Um motociclista de 22 anos, morreu após acidente no final da noite desta quinta-feira (15) em cima da Ponte da rodovia Jornalista Francisco Aguirre Proença (SP-101) no trevo da EMS, em Hortolândia.

De acordo com a Polícia Rodoviária (PMrv), o motociclista estava ultrapassado ônibus quando um veículo subia sentido contrário e colidiu na motocicleta. O motorista do ônibus do transporte Capellini, informou que ouviu um barulho na lateral do ônibus, em seguida parou o veículo. Já o carro que colidiu não parou para prestar socorro e acabou se evadindo.

Segundo informações, a vítima havia saído para dar uma volta com seu irmão, ambos em cada moto, quando aconteceu à tragédia.

Equipes do SAMU e da concessionária Rodovias do Tietê (UR 2101), compareceram ao local e infelizmente constatou o óbito do motociclista no local.

Ainda de acordo com a Polícia Rodoviária, o condutor do ônibus estava sob influência de álcool e fez teste do etilometro que ficou constatado 0,24.mg/l de ar por litro alveolar de álcool. Porém não configura em crime, e teve autuação administrativa (multa). O motociclista não possuía habilitação (CNH).

O Instituto de Criminalistica de Americana realizou a perícia técnica e fez a liberação do corpo para o IML (Instituto Médico Legal).

Muitos motoristas que passam pelo trecho reclamam que o local não possuí iluminação e há deficiência na sinalização.

Por Cézar Henrique