“Possibilidades de interação e manutenção de vínculo na creche em tempos de pandemia” foi tema da formação online, promovida pela Prefeitura de Hortolândia e concluída nesta terça-feira (11/05). O evento, organizado pela Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, foi voltado aos profissionais da Educação Infantil da rede municipal de Hortolândia.

Os encontros, por meio da plataforma Zoom, propuseram uma reflexão sobre a prática diária e os atuais desafios que o período de pandemia apresenta. Discutiu-se ainda a necessidade de ampliar as possibilidades de recursos para a qualidade da manutenção do vínculo com as crianças e famílias.  

A formação online teve dois dias de encontro, quinta-feira (06/05) e terça-feira (11/05), e contou com a participação de mais de 500 educadores infantis. Durante o encontro, os profissionais discutiram estratégias e abordagens diferentes para manter um vínculo efetivo com os alunos da creche, no período de isolamento social, refletindo também o papel fundamental dos educadores nesse momento tão diferente para cada criança.  

“Muito importante e significativo socializarmos diferentes possibilidades de evidenciar e efetivar o trabalho de interação e manutenção de vínculo com os bebês e suas famílias que os nossos educadores infantis desenvolvem em tempos de educação remota”, destaca a diretora do Departamento de Educação Infantil, Simone Locatelli. 

Os educadores também puderam tirar dúvidas e trocar experiências e aprendizados adquiridos no sistema de ensino remoto com a formadora do encontro, a coordenadora pedagógica do Centro de Formação dos Profissionais da Educação “Paulo Freire”, Solange Cachimiro Ferreira de Biazzio.   

“Essa ação formativa buscou integrar ainda mais os educadores infantis abrindo espaço para a acolhida e troca de experiências, fortalecendo a prática educativa deste profissional e sua importância para os bebês e famílias neste contexto de pandemia.” ressalta a Coordenadora Pedagógica, Solange Cachimiro.  

Para Adriana Rodrigues de Oliveira, profissional há seis anos na rede e educadora infantil da Emei (Escola Municipal de Educação Infantil) Jardim Interlagos, “nós, educadores que atuamos na Educação Infantil, estamos vivendo tempos de ressignificação das experiências vividas em sala de aula e agora foram transformadas para serem vividas em casa. A formação veio para reforçar que, mesmo distantes, precisamos manter o vínculo com estas famílias. Para nós, educadores, possibilitou a certeza em saber que estamos no caminho certo!”, afirma a profissional.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia