Os principais cuidados com a higiene bucal são feitos no dia a dia. Veja como cuidar da forma correta dos dentes, língua e gengiva.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 11% da população brasileira nunca foi ao dentista. Com a falta de cuidados e orientação de um profissional, aumenta o número de pessoas idosas que não possuem nenhum dente e jovens que precisam usar próteses.

Entretanto, não basta frequentar o dentista regularmente, é preciso adotar algumas dicas de higiene bucal para conseguir um melhor resultado e um sorriso sempre saudável. Veja quais são os cuidados que se pode ter em casa.

1. Escove os dentes sempre

A recomendação é que se escove os dentes três vezes ao dia, pois isso seria o correspondente após as principais refeições.

Como existem pessoas que fazem lanches e comem em outros momentos, a escovação deve ocorrer com maior frequência, sempre após o consumo de algum alimento.

2. Não esqueça da língua

Não basta apenas escovar os dentes. A higiene bucal deve ser completa, incluindo as gengivas e língua.

A limpeza da língua pode ser feita com a própria escova, começando de trás para frente. Existem algumas que possuem um limpador específico para essa parte, que costuma ficar fixada na parte traseira da escova.

É importante limpar a língua sempre que escovar os dentes, pois elas também acumulam alimentos que podem causar cáries e deixam mau hálito.

3. Use o antisséptico bucal como complemento

Não acredite que o antisséptico bucal cuidará da limpeza da boca sozinho. Na verdade, ele é apenas um complemento e pode ser dispensável se houver uma boa escovação.

O seu uso é para complementar a limpeza e deixar o hálito melhor.

4. Troque a escova periodicamente

O ideal é fazer a troca de escovas a cada 2 ou 3 meses, pois com o tempo ela começa a acumular bactérias e pode aumentar as chances de se ter cárie.

Escolha o grau de maciez e quantidade de cerdas recomendadas pelo dentista e prefira as de cabo liso, pois elas evitam o acúmulo de bactérias no cabo emborrachado.

Opte também pelas que possuem uma tampa acrílica, pois elas ajudam a proteger as cerdas e evitam contaminação.

5. Use o fio dental para garantir a higiene bucal completa

O fio dental deve ser utilizado toda vez que se faz a escovação, porém, por falta de tempo ou preguiça, ele acaba sendo deixado de lado. Se não for possível usar sempre, pelo menos à noite, passe o fio dental para cuidar da higiene bucal.

Vale ressaltar que o uso dele não provoca o sangramento da gengiva. Isso ocorre quando há inflamação por falta de higiene com o fio dental ou se está sendo usado de forma incorreta, com a aplicação de muita força.

6. Aplique técnicas de escovação

Não adianta apenas passar a escova por cima dos dentes, ela deve ser utilizada de forma correta.

O ideal é que fiquem em um ângulo de 45 graus em relação à superfície do dente, pois assim alcança o dente e a gengiva. Os movimentos devem ser circulares e repetidos cerca de 10 vezes em cada área para conseguir retirar os restos dos alimentos.

De acordo com Dr. Guilherme Rothier, quem utiliza aparelho transparente pode manter as mesmas técnicas de escovação, mas precisa se preocupar com a higienização do aparelho também.

7. Use creme dental com flúor

O flúor ajudará a proteger melhor os dentes, por isso é importante prestar atenção nesse detalhe.

Veja na embalagem a composição da pasta e se existe mais alguma indicação, por exemplo, para dentes sensíveis ou pessoas com gengivite.

Não é preciso uma quantidade grande para conseguir um bom resultado. Basta aplicar uma porção do tamanho de uma ervilha e conseguirá fazer um uso correto do creme dental.

As dicas de higiene bucal ajudam a manter um sorriso mais bonito e evitam problemas de saúde que podem ir além da boca.

Fontes:

https://www.colgate.com.br/oral-health/life-stages/adult-oral-care/what-is-good-oral-hygiene

https://www.guilhermerothier.com.br