Nossa Região

Três toneladas de peixe morrem no minipantanal

Três toneladas de peixe morrem no minipantanal

Dois dias depois de anunciar a revitalização do mini pantanal, um dos principais pontos turísticos de Paulínia, a Prefeitura registrou na manhã desta sexta-feira (10/01), a morte de milhares de peixes no Rio Atibaia. As causas da morte, segunda a Secretaria do Meio Ambiente da cidade, são as altas temperaturas, o baixo nível das água – 1,3 metro abaixo do nível normal – e, principalmente os resíduos químicos que são despejados no local.

“O nível da água está muito abaixo, não é suficiente para diluir os poluentes despejados pelas empresas”, afirmou o ambientalista Henrique Padovani, diretor de Desenvolvimento do Meio Ambiente de Paulínia. Segundo ele, cerca de 3 toneladas de peixes – entre tilápia, cascudo, mandiva, piava, tuvira, piapara e bagre – morreram. Amostras da água foram colhidas pela Cetesb para passar por análise. A Prefeitura deve instaurar um inquérito policial para investigar a mortandade.

Fonte: RAC



Para mais notícias, eventos e empregos, siga-nos no Google News (clique aqui) e fique informado

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98