Um jovem de 18 anos foi acusado de ser responsável por gerenciar o abastecimento de drogas nas “biqueiras” de Sumaré na manhã desta terça-feira (12), na Rua Antônio Sovarizzi, localizada no bairro Parque Silva Azevedo da mesma cidade.

Conforme o boletim de ocorrência, a equipe de patrulhamento recebeu uma denúncia de quem o indivíduo gerenciava as biqueiras do bairro Dalvina e que, em sua residência, haveria guardado uma grande quantidade de drogas e uma pistola calibre .380. Diante das informações, os PMs foram até o local, sendo recebidos pela mãe do jovem, de 57 anos, que liberou a entrada da equipe após explicarem a situação.

Assim que chegaram no quarto do jovem, o mesmo confessou que tinha drogas no cômodo, sendo apreendido um total de 995 porções de maconha, em torno de 1,216 kg, e 1947 tubos de cocaína, pesando 2,077 kg. Além disso, ele também explicou que era responsável por distribuir a droga no bairro Dalvina para receber uma quantia de R$ 1000,00 por semana, no entanto, negou ser o gerente da biqueira.

Além disso, também foi encontrado R$ 3240,00 em espécie, uma maquininha de cartão, 4 celulares – que não soube desbloquear e nem informar a procedência – e 20 munições de arma de fogo calibre 380. Ao ser indagado sobre a origem da munição, informou ter comprado para revende-las.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao jovem pelo crime de tráfico de drogas, sendo conduzido até o Plantão Policial de Sumaré para registro do boletim de ocorrência e permanecer à disposição da justiça.

Por: Raissa RIbeiro

Artigo anteriorJovem é furtada dentro do mercado, no Remanso Campineiro, em Hortolândia
Próximo artigoMulher tem carro roubado no portão de casa em Hortolândia