Connect with us

Policial

Indivíduos são presos por série de crimes em Hortolândia

Publicado

em

Uma equipe da força tática estava em patrulhamento na manhã de ontem (19) pela avenida Sabina Baptista de Camargo, no Jardim Novo Angulo quando optou por entrar no condomínio França, onde localizou dois indivíduos suspeitos que os levaram a mais dois acusados. Os homens tentaram fazer troca de favores com a polícia, mas foram presos.

Ao adentrar o condomínio, um indivíduo que estava em um veículo no estacionamento se assustou com a presença da polícia e apresentou nervosismo, descendo do carro e se aproximou de um segundo homem que colocava uma caixa em um outro veículo modelo pálio weekend.

Sendo realizada a abordagem, nada de ilícito foi encontrado na busca pessoal, contudo na busca pelos veículos foi localizado uma bolsa com seis tijolos e meio de maconha, um tijolo e mais três pedaços de crack, mais uma sacola contendo vinte e cinco pedaços de maconha. No porta malas do primeiro veículo havia uma pasta com xerox de diversos documentos do homem que, segundo os abordados, era o contratante deles.

Em frente ao veículo havia um segundo automóvel no modelo línea com a porta do motorista aberta e a chave na ignição. Ao serem indagados, os abordados afirmaram que o veículo também era de seu chefe.

A equipe se direcionou ao bloco que se referia às vagas que os veículos ocupavam, onde encontraram uma mulher que se identificou como companheira do propietário dos veículos e indicou o apartamento que morava. Ao chegar no local, os policiais foram recebidos pelo homem em questão e, após conferência com os documento localizados dentro do veículo, informaram sobre a droga. A companheira o reprimiu afirmando que não queria coisas erradas em casa ou nos carros. O homem assumiu a propriedade das drogas e envolvimento com o tráfico. Ao ser questionado se havia algo de ilícito no apartamento ele negou e permitiu que fosse realizada a busca, onde fora localizada apenas a quantia de R$610,00 reais em notas diversas.

O homem foi informado que seria conduzido a delegacia por tráfico de drogas e, nesse momento, ele pediu que os policiais o deixasse livre e informou que havia outro apartamento no condomínio vizinho (Condomínio Portugal), onde estaria residindo um outro individuo recém saído do sistema penitenciário e que guardava duas armas de fogo que eram de sua propriedade e, afirmou que a polícia podia ficar com as armas se o deixasse livre.

Com as informações a polícia se deslocou até o segundo apartamento, onde ao chamar na porta ouviu-se a porta ser trancada e passos no imóvel. O cerco foi feito e pela janela de um dos quartos o sargento avistou dois kits de crack prontos para venda. Com isso, foi realizada a entrada no local e a varredura, onde localizou- se o indivíduo indicado. Em busca pessoal nada de ilícito fora encontrado. Após a abertura da porta para os demais policiais, o tenente localizou um garrafão de água que após uma análise, concluiu que a quantidade de água dentro do recipiente não era condizente à capacidade do mesmo e o peso também era superior ao esperado. O garrafão foi esvaziado e um fundo falso foi encontrado, dentro dele haviam duas pistolas, sendo uma calibre .380 com um carregador com cinco munições intactas e numeração suprimida, e outra calibre 9mm com dois carregadores, sendo um com quatro munições intactas e dezenove kits de crack prontos para venda.

Questionado sobre os achados, o homem afirmou que o apartamento era alugado e que algumas coisas já estavam no local. Durante a operação, o advogado do indivíduo compareceu ao local e tomou posse da chave do apartamento.

Dada a voz de prisão ao homem, a polícia retornou ao apartamento do proprietário que, ao ser informado que o outro indivíduo teria recebido voz de prisão, veio oferecer um carregamento de “colombinha” maconha avaliado em três milhões de reais que, segundo ele, receberia em alguns dias desde que fosse liberado do flagrante. Os quatro envolvidos foram encaminhados ao plantão policial juntamente aos veículos e às drogas.

O delegado ratificou a voz de prisão autuando os indiciados no crime de tráfico de drogas, posse de arma de fogo de uso restrito, corrupção ativa, desobediência e resistência. Os indivíduos ficaram à disposição da justiça.

Por: Elizangela Tasselli

Policial

Guarda Municipal ganha novos armamentos

Publicado

em

Foram investidos R$ 200 mil na compra de novas pistolas e escopetas para uso da corporação hortolandense

A Guarda Municipal de Hortolândia conta, a partir de agora, com equipamentos novos e mais modernos. Uma cerimônia, realizada no final da tarde desta quarta-feira (15/09), marcou a entrega oficial de armamentos à corporação.


Com a presença do prefeito José Nazareno Zezé Gomes, da deputada federal Katia Sastre e do secretário de Segurança, Joldemar Nunes Correa, foram entregues pistolas 9mm, escopetas calibre .40 e rádios comunicadores. Os novos armamentos foram adquiridos por meio de emenda parlamentar encaminhada pela deputada, que é policial militar licenciada.

O prefeito destacou que a compra dos novos equipamentos são importantes para continuar o trabalho de modernização da estrutura da Guarda Municipal de Hortolândia e agradeceu o empenho da deputada, que vem defendendo ao longo do seu mandato a segurança pública. “Agradeço a deputada Katia Sastre pela emenda de R$ 200 mil para a compra dos novos armamentos, que sem dúvida, eleva ainda mais o padrão da nossa corporação. No mês de maio, durante as comemorações dos 30 anos do nosso município, havíamos feito uma compra iniciando esse processo de modernização, com a aquisição de pistolas, carabinas e espingardas, além de dispositivos não letais, como gás de pimenta, dispositivo elétrico incapacitante (spark) e munição de borracha. Sem dúvida a nossa segurança pública ganha muito”, destacou Zezé.

A deputada Katia Sastre agradeceu a recepção recebida em Hortolândia e destacou que ela vem trabalhando para melhorar a segurança pública, em especial no Estado de São Paulo. Até agora, em seu mandato, ela destinou R$ 200 mil para a compra de armamentos e destacou que encaminhou mais uma emenda de R$ 100 mil para a área da segurança pública. “Tenho um carinho especial por Hortolândia e relembro com carinho as oportunidades que tive para dialogar com o saudoso prefeito Angelo Perugini. Esse recurso de R$ 200 mil foi destinado no ano passado, período em que ele ainda Administrava a cidade. Veio a fatalidade e com maestria o governo vem sendo liderado pelo amigo prefeito Zezé, que deu prosseguimento e, por conta disso, estamos entregando esses equipamentos importantes e que fortalece ainda mais a Guarda Municipal”, afirmou a deputada.

O secretário municipal de Segurança explicou que as pistolas 9mm estabelece um novo patamar para a corporação hortolandense e disse que a proposta é garantir esse armamento para todos os guardas dentro do atual mandato. “Por questão de segurança não podemos informar a quantidade de pistolas e carabinas adquiridas, mas o que posso dizer é que esses equipamentos colocam a nossa corporação em uma situação de destaque na região e a nossa proposta é uniformizar e garantir para todos os guardas essas novas pistolas. Nossa Administração preza para que nossos servidores no exercício de suas funções sejam sempre capacitados e utilizem equipamentos condizentes com o avanço da tecnologia”, finalizou Jold.

Continue Lendo

Policial

Queda de avião em Piracicaba deixa mortos

Publicado

em


Na manhã dessa terça feira (14), uma aeronave de asa fixa caiu em Piracicaba.

De acordo com o Corpo de Bombeiros sete pessoas morreram após a queda.

Imagens divulgadas pela corporação mostram um incêndio em um bosque causado pelo acidente.

Foto: Corpo de Bombeiros/PMESP

Continue Lendo

Policial

Mulher tenta entrar no CDP Hortolândia com droga e relatórios do crime organizado

Publicado

em


Mais de 40g de maconha estava escondida no cós da calça da suspeita


A Secretária da Administração Penitenciária (SAP) informa que, na manhã de sábado, 11, uma visitante foi surpreendida ao tentar passar pelo scanner corporal do Centro de Detenção Provisória de Hortolândia (CDPH), quando tentava visitar o companheiro.


As imagens do aparelho mostram irregularidades no cós da calça que a suspeita vestia, e após uma conversa com agentes penitenciários, a mulher admitiu que estava com 47 gramas de maconha, além de relatórios e recados de uma organização criminosa.

A visitante foi encaminhada à delegacia e o detento foi isolado, preventivamente, em pavilhão disciplinar.

Continue Lendo

Populares