marin (viola)
Data: 26 de setembro
Horário: 20h
Onde: Sala Acrísio de Camargo (CIAEI – Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba), avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, 3665 – Jardim Regina, Indaiatuba (SP)
Reservasclique aqui

ONLINE Com canções praieiras ou sambas baianos, toda a influência e brasilidade do compositor baiano Dorival Caymmi se faz presente no concerto da Orquestra Sinfônica de Indaiatuba – intitulado Caymmi. A homenagem, que aconteceu presencialmente na sexta-feira (10) no CIAEI (Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba), ganha uma sessão online, transmitida neste domingo, 19, às 20h, no canal da Orquestra no YouTube

A apresentação traz no repertório canções como Samba da Minha TerraMarinaSaudade da Bahia e O Bem do Mar. A direção artística é do maestro Paulo de Paula, e os arranjos são de Emanuel Massaro. Dividem o palco com a Sinfônica, os cantores Gustavo Spínola e Camila Foroni, além da banda Vila Jazz

Eventos

Exposição sobre xilogravuras estreia no Sesi Amoreiras em outubro

Publicado

em

Muito utilizada nos cordéis, a xilogravura, ganha destaque na nova exposição do Espaço Galeria do Sesi Amoreiras, a partir do dia 22 de outubro. A mostra inédita Xilograficamente reúne obras de oito jovens artistas que utilizam a técnica de gravar imagens em madeira em trabalhos que apresentam pesquisas em torno da cor, da tridimensionalidade e de grandes formatos. O público pode conferir as 18 xilogravuras, além de uma instalação e uma obra tridimensional, gratuitamente até dia 11 de dezembro, mas é necessário realizar agendamento prévio de ingressos pelo sistema Meu Sesi (www.sesisp.org.br/eventos). A visitação acontece de terça a sexta, das 9h às 20h, e nos sábados, das 9h às 19h – exceto feriados. 

No dia 23/10, às 15h, será realizado a abertura virtual da exposição, com a presença da curadora e artistas, no Zoom. Acesso pelo link: https://bit.ly/2X9I11H – ID da reunião: 882 3897 3310. Senha: 681244. 

Para a curadora Célia Barros, gravar uma madeira implica lidar com a rigidez e resistência do material, além dos veios que aparecem. “Cada madeira oferecerá diferentes características e adversidades, que inevitavelmente se farão visíveis na obra. Apesar disso, dependendo do modo como o artista se adapta à matéria e extrai dela seu potencial expressivo, conseguem-se gravuras de uma leveza e agilidade a princípio inimagináveis”, explica. 

Para além das confluências em seus trabalhos com a madeira, os artistas escolhidos para compor a mostra – Santidio Pereira, Luisa Almeida, Gabriel Balbino, Kamila Vasques, Igor Santos, Julia Bastos, Rafael Toledo e Fernando Melo – também compartilharam vivências dentro dos mesmos ateliês e acompanham os trabalhos uns dos outros pelas redes sociais. “Essa reunião evidencia a importância do ambiente de formação e dos ateliês de gravura disponíveis para o exercício e o aprofundamento da prática no país”, comenta Célia. 

Nesse contexto, Xilograficamente surge como uma continuação do projeto Madeira Nova, em que jovens artistas indicavam outros colegas para participar de exposições entre 2018 e 2019. Agora, os mesmos artistas apresentam novos desdobramentos em suas pesquisas na xilogravura. 

O teatro do Sesi Amoreiras segue os protocolos de segurança, com distanciamento social, uso de máscara obrigatório e álcool em gel disponível no espaço. O número de ingressos é limitado, sendo obrigatório a reserva pelo Meu Sesi.  

Sobre os artistas 

Fernando Melo: começou sua experiência no Instituto Acaia aos 6 anos, aprendendo xilogravura de modo intuitivo e espontâneo. Fernando tem desenvolvido uma imagética própria, ligada ao cotidiano, à música e até às obras dos amigos ou de outros artistas que admira. Suas gravuras mais recentes mostram um desenho solto, no qual a arquitetura aparece de forma densa e misteriosa. São imagens carregadas de momentos vivenciados no dia a dia, por vezes enfrentando as dificuldades de quem resiste na favela.

Gabriel Balbino: possui formação em tipografia, xilogravura e desenho e é membro do coletivo Xiloceasa, primeiro grupo formado no Acaia, em 2005, por adolescentes da oficina de xilogravura que, na maioria, residiam nas redondezas do Ceagesp. Juntos, participam de exposições individuais e coletivas, no Estúdio Buck e no Sesc Pompeia, entre outras, além de intercâmbios culturais no Brasil e de feiras gráficas em São Paulo e no Rio de Janeiro. No desenho de Gabriel, é visível um traço solto, em que a goiva grava a imagem diretamente na madeira. Faz caminhadas e viagens, durante as quais fotografa árvores e animais e pesquisa suas origens. Em suas gravuras, explora a sobreposição e a justaposição de cores fortes, que contrastam entre si, produzindo imagens onde o fantástico e a realidade se misturam.

Igor Santos: integrante docoletivo Xiloceasa,frequenta o Instituto Acaia desde os 8 anos, e lá aprendeu a xilogravura numa prática coletiva, com desafios desde a produção de publicações, ilustrações para revistas, jornais até capas de livros. Igor desenha diretamente na madeira, aproveitando os veios e brincando com o enquadramento da imagem, dotando-a de equilíbrio e movimento. Ele cria principalmente animais, sempre atravessando rapidamente a madeira com a goiva. O desenho precisa vir à tona quase instintivamente para capturar a imagem que faísca em sua imaginação. 

Julia Bastos: as mãos que despontam nas xilogravuras de Julia não acalentam, são muitas mãos sem corpo e inúmeros dedos sem garras, que contornam o perímetro de um ser. Seus trabalhos refletem uma identidade que habita um corpo e negocia existencialmente sua liberdade de ser. Nas gravuras mais recentes da artista, formada em artes visuais pelo Centro Universitário Belas-Artes de São Paulo em 2018, surge uma fusão orgânica entre a estrutura humana e o mundo vegetal, em que a necessidade de defesa e proteção se elabora por meio de uma analogia com a morfologia feminina e os espinhos que as plantas desenvolvem para se defender.

Kamila Vasques: bacharel em artes visuais pelo Centro Universitário Belas-Artes, Kamila se interessa pela forma da letra, o tipo ou fonte, que funcionam como as representações gráficas dos sons e das falas, e que, apesar de sonoras e visíveis, permanecem no indizível. A fonte das letras muda dependendo do que o texto no qual é utilizado pretende expressar. Um painel de letras, de diversas fontes, que não chega a criar palavras para serem lidas, impossível de ser traduzido em outras imagens ou sinais, e pede apenas para que o público olhe para a história da escrita, do que nela nos faz humanos, em nosso ímpeto incessante de criar imagens que nunca dizem tudo. 

Luisa Almeida: o aspecto performático atravessa todo o processo de criação de Luisa, desde a música que escuta enquanto trabalha escavando a madeira, que, pelo grande formato de suas obras, exige uma performance corporal para poder observar o estado da obra, mas principalmente na hora de imprimir. Em geral, o processo de elaboração do trabalho atravessa vários estágios, desde os esboços, passando pela encenação de algumas poses que fotografa, até finalizar o desenho. Seu trabalho na exposição é inspirado na ópera do século XIX C’est Moi, C’est Toi” É Você, Sou Eu, em tradução livre), em que o personagem Don José esfaqueia e mata Carmen, a mulher que o recusou como amante por se sentir oprimida por seu ciúme asfixiante. Atualmente é mestranda em artes visuais na Universidade Estadual Paulista (Unesp), onde se graduou em 2017. 

Rafael Toledo: É formado em artes visuais pelo Centro Universitário Belas-Artes de São Paulo. Explora, em sua prática, sobreposição de técnicas impressas com desenho e pintura, além de usar diferentes suportes para a xilogravura. Rafael investiga a sobreposição de planos criados em transparência, explorando ruídos gráficos, que perfazem a leitura da obra. Na obra Chuva Ácida, faz uso da repetição exaustiva de algumas matrizes, num formato que remete a uma gota, a partir de raquetes de frescobol, que colaboram para o aspecto metamorfo das figuras. 

Santidio Pereira: Por volta dos 8 anos de idade, começou a frequentar o Instituto Acaia, onde realizou diversas atividades artísticas, como aulas de marcenaria, cerâmica, animação e pintura, até se destacar nas oficinas de desenho e xilogravura sob a orientação do xilogravador Fabrício Lopez. A característica mais marcante de seu trabalho se encontra no uso de diversas matrizes para a composição de uma obra única, subvertendo assim a característica de reprodutibilidade existente na linguagem da gravura. Camadas espessas de tintas agrupadas por impressões sobrepostas revelam paisagens, pessoas, animais e memórias afetivas de um tempo que o artista insiste em não apagar.  

Sobre o projeto Espaço Galeria SESI-SP 

A mostra Xilograficamente faz parte do projeto Espaço Galeria SESI-SP, no qual o foyer do teatro da unidade se transforma em plataforma expositiva, recebendo exposições de diferentes técnicas e formatos. Criada em 2013, a iniciativa oferece exposições de artes visuais especialmente desenvolvidas para os centros de atividades do SESI-SP, propiciando a circulação de obras originais com embasamento curatorial e expografias específicas.  

Serviço: 

Abertura virtual da exposição, pelo Zoom – 23/10, às 15h 

Link de acesso: https://bit.ly/2X9I11H  

ID da reunião: 882 3897 3310.  

Senha: 681244. 

Exposição Xilograficamente 

Local: Sesi Amoreiras – Av.das Amoreiras, 450 – PQ Italia, Campinas/SP 

Período: de 22 de outubro a 11 de dezembro 

Horários: de terça a sexta, das 9h às 20h, exceto feriados  

* Das 9h às 15h – aberta para agendamentos de ações educativas online com grupos escolares, agendados pelo e-mail [email protected]  

** Das 15h às 20 h – aberto ao público com agendamento pelo MEU SESI  

Sábados das 9h às 19h, exceto feriados 

Classificação indicativa: livre 

AVCB: 426277 – Validade 26/08/2022  

Alvará: 989/2021 – Validade 26/07/2022  

Informações: WhatsApp 19-996421499 ou 37724100  

Entrada gratuita. Agendamentos de visitas pelo sistema Meu Sesi (www.sesisp.org.br/eventos

Continue Lendo

Eventos

Limeira recebe a primeira edição do Festival do Torresmo

Publicado

em

Evento tem entrada franca e acontece entre os dias 22 e 24 de outubro

De 22 a 24 de outubro, a cidade de Limeira recebe a primeira edição do “Festival do Torresmo”.

O grande festival pretende movimentar a região e deixar o aroma irresistível da novidade. O evento, aberto ao público, acontece na Avenida Carlos Kuntz Busch, 800 – Limeira, das 12h às 22h.

Os visitantes poderão se deliciar com um cardápio diversificado com os mais variados cortes suínos, como costela, joelho de porco, leitão pururuca, panceta e o tradicional torresmo.

Com a presença do renomado, e internacionalmente conhecido, chef Adan Garcia, especialista em porco, durante todos os dias do evento, o público também poderá conferir os mais variados pratos preparados por ele, como baião de dois, galinhada, arroz com suan e feijão tropeiro.

Haverá, também, incríveis cervejarias convidadas. Serão diversos rótulos com o que se produz de melhor na indústria cervejeira. Opções não faltarão e prometem agradar pessoas de todos os gostos.

Para os amantes do típico doce espanhol, as opções empolgam. Do tradicional churros de doce de leite ao morango com Nutella, entre outras combinações.

E para aproveitar o evento em grande estilo, atrações musicais marcam presença.

Sexta (22): a partir das 20h, a banda Rock You, traz o melhor do Classic Rock
Sábado (23): às 16h, a banda Olho de Lobo faz a alegria da plateiaO dia termina com a banda Roxigênio, com covers de Legião Urbana, a partir das 20h.
Domingo (24): às 15h, a banda Monalilzza faz homenagem a Tim Maia. E para encerrar o evento com chave de ouro, às 20h, o grupo Bohemian Rock traz o melhor de Queen.

A entrada é gratuita, sendo cobrado apenas o consumo no local. Os preços dos lanches e pratos variam entre R$ 10,00 e R$ 50,00. No evento haverá espaço kids e área Pet Friendly 

Vale ressaltar que o Festival seguirá os protocolos no combate ao Covid-19, com o uso de máscara, álcool em gel e distanciamento social. A organização é da Focus Produções e Eventos.

Serviço:
Festival de Torresmo em Limeira
Dias e horários: de 22 a 24 de outubro, das 12h às 22h
Endereço: Avenida Carlos Kuntz Busch, 800 – Limeira.
O evento aceita todos os cartões de débito e crédito
Espaço Kids e Pet Friendly
Preço médio: de R$ 10,00 a R$ 50,00
* Entrada Gratuita

Continue Lendo

Eventos

Espetáculo “Chapeuzinho Vermelho” e “Pinóquio” animam programação do Mês da Criança no Polo Shopping Indaiatuba

Publicado

em

As apresentações fazem parte do Projeto Polo Teatro, que é gratuito, e terá duas apresentações por dia às 15h e às 17h

O Polo Teatro é uma das atrações especiais que integram as atividades do Mês da Criança no Polo Shopping Indaiatuba. A programação conta com duas apresentações teatrais, em parceria com o Grupo Arte & Manhas. O espetáculo “Chapeuzinho Vermelho em: uma surpresa para o lobo” será apresentado no dia 17 de outubro, em dois horários diferentes, às 15h e às 17h. Já o espetáculo “Pinóquio” acontece no dia 24 de outubro, também às 15h e às 17h. 

O cenário das peças será montado em uma das salas de cinema, que terá capacidade limitada devido às medidas de segurança adotadas pelo Shopping. Os ingressos serão gratuitamente distribuídos na bilheteria do Topázio Cinema, uma hora antes de cada espetáculo, por ordem de chegada.  

Chapeuzinho Vermelho

O espetáculo inspirado na obra de Charles Perrault, ‘Chapeuzinho Vermelho em: Uma Surpresa para o Lobo’, conta o clássico de uma forma diferente. Apostando em bastante interatividade com a platéia, a montagem da Cia Arte & Manhas pretende colocar a criança no palco com voz ativa no andamento da peça. A história ainda faz uso do incentivo à boa alimentação, substituindo a famosa cesta de doces por frutas e incentivando os pequenos quanto a necessidade de ter uma alimentação de mais qualidade. As crianças além de descobrirem o nome de cada uma das frutas, ainda são convidadas, pessoalmente, a montar a cesta junto com os personagens. Trilha sonora composta especialmente para a montagem, figurinos fiéis e cenários inteligentes: trinca completa que traduz o sucesso da montagem.

Pinóquio

Inspirado na obra clássica italiana, será contada a trajetória de Gepeto e seu boneco em diversas fases. Uma montagem que mescla atores, bonecos e teatro de sombra, mostrando a história do boneco de madeira que se vê em um universo fantástico com muitos desafios. Como será que ele vai se salvar da terrível baleia e ainda se livrar de um maluquinho – e um tanto quanto malvado – dono de circo? Essas e outras aventuras são embaladas ainda por trilha sonora especialmente composta para a montagem e cenários fiéis, que remetem ao interior da casa de Gepeto, passando pelo circo e pelo cenário inteligente do fundo do mar, que mescla o universo embaixo d´água com teatro de sombras.

Programação Completa Mês das Crianças no Polo Shopping Indaiatuba

Além das apresentações teatrais, o Polo Shopping Indaiatuba também conta com atrações especiais neste Mês da Criança, que prometem momentos alegres e divertidos em família. Confira:

Polo Jump Land – Até 31 de outubro

O inflável gigante, localizado na Praça Central do empreendimento, traz um circuito lúdico e colorido com uma área de 233m². Cheio de obstáculos e uma rampa gigante, o Polo Jump Land oferece uma forma diferente e divertida para movimentar o corpo e brincar em família. A entrada é permitida para crianças a partir de 2 anos, que podem ser acompanhadas pelos adultos. O ingresso pode ser adquirido na bilheteria do local com valores a partir de R$20 e um tempo médio de 15 minutos na atração. O Polo Jump Land ficará no shopping até o dia 31 de outubro e funciona de segunda à sábado das 10h às 22h e aos domingos e feriados de 11h às 22h.

Roda Gigante – Até 24 de outubro

A Roda Gigante retorna ao Polo Shopping, dessa vez ainda mais alta. Com 26 metros de altura e com uma iluminação em LED que muda de cor conforme a programação, a roda traz 16 cabines que comportam 4 pessoas cada, prometendo muita diversão, além de uma vista panorâmica do entorno do Shopping. A atração recebe pessoas de todas as idades e traz uma experiência completa que conta com 5 voltas. O ingresso pode ser adquirido no próprio local e possui um valor de R$40, mas em comemoração ao mês a atração estará com 50% de desconto, podendo ser adquirido por R$20. A Roda fica localizada no estacionamento do Shopping, em frente ao restaurante Madero.

Bate Bate – Até 24 de outubro

O carrinho Bate Bate é uma opção que proporciona diversão para todas as idades.  Localizado no estacionamento, o brinquedo também traz uma iluminação especial em LED para tornar a experiência ainda mais divertida. O ingresso dessa atração é R$20, mas também estará com 50% de desconto e poderá ser comprado no valor promocional de R$10, que proporcionam 3 minutos de diversão em todo o circuito.

Giostrina – Até 24 de outubro

Para as crianças de até 1,20m de altura, o Polo Shopping Indaiatuba trouxe a Giostrina, um brinquedo muito divertido que traz vários cavalinhos que andam em um trilho e tem movimentos suaves proporcionando uma experiência emocionante para os pequenos. O ingresso garante 3 minutos de diversão no brinquedo e possui o valor de R$20, durante todo mês ele poderá ser adquirido com 50% de desconto no valor de R$10.

Atrações fixas no Polo Shopping Indaiatuba

Além das novas atrações de outubro, o Polo Shopping Indaiatuba também conta com atrações infantis fixas que são ótimas opções para divertir a criançada. Entre elas estão o parque indoor Cia da Criança, o quiosque Stop&Go, que traz mini-carros elétricos para as crianças, o parque infantil Brinquedos Indaiá, que oferece recreação infantil com monitoria, e o Topázio Cinemas com uma programação repleta de filmes infantis.  

Medidas preventivas

Para garantir a segurança de clientes e funcionários, todas as medidas preventivas continuarão sendo adotadas não só nas atrações como em todo o shopping. Isso inclui disponibilização de dispensers de álcool em gel nos eventos, uso obrigatório de máscara pelos clientes e funcionários, ocupação das cabines apenas por pessoas da mesma família ou convívio direto e higienização do ambiente.

Serviço
Polo Teatro

Quando: 17 e 24 de outubro

Onde: Topázio Cinema

– Dia 17/10: espetáculo Chapeuzinho Vermelho, às 15h e 17h.

– Dia 24/10: espetáculo Pinóquio, às 15h e às 17h.

Ingresso: Entrada gratuita mediante ingresso retirado na bilheteria 01h antes da peça

Polo Jump Land

Quando: 01 a 31 de outubro

Onde: Praça Central do Polo Shopping Indaiatuba

Horário: segunda à sábado das 10h às 22h e aos domingos e feriados das 11h às 22h

Ingresso: R$20,00 de 1 a 15 minutos 

Roda Gigante

Quando: 02 a 24 de outubro

Onde: Estacionamento do Polo Shopping Indaiatuba

Horário segunda à sábado das 16h às 23h e aos domingos e feriados das 14h às 20h

Ingresso: R$20 (Já com o desconto de 50%)

Bate Bate

Quando: 02 a 24 de outubro

Onde: Estacionamento do Polo Shopping Indaiatuba

Horário: segunda à sábado das 16h às 23h e aos domingos e feriados das 14h às 20h

Ingresso: R$10 (Já com o desconto de 50%)

Giostrina

Quando: 02 a 24 de outubro

Onde: Estacionamento do Polo Shopping Indaiatuba

Horário: segunda à sábado das 16h às 23h e aos domingos e feriados das 14h às 20h

Ingresso:R$10 (Já com o desconto de 50%)

Continue Lendo

Populares