Policial

Polícia Federal conclui participação de Bolsonaro em desvio milionário

Bolsonaro

Após investigações, a Polícia Federal concluiu que o ex-presidente Jair Bolsonaro teve participação no desvio ou na tentativa de desvio de mais de R$ 6,8 milhões em presentes, como esculturas, joias e relógios, recebidos de países estrangeiros durante seu mandato.

Isso consta no relatório da investigação que apurou a existência de uma associação criminosa com o objetivo de desviar e vender esses objetos de valor, recebidos por Bolsonaro como presentes oficiais.

Além dele, outras 11 pessoas foram indiciadas na semana passada pelos crimes de peculato, associação criminosa e lavagem dinheiro. O relatório contém 476 páginas e foi entregue em um envelope no protocolo do Supremo Tribunal Federal (STF) na última sexta-feira (05).

O sigilo do relatório foi derrubado hoje (08) pelo ministro Alexandre de Moraes, relator do caso no Supremo. O magistrado encaminhou o processo para análise da Procuradoria-Geral da República (PGR), que agora deve decidir se arquiva o caso, denuncia os indiciados ou solicita nova coleta de provas.

Para mais notícias, eventos e empregos, siga-nos no Google News (clique aqui) e fique informado

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98