Connect with us

Policial

Mãe de detento é presa após tentar entrar na cadeia com drogas na vagina

Publicado

em

Mãe de detento é presa após tentar entrar na cadeia com drogas na vagina

A faxineira A. P. N., de 42 anos, foi presa após ser flagrada tentando entrar no CPP (Centro de progressão Penitenciária), no Jardim Novo Ângulo, em Hortolândia. A indiciada tentava visitar o filho, que não foi qualificado em boletim de ocorrência, quando foi flagrada com cinco porções de cocaína e 147 comprimidos dentro da cavidade vaginal. O caso aconteceu na manhã de domingo.

Segundo o boletim de ocorrência, a mulher entrou no complexo penitenciário para visitar o filho. No entanto, na sala de revista, durante vistoria, foi constatado que a faxineira estava com drogas escondidas no órgão genital.

Além da cocaína, a mulher trazia 147 comprimidos nas cores laranjas e azuis, que serão periciados pelo IC (Instituto de Criminalística), em Campinas, que investigará o tipo do medicamento que os comprimidos se tratam.

VERSÃO

Para os agentes penitenciários, a indiciada alegou que foi procurada por telefone por uma mulher desconhecida, que marcou um encontro na Rodoviária de Campinas. Ao chegar à rodoviária, a faxineira foi surpreendida por um mulher que trazia um pacote.

Segundo a faxineira, a mulher teria afirmada que o pacote se tratava apenas de “remédios” e afirmou que deveria ser entregue para um detento conhecido como “James”. A mulher ainda informou que os comprimidos seriam divididos com outros detentos.

A faxineira alegou desconhecer o fato de “estar carregando drogas, pois o pacote estava lacrado”, no entanto, ela recebeu voz de prisão em flagrante por tráfico de drogas, conforme o artigo 33 do Código penal Brasileiro, sendo encaminhada para a Cadeia Feminina de Santa Bárbara d’Oeste.

O caso foi registrado no Plantão Policial de Hortolândia e será apurado pela Polícia Civil através do 1º Distrito Policial do Município.

No último dia (16/10), o ajudante K.F.D.C., de 21 anos, que cumpre pena por tráfico de drogas no CPP (Centro de Progressão Penitenciária) de Hortolândia foi flagrado por agentes penitenciários em posse de 24 porções pequenas de maconha. Ele foi surpreendido em sua cela no Pavilhão 2 da unidade prisional.

Questionado, o rapaz disse que a droga era para seu uso pessoal e que havia comprado aquela quantidade de maconha dentro da prisão. Mas a sua versão não convenceu aos agentes, que o levaram ao plantão policial, onde ele foi indiciado novamente por tráfico de drogas.

Reportagem: Thiago Alves | Hortolândia



Policial

Pediatra é preso em Monte Mor por suspeita de abusar de adolescente de Hortolândia 

Publicado

em

Por

Um médico pediatra de 65 anos foi preso na última sexta-feira (5) em Monte Mor por suspeita de abuso sexual a um adolescente de 14 anos durante o atendimento em Hortolândia. Ele foi conduzido à delegacia e após ser ouvido foi levado para uma penitenciária em Sorocaba. 

O médico foi alvo de um mandado de prisão preventiva expedido no último dia (3) pela 1ª Vara Criminal de Hortolândia, e foi localizado atendendo em uma clínica em Monte Mor. O advogado do pediatra informou que a prisão foi infundada e arbitrária, e destacou que irá se manifestar sobre o conteúdo das investigações somente no processo.

Foi instaurado um inquérito em 3 de janeiro pelo 1º Distrito Policial de Hortolândia. A Segunda Promotoria de Justiça da cidade acompanha o caso, que está em segredo de Justiça. 

O médico atuava em clínicas particulares nas cidades de Monte Mor e Hortolândia. A Justiça que fez o pedido de prisão preventiva, investiga o crime de estupro contra vulnerável. 

A Secretaria de Saúde em Hortolândia informou através de nota que o médico foi servidor da cidade, em junho e está aposentado desde então. “A administração municipal está à disposição das demais autoridades para colaborar com a investigação”, diz o texto.

Em Monte Mor o médico atendia na cidade, mas não atuava na rede pública.

Continue Lendo

Policial

LSD com mortadela: mercadoria foi enviada para o CDP de Hortolândia 

Publicado

em

LSD-mortadela

Mercadoria (LSD com mortadela) foi enviada por mãe de custodiado 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa que policiais penais do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Hortolândia encontraram 275 micropontos de LSD dentro de uma mortadela.

O flagrante ocorreu neste quarta (03/08), durante o procedimento de revista das mercadorias enviadas por familiares de detentos.  

No caso desta ocorrência, a remetente está cadastrada no rol de visitas como mãe de um custodiado. O material apreendido foi encaminhado para a delegacia, onde foi feito o boletim de ocorrência.

O preso que receberia o alimento foi isolado preventivamente para procedimento disciplinar. A SAP informa que as pessoas flagradas tentando introduzir ilícitos no sistema prisional são suspensas do rol de visitas temporariamente. 

Continue Lendo

Policial

Maconha é encontrada em mercadoria enviada para o CDP de Hortolândia

Publicado

em

Mãe de custodiado enviou a droga dentro de um pacote de fumo 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa que agentes de segurança do CDP de Hortolândia encontraram 24 gramas de maconha escondidos dentro de uma embalagem de fumo que a mãe de um custodiado havia enviado para o CDP.

O flagrante ocorreu ontem à tarde, quando foi feito a revista das mercadorias enviadas por familiares de detentos para a unidade prisional.

O material apreendido foi encaminhado para a Delegacia, onde foi instaurado o boletim de ocorrência. O preso que receberia os itens pessoais foi isolado preventivamente para apuração dos fatos.

A SAP informa que as pessoas que tentam inserir ilícitos nas unidades prisionais são suspensas do rol de visitas temporariamente.  

Continue Lendo

Noticias

Populares