Connect with us

Nossa Cidade

Prefeitura intensifica combate às queimadas

Publicado

em

A Prefeitura intensificou a fiscalização em toda a cidade a fim de reduzir a ocorrência de queimadas em Hortolândia. É que, nos meses de Inverno, em razão do tempo seco e da falta de umidade relativa do ar, focos de incêndio são vistos com mais frequência pela cidade e podem se alastrar rapidamente, o que acarreta danos ambientais e sérios riscos à saúde das pessoas e ao patrimônio público e privado.

Somente neste ano, de janeiro a julho, houve 550 notificações de queimadas em Hortolândia. Os meses de maio, junho, julho e agosto são considerados os mais críticos. As ocorrências foram registradas em toda a cidade, sobretudo nos bairros Parque Gabriel, próximo à Região Central; e nos jardins Santa Maria e São Felipe, bairros mais novos e com poucas residências.

“Esta situação nos preocupa muito porque, diariamente, são registrados novos pontos de queimadas. É um problema ambiental e também de saúde pública”, alerta a secretária-adjunta de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Eliane Nascimento.

Ela destaca que a parceria da comunidade é fundamental para evitar e combater o problema. “Quase todos os focos de incêndio são causados por descuido. Por isso, cada um deve contribuir para evitar esses grandes desastres. Faça a sua parte”, orienta o panfleto distribuído pela Administração, durante o trabalho de educação ambiental.

Crime ambiental

Outro aspecto importante desta questão diz respeito à educação ambiental das pessoas. Afinal, ainda são vistos pela cidade velhos hábitos que afetam o coletivo e podem desencadear incêndios descontrolados, como jogar bituca de cigarro na rua e queimar folhas, mato ou lixo. Práticas que podem afetar o bolso do munícipe, pois são consideradas crime ambiental, de acordo com a Lei Municipal 2.464/2010 e o Decreto Municipal 2.375/2010. As multas variam entre 255 e 2.040 UFMHs, o equivalente a R$ 818,19 e R$ 6.465,33 respectivamente.

A Secretaria de Meio Ambiente chama atenção para outro aspecto relevante, previsto no artigo 7° da Lei 2.464/2010. Caso a queimada aconteça em terreno vazio e não limpo, em que não seja possível identificar o autor, “a penalidade será aplicada ao proprietário do imóvel, independentemente da autoria.”

O que fazer em caso de incêndio?

Em caso de queimadas e incêndios, a população deve acionar, pelos números 193 ou 3909.1258, o Corpo de Bombeiros, a quem compete o combate a focos de incêndio.

Se o caso é de descarte irregular de resíduos, o que pode favorecer a ocorrência de queimadas, basta denunciar à Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, via aplicativo WhatsApp, no número 99976-1840. De segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, é possível também ligar para 3965.1400, ramal 7913. Aos sábados, domingos e feriados, outra opção é chamar a Defesa Civil no 199, que atua 24 horas por dia.

Algumas consequências das queimadas:

  • Poluição do ar

  • Problemas respiratórios

  • Destruição da vegetação

  • Danos ao solo, facilitando a erosão

  • Perigo às residências

  • Acidentes de trânsito

  • Aceleração do Efeito Estufa

Ajude a proteger o meio ambiente com alguns cuidados:

  • Não queime entulho ou plantações

  • Não jogue cigarro na rua

  • Não acenda fogueiras perto das florestas

  • Não solte balões

Nossa Cidade

Vôlei de praia e futebol representam Hortolândia nos Jogos Regionais neste sábado (20/08)

Publicado

em

Atletas treinam no Projeto Escolinhas Esportivas da Prefeitura

O final de semana será agitado para as equipes de alto rendimento do Projeto Escolinhas Esportivas da Prefeitura de Hortolândia. Neste sábado (20/08), os meninos do vôlei de praia e futebol representam a cidade em mais uma rodada de partidas pelos Jogos Regionais. O vôlei de praia joga em Mogi-Guaçu. Às 10h30 enfrenta a equipe de Leme e, ao meio-dia, o adversário será Amparo. Em caso de vitória, os hortolandenses disputam a fase final no domingo (21/08).  Já o time de futebol tem compromisso importante em São José do Rio Pardo. Às 13h enfrentam Indaiatuba pelas oitavas-de-final. Em caso de vitória, Hortolândia joga no domingo às 11h em Bragança Paulista pelas quartas-de-final.

“O apoio ao nosso esporte é importante para obter resultados e, também, contribuir com o futuro dos nossos jovens, tanto os que continuarem na carreira esportiva como para a vida. O esporte continua sendo uma das principais e mais importantes ferramentas para a inclusão social. Sorte aos nossos meninos em mais uma rodada de partidas nos Jogos Regionais”, comenta o secretário de Esporte, Gléguer Zorzin.

Hortolândia representada em diversas modalidades

O handebol concluiu a participação nos Jogos Regionais com a medalha de bronze. A equipe também treina nas estruturas do projeto da Administração Municipal. Além do handebol, futebol e do vôlei de praia, Hortolândia está representada no vôlei de quadra, atletismo livre masculino e feminino, capoeira livre feminino e masculino, futsal masculino, ginástica artística feminina até os 14 anos de idade e masculina até os 16 anos, ginástica rítmica, judô masculino e feminino, taekwondo masculino e feminino e karatê masculino e feminino.  

Vagas para os Jogos Abertos em outubro

Nos Jogos Regionais, as cidades de São Paulo são divididas por regiões esportivas e os municípios competem entre si. Ao término dos Jogos Regionais, as modalidades com melhores desempenhos de cada município garantem a classificação para a 84ª edição dos Jogos Abertos do Interior “Horácio Baby Barioni”, que neste ano, serão realizados no mês de outubro, em Sorocaba. 

Última edição dos Jogos Regionais foi em 2019

Na edição 63, disputada no mês de julho de 2019, em Americana, foram 36 medalhas conquistadas por Hortolândia. No geral, 13 medalhas de ouro, 13 de prata e 10 de bronze. Os meninos e meninas trouxeram para casa um sétimo lugar na classificação, mesmo resultado obtido em 2018. Em 2019, 50 cidades da região esportiva que Hortolândia pertence participaram da competição. Em 2018, foram 44 municípios que disputaram os Jogos Regionais na região que Hortolândia está inserida. 

 

 

Fonte: Prefeitura

Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura de Hortolândia divulga boletim da COVID-19

Publicado

em

Boletim tem atualização feita semanalmente

A Prefeitura de Hortolândia divulga o boletim de casos de COVID-19 e de óbitos desta semana (confira as tabelas abaixo). A atualização dos dados passou a ser semanal desde julho deste ano.

A Prefeitura iniciará as vacinações para crianças de 3 anos e de 4ª dose para pessoas de 30 anos ou mais no Dia D, neste sábado (20/08).  

A Secretaria de Saúde reforça a informação que continua a vacinação diária contra a COVID-19 em oitos UBSs. Nas demais unidades, a vacinação é feita em dias diferentes da semana.

 

Dados da semana

(12 a 18/08)

Total até semana anterior

(01.01.2022 a 11.08.2022)

Total do ano

(01.01.2022 a 18.08.2022)

Casos notificados

712

36. 809

37.692

Casos positivos

124

12.372

12.496

Óbitos

2

88

90

Total de óbitos + casos positivos

126

12.460

12.586

Casos negativos

442

23.559

24.001

Casos em investigação

1.132

957

1.099

Óbitos registrados na semana:

Óbito

Data do óbito

Gênero

Idade

Comorbidades

870

15/03/2022

Feminino

75

Doença cardiovascular crônica

871

09/03/2022

Feminino

80

Não informado

Fonte: Prefeitura

Continue Lendo

Nossa Cidade

Projeto “Concertos Oficiais” terá os grupos Madeira Brasil e Turuntuntun

Publicado

em

Evento será na próxima terça-feira (23/08), às 20h, no CEMMH Maestro Ronaldo Dias de Almeida

Os apreciadores das músicas erudita e instrumental irão se regozijar com o projeto “Concertos Oficiais – Série Inverno”, promovido pela Prefeitura de Hortolândia, na próxima terça-feira (23/08). As atrações serão os grupos Madeira Brasil e Turuntuntun. O projeto será, às 20h, no Centro de Educação Musical Municipal de Hortolândia Maestro Ronaldo Dias de Almeida, localizado na rua Vicente Palhão s/nº, Jardim Santa Cândida. Para assistir os concertos, é necessário retirar os ingressos no local das 19h até às 19h45.

O grupo Madeira Brasil, formado por clarinetas, apresentará um trecho da obra “A flauta mágica”, um dos trabalhos mais conhecidos do compositor austríaco Mozart. Gênio precoce, durante a infância e adolescência, Mozart já havia criado mais de uma centena de peças musicais. 

Já o Turuntuntun, formado por instrumentos de percussão, apresentará a obra “Mitos brasileiros”, do músico fluminense Ney Rosauro. A obra é dividida em cinco movimentos, cada um deles dedicado a um personagem conhecido do folclore brasileiro (Curupira, Iara, Saci Pererê, Uirapuru e Mula sem cabeça). Rosauro é um músico com reconhecimento internacional. Ao longo de sua carreira já realizou recitais, concertos, workshops e residências em conservatórios e instituições de ensino em mais de 45 países. Com 11 discos lançados, Rosauro já foi diretor de percussão da University of Miami (Estados Unidos). Também é reconhecido por seus livros sobre métodos de aprendizado de percussão.

CONCERTOS OFICIAIS 

O projeto “Concertos Oficiais”, realizado pela Secretaria de Cultura, promove a difusão da música clássica e a formação de público por meio das apresentações dos grupos de câmara do CEMMH, cujos integrantes são alunos e músicos formados no centro. A programação de concertos acontece durante o ano nas estações outono, inverno e primavera.

Confira abaixo os programas do projeto “Concertos Oficiais” da terça-feira (23/08):

Madeira Brasil:

– “A flauta mágica – Abertura” (“Overture The Magic Flute”, Wolfang Amadeus Mozart)

arranjo: Franz Lotz

– “Antigas danças húngaras” (“Early hungarian dances”, Ferenc Farkas)

– “Ulla in Africa” (Heiner Wiberny)

– “Aquarela do Brasil” (Ary Barroso)   

arranjo: Wilmar Sartori

clarineta e requinta: Rodrigo da Luz Pironelli

clarinetas: Caroline Vidal Ribas, Vanessa Teixeira Vidal, Melanie Jasper Silva e Letícia Dias Alves

clarinetes baixos: Leandro Alves e Kaio Dias de Moura

percussão: Adriana Laranjeira

Turuntuntun:

– “Mitos brasileiros para quarteto de percussão” (Ney Rosauro):

I. Curupira

II. Iara

III. Saci Pererê 

IV. Uirapuru

V. Mula sem cabeça

instrumentos de percussão: Adriana Laranjeira, Clayton Pereira Gonçalves Morais, Jefferson Henrique Pereira e Priscila Pereira de Andrade Filier

Participação especial: Adailton José Justino (narração)

Fonte: Prefeitura

Continue Lendo

Populares